Publicidade:

Exercícios pós-parto: como recuperar a forma depois de ser mãe

Depois do nascimento de um filho, recuperar a forma física e a autoestima deve ser um desafio a abraçar. Descubra os cuidados a ter com os exercícios pós-parto.

Exercícios pós-parto: como recuperar a forma depois de ser mãe
Dicas para retomar a rotina de atividade física depois da gravidez

Depois da gravidez vem uma importante adaptação à nova vida e ao novo membro da família. Recuperar o corpo que tinha antes é um processo que implica algum cuidado e paciência. Fique a saber quando deve fazer exercícios pós-parto e o que é mais aconselhável nesta etapa.

Exercícios pós-parto: as respostas a todas as dúvidas


Para a recente mamã são muitos os ganhos do exercício físico após o nascimento do bebé, quer para a saúde física, quer para a saúde mental.

A vinda de um novo elemento para o lar traz muitas mudanças e desafios infinitos para família. É um período exigente de grandes adaptações, que implicam muito esforço por parte do pai e, especialmente, por parte da mãe. Os nove meses de gestação foram uma sucessão de transformações corporais, o parto e os dias que se seguem ao parto são, normalmente, auge destes “sismos” físicos.

exercicio pos-parto

Benefícios dos exercícios pós-parto

O treino adequado previne problemas intestinais – como obstipação – e uro-ginecológicos (perdas de urina, incontinência, queda da bexiga, por exemplo). Permite, também, corrigir a flacidez da parede abdominal, perdendo a barriga. O exercício físico reduz significativamente o stress, promove o bem-estar, a autoestima e a autoconfiança, sendo uma das estratégias mais preventivas da depressão pós-parto.

Importa referir que o exercício físico, praticado com moderação e adaptado à condição da mulher, não afeta a produção de leite materno nem a qualidade deste, pelo que a amamentação não será condicionada.

Qual a melhor altura para fazer exercício físico?

Sempre sob aconselhamento médico, a atividade física deve ser feita o mais brevemente possível após o parto.

Pode começar pelos exercícios de Kegel (contrair os músculos que controlam o fluxo da urina), para promover o fortalecimento dos músculos do pavimento pélvico, impedindo a perda involuntária de urina. Estes exercícios, assim como ligeiros alongamentos, poderão ser feitos ao longo do dia logo após o parto.

A ginástica, propriamente dita, é recomendável sempre que a mãe tenha condições físicas e médicas para tal. O Colégio Americano de Obstetrícia e Ginecologia aconselha, em caso de parto normal, começar o exercício físico duas a três semanas após o parto. Na cesariana aconselha esperar cinco a seis semanas.

O que deve ter em conta no exercício pós-parto?

a) Pilates, caminhadas, natação e hidroginástica (salvo impedimento médico) são modalidades indicadas para a recém mamã para recuperar a forma física;

b) A ginástica de recuperação pós-parto é uma modalidade largamente implantada em muitos ginásios, estúdios fitness e centros pré e pós natal;

c) O fortalecimento dos músculos posturais permitem melhorar a resistência física geral, a postura e o equilíbrio músculo-esquelético;

d) O exercício deve ser feito cerca de 20 minutos, três ou quatro vezes por semana;

e) A mãe deve hidratar-se durante a prática para não afetar o aleitamento;

f) Deve evitar exercícios de alto impacto;

g) O exercício físico deve ser sempre compensado com sono e repouso para recuperar a energia;

h) Havendo algum desconforto físico, deve parar o exercício;

i) A dieta equilibrada deve fazer parte dos cuidados após o nascimento do bebé e satisfazer as necessidades da mãe.

Veja também:

Ana Luisa Santo Ana Luisa Santo

Enfermeira especializada em acupuntura e medicina tradicional chinesa. É uma apaixonada pela saúde natural e terapias alternativas, explorando ativamente formas seguras de cuidar a saúde e o bem-estar. Trabalhou no Serviço de Cuidados Intensivos do Hospital Geral Santo António, Porto. Atualmente trabalha na consulta de acupuntura do Hospital da Lapa. Docente no Instituto Jean Piaget. Enfermeira voluntária na AMI.