Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luísa Santos
Luísa Santos
14 Jan, 2020 - 11:43

Como transformar fotos em vídeos

Luísa Santos

Transformar fotos em vídeos pode ter muitas vantagens, como poupar espaço no disco. É também uma forma original de partilhar os seus melhores momentos.

Como transformar fotos em vídeos

Tudo o que precisa é de uma boa dose de criatividade e, claro, algum tempo livre. É muito simples transformar fotos em vídeos nos dias de hoje, graças aos programas que existem. Saiba como fazê-lo e porquê.

Transformar fotos em vídeos: como fazer

mulher de phones a usar o pc

Como noutro qualquer processo de criação, é importante que tenha algumas ferramentas à mão para transformar fotos em vídeos. Mas não se preocupe, porque não é nada de complicado. Aponte estes materiais indispensáveis:

  • Um computador (Windows ou Apple);
  • Fotografias organizadas;
  • Um editor de vídeo.

Se está a pensar que vai precisar de comprar um editor de vídeo, desengane-se. Há vários programas gratuitos que transformam fotos em vídeos de forma muito rápida e, sobretudo, intuitiva.

Tenha ainda em consideração que vai precisar de uma ou duas horas para concluir o processo, especialmente se for um principiante nestas andanças. Se não, a criação de vídeos será substancialmente mais rápida.

Por isso, reúna todas as ferramentas que precisa e sente-se em frente ao computador para dar uma nova vida aos seus melhores momentos. Siga os passos abaixo e boa sorte!

1. Escolha e organize as fotografias

Este é o primeiro passo deste processo e, talvez, o mais importante de todos. Decida se quer criar um ou mais vídeos e organize as fotografias a utilizar em conformidade.

Escolha as fotografias que quer incluir nesses vídeos e divida-as por pastas (caso queira criar mais do que um vídeo). Caso contrário, coloque as fotos às quais quer dar nova vida numa só pasta.

Ao fazê-lo, irá acelerar o processo de transformar fotos em vídeos, isto porque já terá todos os momentos devidamente organizados num só local.

2. Importe as fotografias para o editor de vídeo

No caso de não querer instalar um novo editor de vídeo, pode sempre experimentar estes online. Independentemente do programa de utilize, está na hora de importar as fotografias escolhidas para o mesmo.

Pode fazê-lo de uma só vez ou, então, importar uma a uma à medida que vai construindo o vídeo. Tudo depende da sua forma de trabalhar e daquilo que lhe dá mais jeito na montagem e edição.

Todos os programas têm esta opção, que deve encontrar no menu geral.

Computador para transformar fotos em videos

3. Comece a fazer a montagem

Um dos passos mais importantes para construir o seu vídeo é a montagem de fotografias. Dependendo da finalidade da sua criação, é importante que estabeleça uma ordem para as fotos que vai usar.

Pode, por exemplo, optar por uma lógica cronológica e montar as imagens seguindo essa ordem. Caso se engane na organização de um dos momentos, não se preocupe, porque pode sempre arrastar o mesmo para trás ou para a frente.

4. Adicione transições, música e textos

Estes “extras” são muito utilizados para transformar fotos em vídeos, isto porque conferem um caráter muito original ao formato final. Independentemente da montagem que está a fazer, pode sempre tornar o vídeo mais fluído.

Para isso, pode (e deve) acrescentar transições entre as fotografias, de forma a que estas “passem” de uma para a outra sem cortes. Explore o menu de transições do programa que está a usar, porque as possibilidades são imensas.

Mantenha a originalidade e adicione uma música (ou mais) e textos (se achar que isso se adequa ao vídeo que está a criar).

5. Escolha uma duração

Escolha a duração do seu vídeo e faça a edição em conformidade. Pode definir que algumas fotos durem mais do que outras e até incluir momentos só com texto, mas respeite sempre o limite temporal que escolheu.

Este é um passo importante dependendo da finalidade que quer dar à sua criação. Ainda que não exista um limite obrigatório, é mais vantajoso que mantenha o seu vídeo mais curto que o habitual caso o partilhe nas redes sociais.

Veja também