Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
08 Jan, 2020 - 09:33

Programa de Educação Estética e Artística: objetivo e áreas de intervenção

Mónica Carvalho

A cultura e arte são fundamentais no desenvolvimento infantil. Nesse sentido, conheça melhor o Programa de Educação Estética e Artística.

Programa de Educação Estética e Artística

Quando a cultura e a arte passam a fazer parte do processo educativo todos têm a ganhar. Foi com esta ideia que o Ministério da Educação e Ciência criou o Programa de Educação Estética e Artística (PEEA), cuja implementação tem vindo a desenvolver modelos alternativos de formação dos profissionais de educação, no domínio das diferentes formas de arte, assim como ações conjuntas entre os Agrupamentos de Escolas e as Instituições Culturais, realizando um trabalho de parceria entre os docentes, os alunos e as suas famílias.

O PEEA foi, assim, criado com o objetivo de promover as artes e a cultura no universo escolar, em parceria, sempre que possível, com diferentes instituições culturais, como museus, teatros e academias, entre outras.

Pretende-se incentivar o gosto pela arte, junto de crianças, professores e famílias, e que essa aproximação leve à criação de hábitos culturais e à sua valorização como uma forma de conhecimento, que se reveste de especial importância para o desenvolvimento permanente do ser humano.

Apesar de ser um programa ministerial, o PEEA tem contado com o cofinanciamento de várias instituições – Fundação AGA KHAN, Fundação Calouste Gulbenkian e Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI).

Implementado desde 2010, já envolveu um total de 5635 docentes e 99843 alunos, que ajudaram a alcançar conquistas importantes:

  • Desenvolver um plano de intervenção no domínio das diferentes formas de arte – Educação e Expressão Plástica, Educação e Expressão Musical, Movimento e Drama/ Teatro e Dança;
  • Reforçar a parceria entre os agrupamentos de escolas e/ou escolas não agrupadas e as instituições culturais;
  • Envolver crianças, docentes e famílias para desenvolver o gosto pelas diferentes formas artísticas;
  • Valorizar a arte como uma forma de conhecimento.

Além das parcerias com agrupamentos de escolas e instituições culturais, o PEEA também realiza protocolos com centros de formação, autarquias e outros subprogramas governamentais.

Capacidades incentivas pelo Programa de Educação Estética e Artística

teatro crianças

O PEEA pressupõe uma “progressiva aprendizagem dos saberes integrados com diferentes universos culturais” em que se privilegiem determinadas capacidades. Saiba quais.

Desenvolvimento da criatividade

Apelar à mobilização e integração de um conjunto de experiências, saberes, e processos que as crianças percecionam, selecionam e organizam, atribuindo-lhes novos significados. Só assim é possível um enriquecimento do universo simbólico infantil, que pode assumir diferentes manifestações e experimentações, nomeadamente plásticas, cinestésicas, teatrais, musicais.

Sentido estético

Para incentivar o sentido estético das crianças importa criar oportunidades de apreciar e fruir diferentes manifestações artísticas. Tal pode acontecer com um maior contacto com o meio envolvente, com a natureza, com a cultura, com diferentes formas de expressão artística.

Desta forma, as crianças estão familiarizadas com o facto de poderem apreciar a beleza em diferentes contextos e situações.

Contacto com diferentes universos culturais

O desenvolvimento das características referidas (criatividade e sensibilidade estética) só pode ser efeito através do contacto com diferentes manifestações artísticas, que representem diferentes épocas, culturas e estilos, ou seja, através de diferentes formas de arte, como a música, o teatro, a dança e as artes visuais.

Finalidades do Programa de Educação Estética e Artística

Foram criados vários objetivos a atingir com a implementação prática deste programa. Atente:

  • Desenvolver ações conjuntas e mutuamente enriquecedoras entre Escola e Instituições Culturais, antecipando a cultura como uma necessidade no processo educativo;
  • Incentivar a dimensão estética da educação através da apropriação da linguagem das várias formas de arte;
  • Implementar estratégias, interativas e participantes, cujas ações assegurem a articulação curricular e integrem a dinâmica de diversas linguagens;
  • Sensibilizar os docentes e as famílias para o papel da arte na formação das crianças e para a sua relação com outras áreas do saber;
  • Estimular o conhecimento do património cultural e artístico como processo de afirmação da cidadania e um meio de desenvolver a literacia cultural.

Pressupostos do Programa de Educação Estética e Artística

O sucesso do programa está dependente de uma série de fatores:

  • Abranger progressivamente todos os níveis de ensino, dando prioridade, nesta primeira fase, à Educação Pré-Escolar e ao 1º Ciclo do Ensino Básico;
  • Desenvolver os conhecimentos e capacidades nas áreas das expressões artísticas, através da formação dos profissionais de educação, em contexto de trabalho;
  • Fomentar o trabalho sistemático entre as várias instituições culturais, instituições do Ensino Superior, articulando as diferentes sinergias;
  • Incentivar dispositivos de avaliação das práticas desenvolvidas em contexto escolar.
Veja também