Ana Graça
Ana Graça
13 Jul, 2018 - 11:00
O sono do bebé nos primeiros meses: ter um bom sono é possível!

O sono do bebé nos primeiros meses: ter um bom sono é possível!

Ana Graça

O sono do bebé é diferente do sono do adulto. O facto de ser um sono muito mais leve deixa os pais preocupados e cansados. Mas há rotinas que podem ajudar!

O artigo continua após o anúncio

O sono do bebé é um importante indicador do seu bem-estar geral, do seu desenvolvimento e do seu estado de saúde. Tem sido estudado por diversos autores e é hoje um fenómeno bastante bem compreendido.

A qualidade do sono do bebé é um aspeto muito valorizado pelos pais, sobretudo nos primeiros meses de vida. Os profissionais de saúde devem estar atentos às preocupações dos pais, bem como devem ajudá-los a compreender as particularidades do sono do seu bebé. O sono do bebé é diferente do sono dos adultos e é natural que se agitem, mexam, e façam pequenos barulhos enquanto dormem. Desde que não seja nada de muito diferente do habitual, não é motivo de preocupação.

Compreender o sono do bebé

O sono é um estado fisiológico normal, com diversos graus de profundidade. Tem uma função protetora do organismo, permitindo a reparação e a recuperação após a atividade.

O sono da criança evolui em estrutura e duração desde bebé até à adolescência. À medida que as crianças vão crescendo, a quantidade de tempo que passam em sono profundo diminui. O sono do bebé desenvolve-se de forma rápida e é natural que se registe alguma dificuldade na instalação do ritmo dia-noite, com frequentes despertares da criança com menos de 2 anos.

O sono do bebé é influenciado por inúmeros fatores, nomeadamente: ambiente envolvente; características maternas; características do bebé; privações de ordem física ou emocional. Dito de forma simples, tudo o que se passa na vida do bebé repercute-se no sono, da mesma forma que não há nada no sono que não se repercuta na vida do bebé.

O sono do bebé é influenciado por inúmeros fatores

O bebé aprende a dormir

Aprender a dormir é parte integrante da autonomia das crianças e os pais têm um papel preponderante nesta aquisição de independência. À medida que o bebé aprende a dormir, os pais aprendem a reagir quando acorda de noite, quando devem acarinhá-lo, quando devem esperar que volte a adormecer e quando precisa de ser encorajado a acalmar sem ajuda. Mas não adianta tentar simplificar. Esta é uma tarefa quase sempre complicada e gradual, havendo sempre alturas em que a criança tem mais dificuldades em adormecer. Os pais não devem sentir-se angustiados nem se devem culpabilizar.

No caso dos recém-nascidos, os pais devem saber que estes não conhecem a diferença entre o dia e a noite. Precisam de dormir e de se alimentar continuamente, de forma que o dia ou a noite não lhes interessa muito. Aquilo que os pais precisam de saber é que o recém-nascido dorme cerca de 16 a 18 horas diárias e que é possível ensinar ao bebé a diferença entre a noite e o dia.

A quantidade de horas de sono reduz gradualmente ao longo dos primeiros anos de vida e, aos poucos, o bebé vai começando a sincronizar-se com os ritmos externos (ciclos noite-dia; regularidade das refeições; momentos de brincar e de interagir com a família). Ninguém conhece melhor o bebé que os seus pais e são eles que vão gradualmente ajudando o bebé a tornar-se autónomo. O sono do bebé é influenciado por pequenos fatores que só os pais são capazes de conhecer e identificar.

O artigo continua após o anúncio

Por exemplo, é natural que um bebé de 4 meses se entusiasme e fique curioso com tudo o que vê à sua volta (objetos coloridos e dinâmicos; faces humanas), podendo na hora de dormir ter menos sono. Já bebés com 1 ano de idade podem estar tão empolgados com as novas aquisições motoras, como dar o 1º passo, que não conseguem desligar-se dessa tarefa na hora de dormir.

Ter um bom sono é possível: 8 dicas

É verdade, por vezes, os primeiros meses são um autêntico pesadelo, em que as noites mal dormidas se sucedem. Mas há pequenos hábitos que ajudam o bebé a aprender a dormir:

1) É muito importante manter uma rotina previsível na hora de deitar. Vai ajudar o seu bebé a ficar sonolento e vai sinalizar que é hora de se preparar para dormir. Seja consistente e siga o mesmo padrão todas as noites;

2) Ensine ao seu bebé a diferença entre a noite e o dia. Adote comportamentos diferentes a horas distintas. De dia, fale mais com o seu bebé enquanto o alimenta. De noite, tenha um comportamento mais calmo e utilize um tom de voz mais suave;

3) Lembre-se que quando o bebé estava dentro da sua barriga era embalado pelos seus movimentos. É natural que ainda goste de ser embalado, que goste de ouvir música e que goste de estar agasalhado para se sentir tão confortável quanto estava na sua barriga;

4) Se o seu bebé tende a dormir todo o dia e a dormitar enquanto o alimenta, tente mantê-lo acordado para comer. Assim, o bebé vai aprender que é durante a noite que deverá dormir um maior período de tempo;

5) A criança deve ser deitada sonolenta mas ainda acordada, de forma a aprender a adormecer de forma mais autónoma;

6) Objetos de transição, como bonecos ou a chupeta, podem ser úteis para dar segurança às crianças;

O artigo continua após o anúncio

7) Fazer uma pequena massagem ao bebé pode ajudá-lo a sentir-se se seguro, amado e pronto para dormir;

8) Para o bebé, todos os ruídos, cheiros e sensações são novidade e é natural que pequenas coisas os possam estimular e excitar. Tente manter um ambiente calmo na hora de dormir.

Em suma

O sono do bebé é essencial para o seu desenvolvimento, sendo que o próprio sono também se vai desenvolvendo à medida que o bebé cresce. É durante o sono que o bebé cresce e se desenvolve e, por isso, é natural que nos primeiros meses quase não faça outra coisa que não dormir.

Aprender a dormir é um passo necessário no caminho para a autonomia, e esta aprendizagem deve decorrer num ambiente de grande amor e carinho. Não deixe de se informar junto dos profissionais de saúde que seguem o crescimento do seu bebé se tiver alguma dúvida em relação ao seu sono.

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp