Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
01 Abr, 2020 - 16:31

5 aspectos a ter em conta para escolher o estágio certo

Catarina Milheiro

Sabemos que os estágio podem ser uma porta de entrada para o mercado de trabalho. Atente nestas dicas para ajudar a escolher o estágio certo.

jovem a escolher estágio no computador

Independentemente de se gostar ou não, a verdade é que os estágios fazem parte da vida de qualquer profissional. O problema, muitas vezes, é saber como escolher o estágio certo. Afinal, a escolha é muita: mais curtos ou mais longos, curriculares (não remunerados) ou remunerados, de verão ou durante o resto do ano, em Portugal ou no estrangeiro.

Os estágios são realizados com o intuito de iniciar profissionais numa determinada área de emprego, quer seja para ganhar experiência prática, para obter conhecimento ou para satisfazer os requisitos de qualificação.

E as vantagens associadas à realização de um estágio são várias: desde acrescentar valor ao seu CV, permitir-lhe aumentar a sua rede de contactos, até possibilitar ao estagiário perceber aquilo que realmente gosta de fazer.

5 aspetos a considerar PARA ESCOLHER O ESTÁGIO CERTO

jovem a ver estágios no telefone

O momento em que tem de escolher o estágio que quer fazer pode ser bastante stressante e até angustiante. Afinal, a maioria dos profissionais que por aqui passaram, sabem que a escolha do estágio pode ser decisiva para a ingressão no mercado de trabalho.

Primeiramente, é essencial perceber que o estágio perfeito não existe; há sempre algum aspeto que poderá não decorrer conforme esperado. No entanto, o objetivo deste artigo é prepará-lo para escolher o estágio certo, isto é, o mais adequado para si.

Assim, podemos dar-lhe algumas dicas para o ajudar a encontrar um estágio que (melhor) se alinhe com os seus objetivos de carreira e através do qual possa agarrar outras oportunidades e chamar a atenção dos recrutadores.

É muito importante que escolha um bom estágio quer a nível pessoal como profissional. Falamos de uma experiência de trabalho que lhe permita crescer a todos os níveis.

Para conseguir um bom estágio é essencial que faça uma vasta pesquisa, com a maior quantidade de vagas disponível e que envie o seu currículo para aquelas vagas com que mais se identifica. Por isso, se está prestes a escolher um estágio, confira as nossas dicas.

1

Que tipo de experiências lhe vai proporcionar o estágio?

Certamente que se procura escolher o estágio certo para si, esta é uma questão sob a qual já refletiu.

Trata-se de uma questão particularmente importante (se não mesmo a mais importante). Aqui não falamos nem do nome da empresa onde vai estagiar, nem da área de atividade, mas sim das competências e experiências que o estágio lhe pode proporcionar em termos profissionais.

Lembre-se que a ideia é ganhar experiência e destreza profissional com o estágio, tornar-se apto a trabalhar de forma autónoma, adquirir conhecimentos e competências técnicas que serão depois fundamentais para o seu dia-a-dia laboral, ter a possibilidade de interagir e contactar com profissionais mais experientes na sua área profissional e aprender com eles.  

Saber de antemão com o que pode contar e se isso o pode ajudar ou não a atingir as suas metas (pessoais e profissionais) é algo que vai querer ter em conta na hora de escolher e aceitar um estágio.

2

Qual é a estrutura e o tempo de estágio?

Para que consiga tirar partido de um estágio, é necessário que ele esteja bem estruturado e organizado.

Por isso, antes de “saltar” para um, trate de perceber qual a estrutura e a duração do mesmo. Só assim poderá saber se vai ou não poder trabalhar as suas competências e adquirir a experiência que necessitar para alcançar os seus objetivos e metas profissionais.

3

Que tipo de competências irá poder desenvolver?

Quando o momento de escolher o estágio se aproxima, é essencial que aponte num papel todas as competências pessoais e profissionais que ambiciona desenvolver durante o período de estágio.

Desta forma, torna-se muito mais fácil selecionar as vagas disponíveis que estão alinhadas com os seus objetivos.

Analise bem o tipo de trabalho que poderá vir a desenvolver durante o estágio e tente perceber o que pode ou não fazer e quais as competências profissionais que pode vir a adquirir e trate de as agarrar com as duas mãos.

Contudo, esta questão pode ser um pouco delicada. Isto porque não depende apenas do estágio, mas também do estagiário. Ou seja, aqui não basta que o estágio (ou a empresa) lhe ofereça a oportunidade de desenvolver um leque de competências que serão importantes para a sua carreira futura. É essencial que, enquanto estagiário, também queira desenvolver essas competências e trabalhar para isso.

Se quer tornar-se ainda melhor pode, por exemplo, procurar fazer mais. Ofereça-se para participar noutros projetos ou realizar novas tarefas, por exemplo.

Lembre-se que um estágio é uma oportunidade de treinar e ganhar experiência, mas apesar de estarem pensados e estruturados para dotar os estagiários de determinadas competências, depende de si ir ou não mais longe.

4

Qual é a natureza do seu trabalho enquanto estagiário?

Muitas vezes os estagiários apercebem-se que, ainda que as descrições de funções digam uma coisa, nem sempre as funções são aquilo que deveriam ser e nem tão pouco lhe vão dar os conhecimentos e experiência que procuram.

Para evitar que isso aconteça trate de perceber se efetivamente vai poder “pôr as mãos na massa” e aprender durante o estágio.

Pode tentar falar com antigos estagiários da empresa onde pensa vir a estagiar ou tentar obter mais informações junto dos recrutadores (aquando da entrevista).

E não tenha medo de lhes dizer que pretende trabalhar e aprender durante o estágio, afinal é para isso que serve.

5

Analise muito bem a empresa e os benefícios associados e pense a longo prazo

Para conseguir escolher o estágio mais adequado ao seu perfil, deve analisar e ponderar bem em relação à empresa.

Durante este processo, deve procurar fazer uma breve pesquisa sobre a empresa para que consiga estar devidamente informado. Pode, inclusive, procurar pelos funcionários da empresa no Linkedin, de forma a ter uma noção mais real dos seus percursos.

Para além disto, é essencial que analise ainda os benefícios oferecidos pela empresa e se está ou não de acordo com eles. Caso não esteja, deverá procurar uma vaga para estágio noutra organização.

Outra questão bastante importante no momento de escolher o estágio certo, é analisar a sua intenção. Ou seja, quer ter a oportunidade de fazer carreira ou prefere apenas adquirir experiência? Assim que se decidir, deve focar-se nos tipos de empresa para onde quer mandar o seu currículo.

UM ESTÁGIO À MEDIDA

Escolher um estágio não é fácil. E nem deve ser. Afinal, esta experiência deve abrir-lhe o caminho para uma carreira de sucesso. Para isso, deve antes de mais pensar no rumo que quer dar à sua carreira e quais os estágios que podem (ou não) ter mais impacto em termos profissionais para si.

Além disso, o apoio da instituição na altura da escolha pode ser crucial. Converse com os seus professores e colegas de turma e peça uma opinião. É extremamente importante que aproveite o conhecimento destes profissionais para melhor perceber o que será certo ou errado para si.

Mas independentemente da sua escolha, encare a importunidade de forma positiva e trate de desenvolver as suas competências técnicas e pessoais.

Veja também