ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Isadora Freitas
Isadora Freitas
02 Fev, 2018 - 10:00

7 segredos para compras mais saudáveis

Isadora Freitas

Quer adoptar uma dieta equilibrada e não sabe por onde começar? Descubra 7 segredos para compras mais saudáveis e transforme a sua despensa.

7 segredos para compras mais saudáveis

Diz-se por aí que “somos o que comemos” e tal não poderia ser mais verdade, visto que os alimentos que consumimos no dia-a-dia têm uma influência directa no funcionamento do nosso organismo. Para que possa viver de forma equilibrada, é essencial conhecer os segredos para compras mais saudáveis e adoptar pequenos hábitos que promovam a sua saúde, como tomar um pequeno-almoço saudável e jantar algo leve.

Aqui, deixamos-lhe algumas dicas para começar a transformar o seu estilo de vida. Descubra 7 segredos para compras mais saudáveis que o irão ajudar a preencher a despensa com alimentos ricos em nutrientes.

Como fazer compras mais saudáveis

1. Seja céptico em relação a rótulos 0% e light

placeholder-1x1

Existem vários alimentos que são vendidos como saudáveis, magros, sem açúcar ou sem gordura e que, na verdade, contêm doses elevadas destes ingredientes.

Por exemplo, no caso dos iogurtes com 0% de gordura, é-lhes, muitas vezes, adicionado açúcar para dar sabor e cremosidade, o que os torna alimentos pouco saudáveis. Opte por iogurtes naturais não açucarados e adicione fruta fresca, sementes e até cereais para garantir um pequeno-almoço rico em proteínas, vitaminas e minerais.

Esteja igualmente atento à quantidade de açúcar em alimentos como polpa de tomate, pão e águas aromatizadas e aos produtos light, que pressupõem uma redução nutricional de, no mínimo, 30% em relação ao produto semelhante. Muitas vezes, para que o alimento mantenha um sabor agradável são feitas substituições que podem não ser saudáveis.

2. Fuja às secções menos saudáveis do supermercado

placeholder-1x1

Os supermercados estão quase sempre organizados de forma a que se sinta tentado a comprar produtos de que não precisa. Procure fugir aos corredores onde as prateleiras se encontram repletas de alimentos pouco saudáveis e dirija-se directamente às secções de vegetais, frutas, lacticínios, carnes e peixes.

3. Faça uma lista antes de ir às compras

placeholder-1x1

Para evitar cair na tentação de comprar produtos menos saudáveis e desnecessários, faça uma lista antes de sair de casa. De que precisa realmente para fazer uma alimentação saudável durante a semana? Ao reflectir sobre esta questão antes de ir às compras, não só estará a fazer um favor à sua saúde, mas também a poupar tempo e dinheiro.

4. Opte por mercados biológicos

placeholder-1x1

Para que não haja dúvidas de qual a origem dos alimentos que compra, vá a mercados biológicos perto de si, onde tudo é produzido sem o uso de pesticidas ou adubos químicos. Ao consumir produtos biológicos nacionais, não só estará a preservar a sua saúde mas também a dos produtores e a do planeta.

5. Não escolha os produtos com base nas embalagens

placeholder-1x1

Num mercado cada vez mais vasto e competitivo, é natural que os produtores procurem criar embalagens que apelem aos consumidores. Não se deixe seduzir pelo design dos produtos: o que importa realmente é o seu conteúdo.

6. Procure alimentos com listas de ingredientes curtas

placeholder-1x1

Alimentos com listas com mais de cinco ingredientes ou nomes difíceis de pronunciar são algo a evitar. Opte por produtos com o mínimo de aditivos possível, já que não lhe trarão quaisquer benefícios.

7. Esteja atento às porções

placeholder-1x1

Consulte sempre as informações nutricionais nas embalagens e esteja atento às porções que contêm. Muitas vezes, estes rótulos são desenhados de forma a que o consumidor pense que está a ingerir menos calorias do que realmente está.

Faça as contas e veja quais os valores que se aplicam às doses em questão. Uma bolacha de aveia de 35g, por exemplo, contém cerca de 53 calorias, pelo que, ao comer quatro, estará a ingerir 212 calorias (e não as 151 referentes a 100g).

Veja também: