Márcio Matos
Márcio Matos
17 Abr, 2023 - 15:22

Alto Alentejo: a fortaleza imponente e a gastronomia inigualável

Márcio Matos

O Alto Alentejo e engloba terras fascinantes, como Portalegre, Elvas ou Campo Maior. Uma viagem inesquecível e muito saborosa.

Fortaleza de Elvas no Alto Alentejo

O Alto Alentejo é terreno fértil para histórias, lendas e paisagens únicas. Ali mesmo perto da fronteira com a vizinha Espanha, e tendo como capital de distrito Portalegre, é um destino com uma oferta diversificada, capaz de agradar a todos. Elvas, Campo Maior ao Alter do Chão são apenas alguns dos locais que merecem uma visita.

Por aqui, as paisagens são magníficas, a arquitetura deslumbrante e as ruas conservam um ambiente único que vai gostar de conhecer.

Dos castelos à gastronomia, O Alto Alentejo é um distrito que não desilude e é o destino ideal para uma escapadinha ou, mesmo, uma férias em família.

As atrações são mais que muitas e há sempre o que ver e o que fazer. Outra boa notícia é que grande parte das seguintes atrações são de acesso gratuito. Não acredita?! Então, tome nota!

Alto Alentejo: passeio com história

Sé-Catedral de Portalegre

Datada do século XVI, a Sé-Catedral de Portalegre é um dos principais atrativos locais. A sua beleza e imponência marcam a paisagem e fazem deste um elemento de passagem obrigatória em qualquer roteiro.

O interior é riquíssimo e deslumbrante. Informe-se sobre os seus horários e não se preocupe com o bilhete: a entrada é gratuita!

Castelo

O emblemático castelo de Portalegre, erguido desde 1290 no ponto mais alto da cidade. As torres do castelo marcam a paisagem e fazem desta construção um ícone local.

Uma parte do castelo já está em ruína, mas isso ainda dá mais misticismo ao espaço. A vista do topo das torres é absolutamente maravilhosa. Mais uma vez, só tem de se informar acerca dos horários de visita, já que a entrada é totalmente grátis.

Capela dos ossos

Em Portalegre, existe uma capela dos ossos, que atrai muitos visitantes à localidade de Campo Maior. Um espaço cheio de  misticismo que convida à reflexão sobre a morte, mas também sobre a vida.

Esta capela conserva os ossos das vítimas de uma explosão de depósito de pólvora que afetou a localidade no passado. A entrada é gratuita e a experiência única!

Museu do café

Se continuara a rolar pelas redondezas, rapidamente vai começar a sentir um cheiro inebriante e muito saboroso. É sinal de que se está a aproximar de Campo Maior, terra dos famosos cafés Delta e do não menos conhecido Comendador Rui Nabeiro, recentemente falecido.

Por isso, se gosta de café há um espaço que vai adorar particularmente. É precisamente o Museu do Café, que abriu ao público em 1994, na direta dependência da Delta e da família Nabeiro.

Ali dentro pode visitar uma série de exposições debruçadas sobre o tema do café. Pode não acreditar, mas também aqui a entrada é gratuita. Confira os horários e vá até lá.

festa das flores em Campo Maior
Não perca Campo Maior: serenidade, história e tradições alentejanas

Mosteiro de São Bernardo

Fundado em 1518, este mosteiro é belíssimo e encontra-se incrivelmente bem conservado.

Na freguesia de São Lourenço, em Portalegre, conta com uma ornamentação interior deslumbrante e repleta de detalhes encantadores. Uma construção imponente e marcante que constitui outro incrível exemplar arquitetónico de Portalegre.

Castelo de Alter do Chão em Portalegre
O Castelo de Alter do Chão merece bem uma visita

Alter do Chão

No Alto Alentejo existe uma vila encantadora que merece a sua visita: Alter do Chão. Aí pode visitar o seu magnífico castelo quinhentista e passear pela sua praça central, onde tudo acontece.

O local certo para ir almoçar ou passar umas horas da tarde. Não deixe de tirar algumas fotos às incríveis fontes de mármore espalhadas pela praça. Se tiver tempo, não perca também uma visita à coudelaria, onde é criado o famoso cavalo lusitano.

Elvas

Claro que uma visita ao distrito de Portalegre não podia deixar de fora uma ida à cidade raiana de Elvas, imortalizada na música que lhe coloca Badajoz à vista. E na verdade, a 16 de Setembro de 2013, Elvas e Badajoz assinaram um protocolo de união e converteram-se na Eurocidade Elvas-Badajoz, com o objectivo de atrair mais investimento e desenvolvimento às duas urbes.

As muralhas seiscentistas de Elvas constituem a maior fortificação abaluartada do mundo. Quem o diz é a UNESCO, que se rendeu aos encantos da cidade e a tomou sob sua proteção.

Esta inscrição da UNESCO inclui ainda algumas atrações incontornáveis de Elvas, como o Aqueduto da Amoreira, os fortes da Graça e de Santa Luzia, os fortins de São Domingos ou da Piedade, São Pedro e São Mamede e todo o centro histórico, com as cercas medievais e os restantes edifícios militares.

Aqueduto da Amoreira em Elvas
O monumental aqueduto de Elvas

Gastronomia

Portalegre, como todo o Alentejo, guarda delícias únicas na sua gastronomia. Neste caso, poderá beneficiar dos melhores pratos, típicos do Alto Alentejo. Há sopas tradicionais como a sopa de cação e a sopa de beldroegas com figos e abrunhos. Outros petiscos irresistíveis são o ensopado de borrego, o cozido de grão ou a perdiz de escabeche.

A doçaria local é muito marcada pela doçaria conventual. Indispensável provar as sericaias, as queijadas de Portalegre e os pastéis de Santa Clara. Uma iguaria imperdível é o queijo de Nisa, de cor amarelada e feito do leite de ovelha cru.

Veja também

Artigos Relacionados