Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Miguel Pinto
Miguel Pinto
22 Abr, 2020 - 18:24

5 séries da Netflix que não pode perder nesta quarentena

Miguel Pinto

As séries da Netflix são uma companhia preciosa para este período de confinamento. Veja as nossas sugestões para uns serões muito bem passados.

Séries da Netflix After Life

A viver em tempos de pandemia, muitas vezes não é fácil ocupar o tempo (ou então dispor de tempo…). As séries da Netflix podem ser um escape para dias mais ou menos intensos, com propostas mais ou menos… intensas.

Assim sendo, deixamos aqui cinco sugestões de séries que não deve perder, que vão desde a comédia a histórias inspiradoras, passando por dramas religiosos ou gangsters improváveis. A escolha agora é sua.

séries da netflix para ver na quarentena

After Life

After Life na Netflix

After Life foi daquelas séries que entrou devagarinho na plataforma da Netflix, mas que rapidamente conseguiu uma legião de seguidores. Criada, realizada e interpretada por esse génio da comédia que é Ricky Gervais, traça, na primeira temporada, a vida de Tony, cujo mundo desaba após a morte da mulher, vítima de cancro da mama. Com o desgosto, Tony perde todo o qualquer filtro, dando origem a momentos antológicos de humor negro. No final da temporada, Tony como que vive um momento de redenção, que veremos se é confirmado na segunda temporada, que arranca a 24 de abril.

Kalifat

Série sueca Kalifat

Kalifat é a série que, inesperadamente, conquistou um culto apreciável na Netflix. Trata-se de uma produção sueca e tem como pano de fundo o fanatismo religioso e todas as suas implicações. O enredo centra-se em Fátima, uma agente do Serviço de Segurança Sueco, que recebe uma dica de que um ataque terrorista islâmico está a ser planeado naquele país escandinavo. O recrutamento de jovens extremistas e a forma como são radicalizados, em especial na Europa, é outra das premissas desta série que deve mesmo ver.

Unorthodox

Séries da Netflix Unorthodox

Foi uma das grandes apostas de março da Netflix e o sucesso vem dar razão a quem cedo viu um grande potencial nesta série. Unorthodox é inspirada no best-seller de Deborah Feldman, sendo apresentada em quatro episódios de 50 minutos cada. A história gira em torno de uma jovem que abandona a sua comunidade judaica ultraconservadora em Nova Iorque, para começar uma vida nova em Berlim. Mas quando finalmente começa a traçar o seu próprio caminho, o passado regressa para atormentá-la. Protagonizada por Shira Haas, tem recebido críticas entusiásticas um pouco por todo o mundo.

Self Made: Inspired by the life of Madam C.J. Walker

Série Self Made

O sonho americano já foi alvo de mil e um tratamentos, do cinema, à música, passando pela literatura ou televisão. No entanto, continuam a aparecer histórias verídicas verdadeiramente inspiradoras, ainda mais tendo em conta o ambiente social em que ocorreram. Self Made: Inspired by the life of Madam C.J. Walker, mostra a epopeia da primeira mulher a tornar-se milionária com os seus próprios negócios nos Estados Unidos da América, tendo criado uma linha de produtos cosméticos para negros. Tudo numa altura em que a segregação racial e o machismo eram letra de lei no país. A protagonista é a atriz Octavia Spencer, que já tinha brilhado em Hidden Figures.

Ozark

Séries da Netflix Ozarc

Ozark é uma da séries do momento, apesar de não ser particularmente recente. Criada por Bill Dubuque, conta as peripécias vividas pelo consultor financeiro Marty Byrde, que se muda com a família dos sossegados subúrbios de Chicago para os lagos Ozark, no Missouri. Esta mudança ocorre depois de um esquema de lavagem de dinheiro de um barão da droga dar para o torto, com Marty a suplicar pela vida a troco de um negócio de ainda mais lavagem de dinheiro, desta vez de 500 milhões de dólares. Tudo para pagar a sua dívida ao cartel de narcotráfico mexicano que o mantém, e à família, quase refém. Jason Bateman e Laura Linney encabeçam um elenco superior, numa série que já conta com três temporadas disponíveis.

Veja também