ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
Valdemar Jorge
Valdemar Jorge
21 Dez, 2020 - 11:19

Tendências dos carros para 2021: SUV e Veículos Elétricos

Valdemar Jorge

O mercado renova-se todos os anos, seja por leis ambientais ou novos modelos, entre outros fatores. Conheça as tendências dos carros para 2021.

carro elétrico a carregar; carros elétricos como tendência dos carros para 2021

A roda não para de girar. Depois de um ano 2020 fora do comum, marcado pela pandemia, abrem-se as portas a uma projeção sobre as tendência dos carros para 2021.

As previsões apontam para os SUV e VE (Veículos Elétricos). Ao que parece, são estes tipos de veículos que irão marcar o mercado automóvel no ano que se aproxima.

Sabemos que o panorama económico para 2021 não é dos mais animadores. Contudo, dê a pandemia uma trégua, o mundo vai saltar de novo para a frente e a tão aguardada retoma, não só local, mas também mundial, será uma realidade. Esta será uma realidade que viverá do que hoje se chama de “novo normal” e que marcou os últimos meses de 2020.

Um setor que não abrandou, mesmo em pandemia, foi o tecnológico e a evolução continua a verificar-se todos os dias e em todas as áreas. Ora, isto tem uma repercussão no universo da mobilidade, pelo que as suas repercussões também se vão notar no mercado automóvel em 2021.

Avanços tecnológicos não param

Não é novidade que a tecnologia está muito presente nos automóveis que todos os dias conduzimos. Naturalmente, este é um fator que acompanha as tendências dos carros a cada ano que passa.

Continuaram e continuarão a ser tema de debate em vários quadrantes da sociedade questões inerentes à mobilidade elétrica, condução autónoma ou novas plataformas de mobilidade associadas à prática de novos meios de locomoção.

Mais ainda, o despontar de pequenos veículos elétricos como trotinetes e bicicletas ou mesmo veículos motorizados, é cada vez mais um tema pertinente. Estes temas continuarão a ser debatidos, com certeza, em 2021.

Paradigma dos automóveis elétricos veio para ficar

Vamos sentir, fortemente, mudanças no que respeita à utilização de motores a combustão, quer a gasolina, quer a diesel.

Com o anúncio da nova diretiva Euro7, que regulará ainda com mais rigor a emissão de gases nocivos para o meio ambiente, o paradigma dos motores elétricos ou eletrificados nos automóveis ganha cada vez mais força e constituirá cada vez mais uma tendência.

Temos de ser mais sustentáveis. Assim, e com esta ideia em mente, venha conhecer alguns dos desafios que se colocam ao sector automóvel e, também, alguns dos modelos que vão marcar o ano de 2021.

Tendência automóvel para 2021: SUV e VE

A tendência automóvel para 2021 vai, em parte, ser a continuidade do que hoje já vivemos: SUV. O segmento dos SUV é um dos que mais tem crescido.

Não há marca que não tenha um SUV compacto, coupé, mais desportivo, ou superluxuoso. Todas, sem exceção perceberam a tendência do mercado e a apetência das famílias por este tipo de veículos.

suv na estrada

É claro que o segmento dos citadinos também é muito apetecido. Muitas vezes é o segundo carro, o mais pequeno, para levar os filhos à escola, ir às compras. Mas também muitas e muitas vezes é o único automóvel da família, devido à dificuldade económica de poder sustentar dois automóveis, seguros, etc.

Neste contexto, os citadinos elétricos vão conquistar mais espaço. Para além disso, as principais cidades europeias equacionam a restrição de motores a combustão nos seus centros/centros históricos. Aliás, há já cidades com algumas restrições em vigor.

Ora, acabar com a circulação de automóveis com motorização a gasóleo é a tendência.

Os motores a combustão a gasolina irão manter-se, mas também receberão especial atenção e irão surgir cada vez mais associados a sistemas híbridos (combustão/elétrico).

Assim, será desta forma que os pequenos citadinos elétricos se vão impor. Marcas como Mercedes-Benz, Volkswagen, Audi ou Hyundai, por exemplo, vão abraçar e aumentar a produção de automóveis elétricos.

Mobilidade elétrica continua a receber benefícios

Ainda que um conceito estranho de início, rapidamente foi assimilado por quem quer, efetivamente, ser mais ecológico. Neste seguimento, o Orçamento de Estado para 2021 traz algumas novidades no que diz respeito a este segmento, principalmente para particulares.

O Governo aponta para os VE (Veículos Elétricos) uma dotação de cerca de quatro milhões de euros. Esta parcela vai ajudar os particulares na aquisição de VE, como automóveis, bicicletas, motociclos e ciclomotores.

Na compra de um automóvel, a comparticipação do Estado poderá chegar aos 3 mil euros. Por outro lado, no que a veículos de duas rodas diz respeito, o incentivo traduz-se num valor até metade do valor de aquisição.

Assim, e se quer pertencer ao grupo daqueles que querem marcar a tendência automóvel para 2021 com a compra de VE, deverá candidatar-se através do preenchimento de candidatura específica online de acordo com as regras publicadas num despacho do Ministério do Ambiente que deverá ser conhecido nos primeiros meses de 2021.

Note que, em 2020, num universo de 845 candidaturas, 696 foram aceites.

Condução autónoma é cada vez mais uma realidade

A interatividade e o desenvolvimento tecnológico de redes vão multiplicar os efeitos da condução autónoma no nosso dia a dia. Esta é, portanto, mais uma das diferentes tendências dos carros para 2021.

A condução assistida e a implementação da inteligência artificial vão progressivamente instalar-se e passarão a ser uma realidade. Atualmente, os automóveis já vêm apetrechados de sistemas que ajudam ativamente na condução com o objetivo de a tornar mais segura. Isto contribui, naturalmente, para a redução de acidentes.

A condução autónoma, que se desenvolve em vários níveis, desde o apoio à condução até à condução autónoma sem intervenção humana, continuará a dar passos para que seja cada vez mais efetiva.

Os modelos da Tesla, por exemplo, são dos mais conhecidos a atuar no que diz respeito à condução autónoma. Outras marcas, no entanto, trabalham afincadamente para tornar este conceito uma realidade nos seus automóveis.

Já pode comprar carro no conforto da sua casa

A pandemia trouxe, além da inquietação diária pela sobrevivência, algumas coisas boas. Muito do que já se fazia através da Internet, por exemplo, aumentou exponencialmente a procura. Isto fez com que muitos negócios não se vissem forçados a parar a atividade.

As vendas utilizando as plataformas digitais aumentaram devido à obrigatoriedade dos confinamentos.

Deste modo, também algumas marcas automóveis, mudaram o paradigma no que diz respeito à forma de fazer negócio. Paralelamente ao decréscimo de procura nas lojas físicas, notou-se um aumento de procura nas redes sociais e nas páginas oficiais das marcas e concessionários.

Esta será, também, uma das tendências dos carros para 2021.

A adequação do modelo de negócio foi sendo feita nos últimos meses. Hoje é uma realidade e 2021 consolidará o novo conceito.

As vantagens compreendem não só a possibilidade de fazer a configuração da viatura, mas também um preço mais concorrencial ou benefícios ao nível de garantias, manutenção ou serviços pós-venda, entre outros.

A qualidade e personalização do atendimento são valores de que as marcas não abrem mão. Esta será uma das tendências no sector automóvel que marcará os próximos meses.

Ford Fiesta
Veja também Estes são os melhores carros até 10 000 euros

Tendências dos carros: alguns dos modelos que vão chegar em 2021

  • Audi Q4 Sportback e-tron: SUV elétrico de tamanho médio;
  • BMW iX: Será apresentado nos finais de 2021 e começará a ser comercializado em 2022; SUV elétrico de grande porte;
  • BMW i4: Elétrico de quatro portas;
  • CUPRA el-Born: Modelo elétrico, com base no SEAT el-Born, deverá chegar no último trimestre de 2021;
  • DS4: Nova geração do modelo Premium francês;
  • Dacia  Logan, Sandero, Sandero Stepway: Nova geração deste automóveis, com design completamente novo e habitáculo totalmente revisto. Chegam no primeiro trimestre de 2021;
  • Dacia Spring: SUV Compato elétrico (primeiro trimestre de 2021);
  • Hyundai IONIQ 5: Primeiro trimestre de 2021. Veículo elétrico inspirado no protótipo Hyundai 45 EV Concept;
  • Hyundai i20 N: Versão desportiva do bem sucedido Hyundai i20, chega nos princípios de 2021;
  • Jeep Gladiator: Princípio de 2021 pick-up pensada a partir do Wrangler;
  • Jeep Wrangler 4xe: Versão híbrida do conhecido jipe;
  • Kia Stinger: Nova geração completamente atualizada;
  • Mercedes-Benz AMG Project ONE: Hiperdesportivo da marca alemã chega em 2021;
  • Nissan Ariya: Novo SUV elétrico da Nissan chega em fevereiro de 2021;
  • Nissan Qashqai: Nova geração do bem sucedido SUV nipónico para continuar a marcar a tendência do segmento;
  • Polestar 2: Berlina elétrica com chancela da Volvo;
  • Renault Arkana: Marca francesa apresenta em 2021 um novo SUV Coupé;
  • Tesla Model Y: Nova geração do SUV norte-americano;
  • Toyota Highlander: SUV híbrido de grande porte;
  • Toyota Yaris Cross: O SUV compacto da marca nipónica com sistema de motorização híbrida. Chega durante o segundo semestre de 2021;
  • Volkswagen ID.5: No final de 2021 será realidade o modelo elétrico inspirado no protótipo ID. Space Vizzion.
Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].