Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Márcio Matos
Márcio Matos
30 Mai, 2018 - 11:08

13 segredos das companhias aéreas que deve saber antes de voar

Márcio Matos

Como em qualquer negócio, nem tudo é contado aos seus clientes. Porém, há 13 segredos das companhias aéreas que importa partilhar. Desvende-os!

13 segredos das companhias aéreas que deve saber antes de voar

São 13 mas, neste caso, não é sinal de pouca sorte. Os segredos das companhias aéreas podem surpreendê-lo, mas garantimos que não lhe vão tirar a vontade de andar de avião e usufruir daquele que ainda é o meio de transporte mais seguro. Todavia, ter conhecimento destas pequenas informações é uma mais-valia e fará de si um passageiro mais preparado para qualquer imprevisto.

Pronto para pôr a nu todos – ou quase – os segredos das companhias aéreas?

13 segredos das companhias aéreas que deve saber

1. Medidas de segurança de que nem se apercebe

Há medidas de segurança que são tomadas, mas não são explicadas aos passageiros. Talvez para não conduzir a situações de pânico. Por exemplo, sabia que a intensidade da luz é reduzida à noite para que os seus olhos se habituem ao escuro e, assim, se necessário se consiga orientar melhor sozinho? E talvez também não saiba que as mesas/tabuleiros de apoio são recolhidos na descolagem e na aterragem para que se possa proteger, caso surja algum imprevisto ou acidente.

Finalmente, no caso de haver algum contratempo há algo que deve fazer e nem sempre lhe é dito. Abra sempre a persiana/estore da janela. Assim, os bombeiros ou outras equipas de urgência poderão ver para dentro do avião.

voo

2. Os aviões voam com pouco combustível

Pois, se acha que antes de descolar o avião é atestado ao máximo com combustível, engana-se. Isso representaria um peso acrescido, o que faz com que as companhias atestem com os níveis mínimos e, também, poupem dinheiro. O problema põe-se caso atravesse alguma tempestade ou haja um atraso, pois aí é mais provável ser necessário fazer uma aterragem de emergência.

3. Se o seu voo está sobrelotado, não aceite o voucher que lhe ofereçam

Nestes casos, o procedimento das companhias aéreas é oferecer vouchers e aumentar os valores dos mesmos até haver passageiros que voluntariamente desistam do seu bilhete, em troca do voucher. Caso ninguém se disponibilize e seja selecionado alguém aleatoriamente, fique a saber que essa pessoa tem o direito a pedir uma compensação em dinheiro e não em voucher. Tal está regulado e é um direito de qualquer passageiro.

4. Procure os preços disponíveis para um só bilhete

Simples, mas desconhecido de muitos. Se estiver a preparar uma viagem em grupo e pesquisar por quatro bilhetes, mas para aquele voo já só existirem três disponíveis na classe mais económica, por exemplo, o que vai acontecer é que lhe vão ser logo apresentados os preços mais elevados.

Assim, pesquise sempre por um só bilhete e veja as várias possibilidades de preços existentes e, só depois, confira a disponibilidade em termos de número de bilhetes.

companhias aereas

5. Os pilotos não podem comer ao mesmo tempo, no mesmo sítio

Se acha que os pilotos podem ir almoçar juntos antes do voo como dois bons colegas de trabalho, desengane-se. Ambos têm de comer em locais diferentes ou, então, com uma hora de intervalo entre as suas refeições. Porquê? A resposta é simples. Se algo não estiver bem com a comida, há que garantir que não ficam os dois indispostos ou doentes durante o voo. Afinal, são eles os principais responsáveis pelo sucesso da viagem.

6. Se perdeu a bagagem, reclame!

Mesmo que a fila seja longa, esteja atrasado e muito, muito aborrecido, não deixe de reportar o ocorrido, o que não demora muito tempo e deve ser feito dentro do prazo legalmente estipulado, caso contrário não surte qualquer efeito.

7. Os lugares do avião estão mais pequenos

Não foram à máquina de lavar ou secar, mas a verdade é que as cadeiras dos aviões “encolherem” e não, não foi você que engordou. Os assentos do Boeing 777, por exemplo, diminuíram 2,5cm, o suficiente para criar uma fila extra de lugares.

8. Higienize e desinfete TUDO!

Não, não queremos desenvolver em si nenhum distúrbio obsessivo-compulsivo, mas realmente os aviões não são limpos com profundidade entre voos. Por isso, pelo sim, pelo não, passe uma toalhita desinfetante em tudo aquilo que estiver ao seu redor.

9. Se o seu voo for cancelado, telefone

Aconselhamo-lo a que se dirija à fila da companhia aérea, mas experimente também telefonar – quem sabe se não consegue contactar o agente primeiro por telefone do que presencialmente?

10. As companhias aéreas não gostam de sites de comparação de preços

Todos conhecemos sites como o TripAdvisor e o Orbitz, certo? E todos os adoramos, porque permitem comparar preços para viajar, usando diferentes filtros e variáveis, correto? Pois, mas a verdade é que sempre que compramos um bilhete através dessas plataformas, as companhias aéreas têm de pagar a esses mesmos sites uma taxa. Isso faz com que as companhias estejam a dificultar esta modalidade de reserva e algumas – como a Delta ou a Southwest – já acabaram com essa possibilidade de compra via sites de comparação de preços.

11. Troque de lugar no momento certo

Cerca de quatro dias antes do voo, o mapa dos lugares é atualizado e é, muitas vezes, nessa altura, que os melhores lugares aparecem livres. Essa é, por isso, a melhor altura para proceder ao pedido de troca de lugar e conseguir aquela cadeira junto à janela.

12. Não ande descalço no avião

Sabe aquela carpete fofinha, tão agradável no pé descalço? Pois, até pode ser confortável, mas deve lembrar-se que já passou por ali de tudo um pouco. Para além de outros pés de gente que nem conhece, já houve leite derramado, xixi de bebé, sangue, entre muitas outras coisas… Desagradáveis.

13. Se cancelaram o seu voo, pode pedir a devolução do dinheiro

Sempre que um voo é cancelado, a primeira iniciativa da companhia aérea é agendar-lhe um novo voo. Porém, é importante que saiba que pode sempre pedir a devolução do dinheiro, a qual a companhia aérea não lhe vai negar.

Há um pouco de tudo nesta lista de segredos, certo? Segurança, higiene, direitos do passageiro… Digamos que não são informações secretas ou sigilosas, mas simplesmente ocultadas ao passageiro – pois, na verdade, às vezes informação em excesso pode ser prejudicial para o negócio. Contudo, se é daquelas pessoas que gosta de saber tudo e conhecer bem os bastidores do local onde está, acreditamos que revelar estes segredos das companhias aéreas foi, sem dúvida, um grande mais-valia.

Veja também: