Assunção Duarte
Assunção Duarte
14 Jan, 2021 - 15:16

O meu gato deve ter uma coleira com guizo?

Assunção Duarte

Colocar uma coleira com guizo vai depender do tipo de aventuras que o seu gato tem quando anda lá fora. É que o barulho não lhes está no sangue…

Gato de coleira com guizo

Coleira com guizo é uma tradição que há muito os tutores de gatinhos deixaram de cumprir. E ainda bem. Os especialistas em comportamento animal e os veterinários afirmam que o barulho constante do guizo pode provocar graves problemas de saúde ao seu portador. 

Estes pequenos felinos são animais altamente silenciosos e a sua natureza de predadores conta com esse silêncio para que possam manter os seus comportamentos naturais, mesmo sendo gatos domésticos. O barulho constante provoca stress e pode tornar o gato irritadiço, violento e até afectar o seu sistema imunitário. Então porque se coloca sequer a questão de lhe colocar uma coleira com guizo?  

Coleira com guizo pode proteger a biodiversidade 

A opção por uma coleira com guiso só deve ser posta na mesa se desconfiar que o seu gato é um caçador ativo quando anda lá fora ou se ele tiver o hábito de trazer para casa animais mortos. Aves, roedores ou pequenos mamíferos. Este hábito mostra que o seu gato gosta de si, gosta de lhe oferecer presentes assustadores e que está a manter o seu comportamento natural de bom caçador e de felino. 

Mas esta vitalidade e bem-estar do seu animal de estimação traz uma grave contrapartida. É que ele é uma verdadeira ameaça à vida selvagem da região onde habita. Os gatos domésticos prejudicam gravemente a biodiversidades das zonas onde mantêm um território no exterior da casa que habitam porque são caçadores extremamente eficazes. Será que uma coleira com guizo pode salvar a situação?

Barulho pode afastar algumas presas

Pode conseguir facilmente que o seu gato mate menos presas se o mantiver fechado na segurança da sua casa. Mas neste caso está e impedi-lo de desempenhar os seus comportamentos naturais. Pode estimulá-lo simulando caçadas por emboscada, ou criando um pátio vedado no exterior, mas ele vai perder muita da animação e dos estímulos que encontra enquanto vagueia em liberdade pelas redondezas.

Com um coleira com guizo o seu gato vai fazer barulho quando tentar apanhar alguma presa sorrateiramente. O som vai alertar alguma da vida selvagem que se cruzar com ele, permitindo que esta se ponha a salvo antes do ataque. Alguns especialistas afirmam que o guizo pode reduzir para metade as presas capturadas pelo seu gato. Essa redução e o facto de o manter mais vezes fechado em casa, podem ser suficientes para que ele não se torne uma verdadeira ameaça aos ecossistemas locais. 

Mas a questão do ruído stressante, ainda que não o acompanhe todo o dia, mantém-se. E há ainda tutores que ficam preocupados porque tal como como o guizo afasta as presas, ele também pode atrair predadores, inclusive humanos. Há alguma solução mais eficaz?

Gato morde-lhe nas mãos
Não perca O gato morde-lhe as mãos? A culpa pode ser das suas brincadeiras

Alternativas à coleira com guizo

Entre os dispositivos anti-caça para gatos que começam a ser famosos encontramos os “babetes”. São pedaços de tecido coloridos colocados na coleira do seu gato e que alertam visualmente as presas para a sua presença quando o gato se tentar camuflar. Veja alguns exemplos aqui

São particularmente eficazes com as presas aéreas, como pássaros ou aves de pequeno porte, porque estas têm uma visão muito apurada para as cores. Já para os pequenos mamíferos como os roedores, eles não funcionam tão bem como um guizo porque estes animais possuem uma visão mais fraca.

Se é tutor de um gato que gosta de andar no exterior e se vive numa zona com espécies ameaçadas de extinção avalie qual é a opção que o vai ajudar a desempenhar melhor um papel ativo na conservação dessas espécies. Menos horas na rua? Um pátio vedado no exterior? Um guizo ou um babete? Ou um solução conjunta, posta em pratica em momentos diferentes, mas adaptada ao bem estar do seu bichano e das espécies de vida selvagem que o rodeiam? Todas podem ser uma boa opção.

Veja também