Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Teresa Campos
Teresa Campos
01 Abr, 2020 - 13:54

Sabe para que servem os testes a alergias?

Teresa Campos

Prurido, espirros ou enfartamento podem ser sinais de alergia. Por isso, os testes a alergias são cada vez mais requisitados. Conheça-os.

fazer testes a alergias

Chegados à primavera, muitas pessoas começam a dar sinais de alergia ao pólen. Espirros constantes, comichão nos olhos e no nariz, são apenas alguns desses sintomas. No entanto, além destas reações alérgicas mais sazonais, há muitas outras alergias que podem perturbar a vida durante todo o ano. Identificá-las é o primeiro passo para as tratar ou controlar. Por isso, os testes a alergias revelam-se um meio de diagnóstico fundamental.

Perceba como eles funcionam e, se achar que pode sofrer de uma alergia, ainda por identificar, consulte o seu médico e fale com ele sobre a possibilidade de realizar algum dos seguintes testes.

Perceba o que são e para que servem os testes a alergias

No geral, os teste a alergias são um tipo de exame de diagnóstico que ajuda a identificar num indivíduo a existência ou não de uma alergia dermatológica, alimentar, medicamentosa ou respiratória.

Assim sendo, estes testes podem ser realizados no consultório médico ou no hospital e, habitualmente, são recomendados pelo alergologista ou dermatologista. Alguns dos sintomas que podem levar à realização destes testes são prurido, inchaço ou vermelhidão na pele, manifestada em determinada zona do corpo.

Algumas análises ao sangue podem permitir a deteção de certas alergias. O tipo de teste irá depender das suspeitas e do género de alergia que se pretende despistar.

Procedimento

Teste de alergia no antebraço ou Teste de Prick

Neste teste, o profissional de saúde deixa pingar, no antebraço do indivíduo, algumas gotas da substância que se pensa ser causadora da alergia ou, então, ele pica o antebraço com uma agulha com a mesma substância. Depois, é necessário esperar 20 minutos e conferir se o paciente tem alguma reação àquele teste.

teste a alergias feito nas costas

Testes a alergias nas costas

Neste outro teste, cola-se nas costas do indivíduo uma fita adesiva com uma pequena quantidade da substância potencialmente causadora da alergia ao paciente. Depois, passadas 48 horas, é necessário verificar se há alguma reação ao teste na pele.

Normalmente, uma reação positiva a estes testes manifesta-se através da formação de uma bolha vermelha, semelhante à picada de um mosquito. Por isso, pode causar algum inchaço e, também, prurido.

Análise ao sangue

As análises ao sangue também permitem a deteção de alguns tipos de alergia. A presença de certas substâncias é capaz corroborar a existência de uma determinada alergia.

Alimentação: como lidar com a alergia ao marisco?
Veja também Alimentação: como lidar com a alergia ao marisco?

Testes a alergias de provocação oral

Particularmente nas suspeitas de alergia alimentar, aquilo que muitos médicos recomendam são testes de provocação oral que consistem na ingestão de uma pequena quantidade do alimento potencialmente causador da alergia. Depois, resta igualmente esperar a reação ou não do paciente.

Este teste é, geralmente, realizado quando há suspeita de alergia ao leite, glúten ou camarão, por exemplo.

teste alergias sangue

O que deve fazer antes do teste?

Se vai fazer um destes testes a alergias, deve estar calmo, visto que estes são procedimentos bastante seguros e que servem para dissipar todas as dúvidas em relação à existência ou não de eventuais alergias.

Porém, antes de realizar os testes, pode adotar algumas medidas como:

  • Não tomar anti-histamínicos, de maneira a garantir que eles não interferem no resultado do teste, ou seja, não camuflam a reação alérgica;
  • Evitar o uso de cremes, sobretudo se for fazer um teste cutâneo;
  • Cumprir todas as indicações que o seu médico lhe tenha deixado.
Veja também