Valdemar Jorge
Valdemar Jorge
19 Out, 2021 - 12:54

10 símbolos de marcas automóveis e o seu significado

Valdemar Jorge

Os símbolos das diversas marcas de automóveis estão carregados de história e simbolismo. Conheça o significado de 10 símbolos de marcas automóveis.

Símbolos de marcas automóveis

Desde a criação do primeiro automóvel há 135 anos (cuja história pode encontrar aqui) que as marcas sentiram necessidade de identificar as suas criações. Nesse sentido, na maioria das vezes, partindo do nome do empreendedor fundador da marca, ou de algum conceito com que este se identificava, foram criados logótipos identificativos. Estes símbolos de marcas automóveis, foram sendo alterados ao longo dos anos.

Mais na forma do que no conteúdo ou pilares que os sustentam, evoluiram. Propomos uma “viagem” por 10 marcas automóveis. Por uma questão de princípio, e para não dar mais destaque a uma do que a outra, estão listadas alfabeticamente.

Conheça o significado de 10 símbolos de marcas automóveis

1

Aston Martin (1913)

Símbolo da Aston Martin

A Aston Martin é uma das mais conceituadas empresas britânicas que projeta e fabrica automóveis de luxo. Fundada em 1913 tornou-se popular nos anos 50 e, atualmente, está presente em mais de 50 países em todo o mundo.

A marca nem sempre teve a designação Aston Martin. O primeiro nome da empresa foi Bamford & Martin, e homenageava os fundadores Robert Bamford e Lionel Martin.

O nome Aston Martin surgiu em 1914 depois que Lionel Martin subiu a Aston Hill, em Buckinghamshire. Robert Bamford nunca se opôs à mudança do nome da empresa.

O primeiro símbolo da marca data de 1921. O símbolo alado que hoje conhecemos surgiu pela primeira vez em 1927 e, até 2003 conheceu sete alterações (1930, 1932, 1939, 1950, 1971, 1972 e 1984).

O conhecido emblema Aston Martin é um dos mais reconhecidos no Mundo. Durante anos evoluiu e hoje está simplificado e modernizado, sendo composto por duas asas, que significam ‘velocidade’ e ‘liberdade’. As linhas finas e alongadas das letras sublinham a elegância, enquanto a cor acrescenta poder, senso de experiência e claro, prestígio.

2

Bentley (1919)

Símbolo da bentley

A Bentley Motors Limited é um construtor britânico de automóveis de luxo Grand Tourers fundada em 18 de janeiro de 1919 por Walter Owen Bentley (1888-1971), engenheiro britânico.

A marca tem sede em Crewe, no condado inglês de Cheshire e, atualmente faz parte do grupo Volkswagen AG. O modelo mais famoso é o Continental GT.

O símbolo da Bentley é tradicionalmente conhecido por “Big B”. É a inicial do nome da marca que se apresenta envolta por 2 asas e visa transmitir a ideia de habilidade, desempenho e perfeição. Para embelezar o “Big B” três cores: branco, preto e prata que representam na sua essência a pureza, elegância e sofisticação que a marca britânica persegue.

As “asas” do Bentley foram criadas em 1920 por F. Gordon Crosby. Com o tempo, o símbolo foi conhecendo alterações. A primeira surgiu na década de 1930 devido a alterações nos carros desportivos da Bentley. Por isso em 1933, Charles Sykes (designer da Rolls Royce que desenhou o Spirit of Ecstasy), criou um novo símbolo.

O modelo apresentado não foi consensual. Apresentava um estilo Art Déco que não agradou e, nos anos após guerra surgiu uma nova versão do “Flying B” com asa dupla. Este manteve-se até aos anos 70 altura em que foi retirado devido à legislação de segurança para peões que proibia ornamentos sólidos proeminentes na secção frontal dos automóveis.

Em 1990 nova alteração restaura a assimetria das asas original numa homenagem a F. Gordon Crosby. Em 2002 é implementada nova identidade corporativa da marca, que ainda hoje está em uso e reflete as origens da Bentley.

Em 2006, o símbolo da Bentley regressa, animado por um mecanismo que o torna totalmente retrátil. Surgiu nos modelos Azure, Arnage e Brooklands e está disponível para o Mulsanne. Em 2019, ano do centenário, foi criada uma versão especial das “asas” utilizada exclusivamente nos carros construídos naquele ano. Foi denominada Centenary Gold e recebeu as datas 1919 e 2019 a ladearem o “B”.

3

Chevrolet (1911)

Símbolo Chevrolet

Louis Chevrolet e William Durant fundaram a Chevrolet em 1911, nos Estados Unidos da América. Hoje é a marca líder da GMC, proprietária da empresa, e uma das marcas automóveis mais vendidas naquele país.

O logótipo da Chevrolet é icónico, sendo um dos mais conhecidos a nível mundial. Apelidado de “gravata borboleta” não mudou muito ao longo dos anos. Foi projetado pelo fundador da marca William Durant, em 1913.

Conta a história que o Logótipo da Chevrolet terá sido inspirado no padrão do papel de parede de um hotel parisiense. Uma outra sugere que a inspiração surgiu durante um jantar na cozinha de família de William Durant. Uma terceira hipótese sustenta que o emblema terá sido criado a partir da alteração de um outro existente da “Coalettes”, associado a um produto fabricado por uma empresa de carvão, que fazia regularmente anúncios no jornal. O emblema da “Coalettes” representava uma gravata inclinada com visual arrojado.

O emblema, na sua essência, representa uma cruz larga e estilizada numa figura que cruza um paralelogramo horizontal sobreposto por um quadrado.

Desde o primeiro logótipo, com a palavra Chevrolet (1911) até hoje a marca foi representada por 15 emblemas distintos, sempre com base na “gravata borboleta”, e integrando várias tonalidade de cores.

O logótipo tal como hoje o conhecemos data de 2011 e está associado à comemoração do centésimo aniversário da marca. Na génese mantém a cor dourada, mas a moldura prateada tornou-o mais luxuoso reforçando a força da Chevrolet.

4

Ford (1903)

Símbolo da Ford

Conhecida como a marca da oval azul, o emblema da Ford destaca-se pela fonte usada na palavra “Ford” baseada na caligrafia de Henry Ford.

O logótipo criado em 1903 sofreu diversas alterações até 1927, altura em que adquiriu a forma que hoje conhecemos e que nos últimos 94 anos sofreu alterações de pormenor mas, mantendo sempre o tom azul, tão característico.

A marca continua propriedade da família Ford. O logótipo transmite a consistência do seu fundador, valor que passou à marca que hoje goza de reputada confiança nos produtos que produz.

Aliado à palavra “Ford” a cor da oval em azul delineado a branco simboliza a confiabilidade, precisão e qualidade valores que são apanágio da marca.

Citroen DS
Não perca Citroën DS Boca de Sapo: um carro muito à frente do seu tempo
5

Maserati

Símbolo da Maserati

A Maserati, que pertence ao Grupo Fiat Chrysler, desde 1990, foi fundada em 1914, em Itália. Reputada marca de automóveis de luxo está presente em todos os continentes do Mundo.

O “Neptune Trident” é o icónico símbolo da Maserati e anuncia a marca desde 1920, ano em que foi adotado pelos irmãos Maserati como uma homenagem à sua casa, Bolonha e à conhecida Fonte de Neptuno.

O primeiro logotipo data de 1926. Consistia num retângulo vertical em metal prateado com uma imagem pormenorizada de um tridente. As letras da palavra “Maserati” eram inseridas em maiúsculas e equilibravam o símbolo.

Desde essa altura o logótipo foi sofrendo alterações e refinamento de estilo que acentuaram, cada vez mais, o famoso tridente, evocando sempre estilo e luxo, valores que a marca persegue.

Também as cores usadas (azul, branco e vermelho), além de atraírem atenção, reforçavam a dignidade e aristocracia que a marca italiana ostenta.

Desde 2020, última alteração do emblema criado por Mário Maserati, a paleta de cor passa a ser predominantemente em preto e branco, enquanto a palavra “Maserati” adota tipo itálico com todas as letras a estarem ligadas reforçando a ideia de movimento e progresso.

6

Mercedes-Benz (1926)

Símbolo da Mercedes

O símbolo da Mercedes-Benz é bem conhecido em todo o Mundo e um dos mais fáceis de identificar. Simboliza conforto, luxo e superior qualidade.

A estrela de três pontas inserida numa circunferência tem um duplo significado: foi adotada em 1920 em homenagem à família Daimler, cujo pai usava como assinatura uma estrela de cinco pontas. Posteriormente, o desenho foi alterado para uma estrela de três pontas simbolizando o desígnio da família motorizar o Mundo. As pontas simbolizam a terra, a água e o ar.

Desde 1926, data do primeiro logótipo, só se conhecem 6 variações do mesmo. A alteração mais recente data de 2011, transpira a identidade visual da marca, o luxo e elegância dos seus automóveis.

Segundo a Mercedes-Benz, a versão oficial da simbologia do logótipo assenta em três áreas conectadas entre si e que revelam o foco da empresa: motores de automóveis, barcos e motores marítimos, e motores de aeronaves.

7

Peugeot (1896)

Símbolo da Peugeot

Fundada em 1810 por Emile Peugeot, esta marca francesa de automóveis é uma das mais antigas do Mundo, bem como o seu logótipo, que se inscreve na lista dos mais antigos, ao datar de 1847.

Atualmente a marca integra o conjunto de empresas PSA Peugeot Citroën Group e tem desde sempre aliado à sua imagem um leão. Este reflete a ação e força da empresa, ao mesmo tempo que representa o símbolo heráldico da comuna da qual a família Peugeot surgiu.

Ao longo dos anos são conhecidas 17 alterações do logótipo que, ainda assim, manteve sempre a presença e simbolismo da coragem e grandeza do Leão.

Sempre associado a design moderno o emblema é um clássico intemporal e projeta também a confiança, arrojo e confiança que estão associados à Peugeot.

A mais recente alteração do logótipo teve lugar precisamente este ano (2021), em que se regista uma arrojada mudança da identidade visual da marca nos automóveis que comercializa nos diversos segmentos. Deste modo, o novo emblema, além de design moderno, está mais elegante e utiliza na palete de cores apenas o preto (em fundo) e o branco que sublinha o desenho estilizado do Leão (de perfil). O lettering Peugeot encima o escudo.

8

Porsche (1931)

Símbolo da Porsche

A Porsche, fundada  em 1931 por Ferdinand Porsche, integra atualmente o universo de marcas do Grupo Volkswagen e dedica-se à produção de automóveis de luxo com forte carácter desportivo.

Desde a fundação que a marca coloca o foco na tradição e inovação, com os seus automóveis a ostentarem uma elegância intemporal a que se junta um padrão tecnológico de alta qualidade. Valores que estão intrinsecamente associados ao logótipo que foi introduzido em 1952.

Desde aquela data são conhecidas uma dúzia de alterações ao símbolo da empresa que tem sede em Stuttgart. A marca adotou para logótipo o brasão Wurttemberg oficializando, desta forma, as suas raízes.

O emblema é dominado por um cavalo preto que sugere uma corrida desenfreada e que está associado  à liberdade, velocidade e força valores que sempre estiveram presentes na atividade da Porsche.

A paleta de cores do símbolo, em forma de escudo (dividido em quatro secções unidas por uma outra central onde está o cavalo “desenfreado”), integra o dourado e listas vermelhas e pretas que realçam o classicismo e tendência de progresso constante da marca.

9

Renault (1899)

Símbolo da Renault

A Renault foi fundada (1899) pelos irmãos Louis, Marcel e Fernand Renault e adotou o nome Societe Renault Frerese atuando, desde então, no setor automóvel. Atualmente é parte integrante da Renault-Nissan Alliance, posicionando-se como um dos líderes mundiais da indústria automóvel.

O primeiro logótipo surgiu em 1900 e, durante mais de um século, sofreu 17 alterações. Nem sempre foi o losango que hoje conhecemos. Este surgiu pela primeira vez em 1920. Denominado Renault Diamond destacava-se pela cor prata que simboliza energia, sofisticação e poder. Valores que a marca quer passar aos seus clientes.

Por outro lado, as linhas de força do emblema enfatizam a qualidade e solidez que a marca coloca nos carros que produz.

O ano de 2021 marca a mudança de rumo da Renault e, por arrasto, a alteração do logótipo que agora tem design moderno, arrojado e algo futurista. Minimalista no conceito está desenhado com duas linhas bem definidas, entrelaçadas em forma de diamante, que criam um desenho em crescendo.

10

Volkswagen (1937)

Símbolo da Volkswagen

Volkswagen significa “carro para o povo”. É este conceito que está na génese da marca que foi criada a partir de  uma sugestão de Adolf Hitler ,que queria que os veículos fossem acessíveis a todos.

A ideia germinou aquando da visita de Adolf Hitler ao Salão Automóvel de Berlim, um ano antes de se tornar líder da Alemanha. Nessa altura, convidou Ferdinand Porsche para colocar em marcha um plano para produção de carros populares. O primeiro surgiu em 1934.

O emblema da marca é composto por um “V” (Volks) e um “W” (Wagen) sendo que o primeiro está colocado por cima do segundo e, ambos, estão colocados num círculo. A paleta de cores (azul e branco) reporta para o sentido de profissionalismo e estabilidade que a marca inspira.

Desde 1937 o logótipo conheceu 12 alterações, mas a verdade é que o foco esteve, desde o primeiro emblema, no “V” e no “W” que o tornaram num dos mais facilmente identificáveis entre os seus pares.

O atual logótipo data de 2019. Apresenta design simples e elegante e, ao mesmo tempo sofisticado, encerrando em si uma homenagem ao lançamento dos automóveis elétricos da Volkswagen.

Veja também