Publicidade:

Saiba o que significam as siglas auto

Simplificamos, especialmente para si, a imensidão de siglas auto existentes no mercado. Desvende os significados associados e onde são aplicadas. Tome nota!

 
Saiba o que significam as siglas auto
Descubra o significado das siglas automóveis

Com o constante desenvolvimento da tecnologia, as siglas auto têm vindo a aumentar e, consequentemente, a sua interpretação pode tornar-se ainda mais complicada, uma vez que os construtores das marcas classificam sistemas idênticos com siglas diferentes.

O levantamento iconográfico da informação a reter no painel de instrumentos é um dos trabalhos mais exaustivos no design interior automóvel. As presentes transformações das plataformas digitais no meio automóvel surgem em força e a aplicação de ecrãs nos interiores dos veículos reflete que a interatividade a bordo é o futuro.

Os sistemas de segurança e auxílio à condução apoiam-se sobretudo nestas siglas, pelo que convém saber interpretá-las, de modo a perceber o que o seu carro lhe está a reportar. Hoje em dia, algumas das siglas auto começam a estar progressivamente associadas ao sistema de inteligência artificial. Este estado de arte, ainda que aplicado em modelos particulares (maioritariamente protótipos de testes), pretende avaliar o comportamento do carro em estrada e comunicar diretamente ao condutor, alertando para perigos, falhas de componentes e anomalias suspeitas, relacionadas com a mecânica do automóvel.

Para que se sinta menos perdido nesta luta incessante de interpretar cada uma das siglas e, assim, conseguir agir no momento da notificação do seu automóvel, separamos estas siglas automóveis para o ajudar. Conheça, separadamente, uma lista com as mais comuns e outra lista mais extensiva com as restantes.

Descubra o que significam as siglas auto


abs

Siglas auto mais comuns

ABS (Anti-lock Braking System): refere-se ao sistema de travagem anti-bloqueio. Os sensores nas rodas comunicam a informação sobre uma travagem mais brusca a uma central eletrónica interna que determina que se solte gradualmente o travão. Se este símbolo aparecer no painel em situações de condução regular, não é algo normal e deverá consultar a opinião de um mecânico.

ESP (Eletronic Stability Program): traduz-se por programa eletrónico de estabilidade e tem como função reconduzir o automóvel à sua trajetória original, nos casos em que perde a estabilidade, quer seja no eixo traseiro, quer dianteiro. Essencial sobretudo para uma condução mais segura, nos automóveis mais recentes pode desativar o ESP por meio de um botão no painel de controlo.

TCS (Traction Control System) ou, também denominado, ASR (Anti Slip-Regulation): é o sistema de controlo de tração ou sistema de controlo antipatinagem. A sua função primordial é permitir que a viatura arranque ou acelere em pisos mais molhados ou apenas escorregadios, sem que as rodas deslizem.

Evitando a perda de aderência, este sistema proporciona segurança extra ao veículo e ao condutor, enquanto poupa o desgaste dos pneus. Tal como o sistema anterior, o TCS também pode ser desativado, se assim for a vontade do condutor. Contudo, não há qualquer problema se o mantiver ativo durante toda a vida útil do automóvel.

EBD (Eletronic Brake Force Distribuition): diz respeito à distribuição eletrónica da força de travagem. Este sistema controla a força dos travões nos eixos traseiro e dianteiro. É um auxiliar que complementa o sistema ABS de forma a proporcionar uma melhor distribuição das forças que são utilizadas na travagem.

BAS (Brake Assist System): é o sistema de auxílio à travagem de emergência, que reforça a força no travão quando o condutor carrega no travão com muita força. O BAS atua em conjunto com o ABS e o anterior sistema EBD.

Outras siglas auto

  • ABS (Anti-Locking Braking System) – Sistema de travão anti bloqueio;
  • ABSD (Active Blind Spot Detection) – Sistema de deteção do ângulo morto;
  • ACC (Adaptative Cruise Control) – Controlo de velocidade adaptativo;
  • AEB (Assist Emergency Braking) – Assistente de travagem de emergência;
  • AFL (Adaptive Forward Lighting) – Luzes frontais adaptativas;
  • AFS (Advanced Front Lighting Systems) – Sistema avançado de luzes frontais;
  • ASC (Active Stability Control) – Controlo de estabilidade;
  • ASCC (Advanced Smart Cruise Control) – Controlo de velocidade cruzeiro avançado;
  • AVMS (Automatic Vehicle Monitoring System) – Sistema de monitorização do veículo;
  • AWD (All Wheel Drive) – Sistema de tração integral;
  • BAS (Break Assist System) – Sistema de assistente de travagem;
  • BCW (Blind-Spot Colision Warning) – Alerta de colisão;
  • BLIS (Blind-Spot Information System) – Sistema de deteção do ângulo morto;
  • BSD (Blind Spot Detection) – Sistema de deteção do ângulo morto;
  • BSM (Blind Spot Monitoring System) – Sistema de deteção do ângulo morto;
  • DAA (Driver Attention Alert) – Sistema de alerta ao condutor;
  • DAW (Driver Alert Warning) – Sistema de alerta ao condutor;
  • DCT (Dual Clutch Transmission) – Transmissão de dupla embraiagem;
  • DSC (Dynamic Stability Control) – Controlo de estabilidade;
  • DSG (Direct Shift Gearbox) – Caixa de velocidades de dupla embraiagem;
  • DSR (Downhill Speed Regulation) – Controlador de velocidade em descidas;
  • DSTC (Dynamic Stability Traction Control) – Sistema de controlo de estabilidade e tração;
  • DTC (Dynamic Traction Control) –  Controlo de tração;
  • EAS (Electrically Assisted Steering) – Direção com assistência elétrica;
  • EAT (Electronic Automatic Transmission) – Transmissão automática;
  • EBA (Emergency Brake Assist) – Assistente de travagem de emergência;
  • EBD (Electronic Brake force Distribution) – Distribuição eletrónica da força de travagem;
  • EDC (Efficient Dual Clutch) – Caixa de velocidades de dupla embraiagem;
  • ESC (Electronic Stability Control) – Controlo de estabilidade;
  • ESP (Electronic Stability Program) – Controlo de estabilidade;
  • ESS (Emergency Stop Signal) – Sinal de paragem de emergência;
  • FCA (Forward Collision Avoidance Assist) – Assistente de prevenção da colisão;
  • FCWS (Front Collision Warning System) – Sistema de alerta de colisão;
  • HAC (Hill Assist Control) – Controlador de arranque em subidas;
  • HBA (High Beam Assist) – Assistente de luzes de máximos;
  • HDC (High Descent Control) – Controlador de velocidade em descidas;
  • HID (High Intensity Discharge) – Descarga de alta intensidade;
  • HUD (Head up display) – Head-up Display;
  • LAS (Lane-keep Assist System) – Sistema de assistência à transposição involuntária da faixa rodagem;
  • LDAS (Lane Departure Avoidance System) – Sistema de aviso à transposição involuntária da faixa rodagem;
  • LDWS (Lane Departure Warning System) – Sistema de aviso à transposição involuntária da faixa rodagem;
  • LED (Light Emitting Diode) – Diodo de emissão de luz;
  • LKAS (Lane Keeping Assist System) – Sistema de assistência à transposição involuntária da faixa rodagem;
  • MRCC (Mazda Radar Cruise Control) – Radar de velocidade cruzeiro da Mazda;
  • PDC (Park Distance Control) – Sistema de sensores de estacionamento;
  • RCCW (Rear Cross-Traffic Collision Warning) – Alerta de trânsito na retaguarda;
  • RCTA (Rear Cross Traffic Alert) – Alerta de trânsito na retaguarda;
  • RVM (Rear View Monitoring) – Monitorização do trânsito na retaguarda;
  • SBCS (Smart City Brake Support) – Sistema de travagem autónoma em cidade;
  • SIPS (Side Impact Protection System) – Sistema de proteção de impacto lateral;
  • SLIF (Speed Limit Information Function) – Função de informação do limite de velocidade;
  • SLS (Straight Line Stability) – Sistema de assistência à faixa de rodagem;
  • SPAS (Smart Park Assist System) – Sistema de assistência ao parqueamento;
  • SWPS (Steering Wheel Position System) – Sensor de posição do pneu;
  • S&S (Start and Stop) – Sistema de paragem e arranque do motor;
  • TCS (Traction Control System) – Sistema de controlo de tração;
  • TSR (Traffic Sign Recognition) – Reconhecimento de sinais de trânsito;
  • TPMS (Tyre Pressure Monitor System) – Sistema de monitorização da pressão dos pneus;
  • TVBB (Torque Vectoring by Breaking) – Sistema de vetorização do binário;
  • VSA (Vehicle Stability Assistant) – Controlo de estabilidade;
  • VSM (Vehicle Stability Management) – Controlo de estabilidade;

Em alguns casos, certos construtores de automóveis possuem a sua própria tecnologia no desenvolvimento de sistemas de auxílio à condução que permitem a eficácia e segurança dos seus modelos de série. Uma vez que a tecnologia é vinda de “casa”, o nome e aplicabilidade das siglas automóveis têm autoria própria das marcas que a conceberam.

Siglas auto da Porsche e os seus significados

  • PAS (Porsche Active Safe)
  • PASM (Porsche Active Suspension Management)
  • PCM (Porsche Communication Management)
  • PDK (Porsche Doppel Kupplung)
  • PSM (Porsche Stability Management)
  • PTM (Porsche Traction Management)
  • PTV (Porsche Torque Vectoring)

Siglas auto: principais ideias a reter

  • Para auxílio nas travagens de emergência: AFU, BAS, BA, EBA, PBA;
  • Para distribuição eletrónica na travagem: EBD, REF;
  • Controlo de tração: ASR, TCS, VSA;
  • Controlo de estabilidade: ESP (nos modelos Audi, Chevrolet ou Kia), ESC (nos modelos da Ford);
  • Assistência de partida nas rampas: HSA (Volkswagen), HAC (Kia), HLA (Ford), Hill Holder (Fiat), Auto Hold (Volkswagen) e Hold Function (Mercedes-Benz).

Veja também: