Marta Maia
Marta Maia
09 Mai, 2014 - 15:59
4 passos para preparar a renovação do seguro automóvel

4 passos para preparar a renovação do seguro automóvel

Marta Maia

Saiba como preparar a renovação do seguro automóvel e que passos seguir para fazer um bom negócio.

O artigo continua após o anúncio

Uma vez por ano chega a altura da tão esperada renovação do seguro automóvel e começa a expectativa: será que vai pagar mais? Será que não há ofertas melhores no mercado?

Apesar de não pensarmos nele todos os dias, o seguro do carro é, muitas vezes, uma das alíneas mais pesadas do orçamento familiar. No entanto, e porque a burocracia é sempre tanta e os competidores se acotovelam tanto no mercado, trocar de seguro automóvel – sobretudo sem a ajuda de um mediador – é um trabalho cansativo que nem sempre queremos ter, e por isso acabamos “agarrados” ao seguro de sempre, anos a fio.

A renovação do seguro automóvel deve, contudo, ser uma prática regular para todos os condutores. Porquê? Porque um bom comportamento ao longo do ano dá direito a bónus, e nem todas as seguradoras se “lembram” desse detalhe. Há condutores que pagam cada vez mais de seguro todos os anos, mesmo não tendo acidentes, e nem se apercebem disso.

Reunimos, por isso, um conjunto de passos a tomar para preparar a renovação do seguro automóvel. Eles servem para se preparar com antecedência, por forma a que tudo corra sem sobressaltos.

Como preparar a renovação do seguro automóvel

1. Não deixe para a última

renovacao do seguro automovel

Não é boa política pensar na renovação do seguro automóvel dois dias antes de ela ter de acontecer. A pressa, já se sabe, é inimiga da perfeição, e a urgência de ter um seguro (porque não pode andar com o carro sem ter um seguro) pode levá-lo a renovar a sua apólice sem ajustes ou até a cair na conversa de outra seguradora que, no fim de contas, até lhe leva mais caro pela mesma proteção.

O ideal é começar a preparar a renovação do seguro automóvel com, pelo menos, dois meses de antecedência. Se isso calhar no verão, pondere antecipar o processo um pouco – pelo menos a parte de prospeção do mercado -, para evitar os constrangimentos dos períodos de férias.

2. Estude a sua apólice

renovacao do seguro automovel

Só sabe se há ofertas melhores do que a que tem agora se, de facto, conhecer a que tem agora. Recupere a apólice do seu seguro automóvel e estude tudo: o prémio, as tabelas de bónus e malus, as tabelas de desvalorização do carro, as coberturas. Tome nota de tudo o que é importante, porque é isso que vai querer comparar com as ofertas da concorrência.

Ao estudar a apólice, aproveite e assinale as coberturas das quais não se importa de abdicar para conseguir um preço mais baixo. Vão dar-lhe jeito para comparar ofertas e negociar com as seguradoras.

O artigo continua após o anúncio

Uma dica adicional: construa um ficheiro excel onde resume, para cada apólice que encontrar, os dados essenciais. Com os números lado a lado é sempre mais fácil comparar sem perder de vista os detalhes.

3. Peça simulações

renovacao do seguro automovel

Na altura da renovação do seguro automóvel é importante que faça o seu trabalho de casa, mas também que obrigue as seguradoras a fazer o delas. Procure todas as que, na fase de pesquisa, lhe despertaram interesse e peça uma simulação.

Em princípio vão enviar-lhe uma apólice-tipo, que simula aquilo que seria o seu seguro automóvel naquela empresa. Quantas mais simulações tiver, melhor.

Mais uma vez, se tiver construído o ficheiro excel para comparação, perca algum tempo a preenchê-lo com os dados das simulações que recebeu. À medida que for preenchendo já pode ir analisando – com certeza vão aparecer simulações que falham em alguma cobertura que, para si, é muito importante, e por isso podem logo ser desconsideradas para a decisão final.

4. Negoceie com a sua seguradora

renovacao do seguro automovel

A renovação do seguro automóvel não tem de ser com outra empresa, pode ser com a mesma seguradora que tinha – nós só queremos mesmo é que fiquei mais barata. Assim, munido de todas as simulações vantajosas que conseguiu e com todos os argumentos preparados, procure a sua seguradora e ponha as cartas na mesa: ou a segura lhe arranja uma contra-proposta mais interessante do que aquela que tem em vigor, ou perde o cliente para a concorrência.

Vai ver que, do lado de lá, surge o interesse em negociar (e, do seu lado, crescem os benefícios!).

Nota importante

É relativamente comum os condutores acreditarem que beneficiam da troca de seguro automóvel quando têm um acidente, para fugir à penalização resultante do sinistro. Esta teoria é, no entanto, um mito.

Se tiver um acidente de carro, esse sinistro vai ficar registado não só na base de dados da sua seguradora como estará disponível para consulta a todas as outras seguradoras que operam no mercado. Isto significa que, da mesma forma que a sua seguradora procede ao agravamento do seu prémio, qualquer outra seguradora considerará também um agravamento quando lhe fizer uma oferta nova.

O artigo continua após o anúncio

Assim, não há como fugir: da mesma forma que um historial de condução limpo o beneficia na apólice de qualquer seguradora, um historial de condução problemático também o afeta em qualquer instituição.

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp