ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
02 Jun, 2021 - 16:08

Carros familiares baratos: 7 opções a ter em conta

Afonso Aguiar

Numa família numerosa, o conforto, a segurança e o espaço tornam-se uma prioridade. Conheça 7 carros familiares baratos que cumprem esses requisitos.

família a escolher um dos carros familiares baratos disponíveis

Apesar de os carros mais vendidos em Portugal serem os utilitários, os familiares continuam a ser aqueles que melhor servem as famílias mais numerosas. Neste sentido, fizemos uma seleção de sete carros familiares baratos.

Apesar de o preço mais elevado destes modelos poder torná-los menos apetecíveis na hora da compra, há diversas razões para optar por estes modelos.

A partir do momento em que a família cresce, a potência, a cilindrada, a aerodinâmica e o turbo (e afins) deixam de ser prioridade. Assim, dá-se lugar à preocupação pelo conforto, espaço, segurança e até o dinheiro que poderá poupar, seja em termos de consumos, como também na compra de um veículo.

Ora, ser responsável por uma família acarreta despesas acrescidas e qualquer dica onde possamos poupar alguns euros é sempre bem-vinda.

A boa notícia é que os carros estão a evoluir cada vez mais, tanto a nível mecânico ou de segurança, mas sobretudo a nível tecnológico. Agora consegue encontrar carros familiares baratos de quase todos os fabricantes, recheados de extras que tornarão qualquer viagem em família num momento de prazer.

Se o seu orçamento é apertado, mas quer comprar um carro novo onde possa transportar os seus filhos, brinquedos, malas de viagem e as compras lá de casa, sem ter que amontoar tudo, ao mesmo tempo que usufrui do prazer do conforto e da descontração da segurança, então esteja atento a esta seleção.

7 carros familiares baratos que deve considerar

Para efeitos deste artigo, e tendo em conta o segmento que abordamos, estabelecemos um orçamento máximo de 25 mil euros. Para além disso, apresentamos modelos novos. Estas são, então, as nossas sugestões.

Dacia Sandero

Dacia Sandero, um dos carros familiares baratos
Dacia UK Press Office

O Dacia Sandero não é o automóvel mais potente ou com tecnologia mais avançada do mercado. No entanto, se se tiver em consideração a proporção custo/qualidade, torna-se um dos melhores carros familiares baratos.

Entre as principais características, destacamos, desde logo, o preço: a partir de 9.000 euros. No entanto, este modelo é também muito espaçoso (1848mm de largura e 4099mm de comprimento), principalmente tendo em conta que não se trata de uma carrinha.

Outro destaque vai para o facto de já contar com alguns sistemas dos principais sistemas de auxílio à condução, dos quais se salienta o sistema de travagem de emergência ativa (AEBS) e Assistência à Travagem de Urgência (AFU).

Para além destes, conta também com o sistema eletrónico de estabilidade e de ajuda ao arranque em subidas (ESP+HSA), sistema de ajuda ao estacionamento dianteiro e alerta de ângulo morto.

Preço: a partir de 9.000 euros
Ver modelo

KIA Ceed SW

KIA Ceed SW
Kia Global Media Center

O forte da marca sul coreana é a segurança e a tecnologia. Por isso, é sem surpresas que o KIA Ceed tenha vários sistemas de segurança incorporados, nomeadamente:

  • Sistema de assistência à faixa de rodagem;
  • Câmara traseira de estacionamento;
  • Assistência ao estacionamento;
  • Alerta de colisões frontais e traseiros;
  • Cruise control adaptativo.

Além disso, tem a particularidade de ter um ecrã tátil de 8 polegadas e o porta bagagens elétrico e automático, correspondendo às expectativas daqueles que gostam de estar atualizados tecnologicamente.

Em termos de motor, apresenta 1.000 cm de cilindrada, com 120 cv e um consumo estimado de 5.0 Litros a cada 100 quilómetros. Em termos de espaço, o tamanho também é bastante generoso, com 4.310 mm de comprimento e 1.800 mm de largura.

Preço: a partir de 21.050 euros
Ver modelo

Peugeot 2008

Peugeot 2008, um dos carros com menor consumo
Peugeot Media Center

Este é o terceiro carro mais vendido de Portugal em 2020 e o SUV mais vendido no país no mesmo período. Já em processo de conversão à eletrificação automóvel, ainda tem uma versão a gasolina: a mais barata.

O motor em questão é um 1.2 a gasolina, com 100 cv, caixa de seis velocidades manuais e consumos anunciados de 5.1 litros aos 100 quilómetros. Além disso, tem vários dos sistemas de auxílio à condução e sistema de infotainment já bastante desenvolvidos.

Espaçoso, com 4.300 m de comprimento e 1.770 mm de largura, é perfeito para uma família numerosa.

Preço: a partir de 19.420 euros
Ver modelo

Seat Leon ST Hybrid

Seat Leon
SEAT Media Center

Mesmo no limite do orlamento estabelecido para esta lista de carros familiares mais baratos encontra-se o Seat Leon SportsTourer. Na prática, e em bom português, trata-se de um Seat Leon versão carrinha.

Uma vez que se trata de uma automóvel mais caro do que os demais, também as suas características e equipamentos são melhores.

Em termos de motorização, junta o melhor de dois mundos: um motor a gasolina 1.4 e um motor elétrico de 85 kW. Juntando os dois, este modelo tem uns impressionantes 204 cv e a capacidade de, em modo híbrido, percorrer cerca de 800 km sem ter de parar para abastecer ou recarregar.

Umas das razões para isso é o sistema de travagem regenerativa que permite recarregar a bateria, enquanto pressiona no pedal do travão.

Já no que à tecnologia diz respeito, vem equipado com um cockpit digital, um ecrã de entretenimento e com conectividade dentro e fora do carro com a aplicação Seat Connect.

Finalmente, ainda traz consigo vários sistemas de auxílio à condução, como detenção de ângulo morto, alerta e assistência de saída de faixa de rodagem, auxílio ao estacionamento e, ainda, assistência pré-colisão.

Resumindo, é o carro desportivo, moderno, tecnologicamente avançado que foi adaptado para poder transportar a família em conforto e segurança.

Preço: a partir de 24.990 euros
Ver modelo

Renault Captur

Renault Captur, um dos carros familiares baratos
Renault Group Site Media

Este modelo é muito idêntico ao Peugeot 2008. Aliás, entre os SUV mais citadinos, mas ainda assim familiares, são os dois modelos de referência. Além disso, também os dois lutaram, durante o ano de 2020, em Portugal, pelo título de SUV mais vendido do mercado.

Apesar do segundo lugar na luta pelo mercado dos crossovers e o quarto a nível global, este modelo em pouco ou nada fica atrás do seu rival. É espaçoso, com 2003 mm de largura e 4227 m de comprimento.

Perde unicamente para o Peugeot 2008 em termos de potência e cilindrada, uma vez que apresenta um motor 1.0 com 95 cv e um consumo anunciado de 5.9 litros a cada 100 quilómetros.

Mais uma vez, é um carro que conta com o sistema de auxílio à travagem de emergência e ao arranque em subida, entre outros.

Preço: a partir de 20.940 euros
Ver modelo

Skoda Fabia Break Ambition

Skoda Fabia Break Ambition

O Skoda Fabia pode não ser o familiar mais potente do mercado. No entanto, é um automóvel bastante fiável.

Além do preço apelativo, destaca-se o consumo, estimado, em circuito WLTP, nos 4.6 litros. O motor, agora a gasolina, é um 1.0 TSI com 95 cv e caixa de sete velocidades (que ajuda a diminuir os consumos).

Também já vem incorporado com sistemas de auxílio à condução, como o sensor de ângulo morto, sistema de aviso de trânsito na retaguarda e assistente dianteiro, permitindo tornar este modelo num carro mais seguro para si e para a sua família.

Preço: a partir de 20.985 euros
Ver modelo

Volkswagen Golf Variant

VW Golf Variant, um dos carros familiares baratos
Volkswagen Newsroom

Tal como no caso do Seat Leon, a marca alemã decidiu criar uma versão familiar do seu carro mais popular dos últimos 30 anos. Com a inclusão de uma versão carrinha, o Golf tornou-se o automóvel desportivo predileto para as famílias.

Comecemos pelos 1642 litros de capacidade da bagageira, com os bancos rebatidos. No entanto, a pensar nas situações do dia-a-dia, a marca decidiu incluir uma forma fácil (“Easy Open”) de abrir a bagageira. Basta passar o pé por baixo do sensor colocado na parte de trás e ao centro deste familiar.

Tem ainda dois ecrãs táteis e, tal como muitos aqui apresentados, também tem sistema de assistência de manutenção de faixa de rodagem, auxiliar ao estacionamento, cruise control adaptativo, entre outros.

Já em termos de desempenho, conta com um motor 1.0 FSI, com 110 cv e um consumo misto anunciado de 5.5 litros a cada 100 quilómetros. É verdade que ultrapassa ligeiramente o orçamento estabelecido, mas continua a ser uma excelente opção.

Preço: a partir de 25.212 euros
Ver modelo

Carros familiares baratos usados

Como referido acima, as escolhas acima referem-se a carros novos. No entanto, caso o orçamento seja mais limitado, ou até queira um modelo mais potente, pode sempre optar por carros usados.

Tendo em conta a panóplia de opções possíveis entre os carros usados, deixamos aqui algumas dicas e marcas conhecidas pela sua segurança e durabilidade.

  1. Esteja atento quando um novo modelo sair. Isso significa que a marca procurará escoar o stock do modelo anterior e o mesmo poderá ser vendido novo ou seminovo a preço de saldo.
  2. Sites como o StandVirtual e o OLX permitem fazer uma excelente comparação de preços e verificar se está ou não a ser burlado. Ainda assim, por uma questão de segurança e para ter garantia automóvel, escolha um veículo usado de um stand.
  3. Marcas como a Mercedes e a Volkswagen são conhecidas pela sua durabilidade. Assim, modelos como o VW Passat ou o Mercedes Classe C não costumam dar problemas a curto, médio e longo prazo. Para além destes, também o Mercedes Classe E tem fama de ser ultra resistente.
  4. Enquanto umas marcas são famosas pela sua durabilidade, outras são mais reputadas pela segurança. É o exemplo da Volvo que já ganhou com vários modelos e várias vezes o prémio de carro mais seguro do ano da EuroNcap.
  5. Há também marcas que juntam o melhor dos dois mundos e, embora não se estabeleçam como as figuras de proa em termos de durabilidade e segurança, são extremamente fiáveis. Exemplo disso é a Audi e mais concretamente os seus modelos A4 e A6.
Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].