Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Júlia Rocha
Júlia Rocha
21 Jul, 2020 - 11:50

6 cuidados que deve ter com o calor intenso dentro do carro

Júlia Rocha

Altas temperaturas que se fazem sentir dentro dos automóveis requerem alguns cuidados especiais. Saiba quais e como amenizar a temperatura.

6 cuidados a ter com o calor intenso dentro do carro

O verão chegou mais tarde este ano, mas já chegou a sério, com as altas temperaturas que se têm feito sentir por todo o país. Nunca é demais alertar os condutores e passageiros automóveis para cuidados a ter com o calor intenso dentro do carro, e quando possível, a evitar a subida das temperaturas.

Preste atenção às recomendações deixadas por polícia e bombeiros nestas alturas, nunca descure de medidas de segurança necessárias e úteis para a segurança de todos. Sabia que um carro parado, com os vidros fechados, apenas demora cerca de 5 minutos a aumentar a temperatura interna em cerca de 10 graus, comparativamente à externa? E nem sequer é preciso deixar o carro diretamente exposto ao sol para as temperaturas aumentarem.

Crianças, idosos e animais nunca devem, em nenhuma circunstância, ser deixados dentro das viaturas estacionadas. Infelizmente já não são poucos os casos de hipertermia ou mesmo de morte, nestas ocorrências. Saiba como pode amenizar o calor intenso dentro do carro.

6 cuidados a ter para evitar o calor intenso dentro do carro

Carros estacionados na via pública

1. Estacionamento à sombra/locais tapados

Sempre que possível, estacione o carro num local coberto. Escolha sempre estacionar onde possa estar mais protegido da luz solar e em parques que estão servidos de ar condicionado e ventilação. Caso não seja possível, a próxima opção é estacionar à sombra, claro.

2. Utilização de acessórios protetores

Falamos dos para-sóis e cortinas para os vidros retrovisores, laterais e claro, para o para-brisas. Sobretudo relativamente a este último componente, é obrigatório colocar um para-sol de alumínio para refletir a luz e evitar o contacto direto do sol no tablier e volante. Praticamente todos os carros atualmente têm cortinas nos assentos traseiros para proteger, sobretudo, as crianças que lá circulam. Poderá até colocar toalhas em cima do volante, se não tiver outra hipótese.

3. Ar condicionado

Não utilize o ar condicionado no máximo, para evitar choques térmicos devido às grandes diferenças de temperatura. Pode não ser uma dica para diretamente evitar o calor intenso dentro do carro, mas vai evitar constipações e outros problemas. Outra dica relacionada com o ar condicionado, é não o ligar imediatamente quando entra no carro: abra as janelas primeiro, permita a troca de ar enquanto já circula durante uns minutos, e só depois ligue o ar, ao fechar os vidros. Esta recirculação permite que a queda da temperatura interna seja mais rápida.

4. Janelas abertas

Se circular apenas em curtas distâncias, prefira circular com as janelas abertas, visto que o ar condicionado ainda demora a arrefecer o ambiente. Por vezes, em distâncias mais curtas pode não valer a pena e até está a poupar.

5. Polimentos

Fazer um polimento periódico pode ser uma ajuda preciosa. Além de ser fundamental para proteger a pintura dos carros, a cera reforça a camada superior de tinta, ajudando na resistência ao calor e raios UV. Não é má ideia levar o carro a um profissional para um polimento bem feito.

6. Películas nos vidros

Colocar películas nos vidros pode ser uma opção mais cara e têm mesmo de ser aplicadas por profissionais, mas pode ter várias vantagens a longo prazo. As películas filtram os raios UV, reduzindo de forma considerável a temperatura e, por conseguinte, ajudar a baixar o consumo de combustível, ao reduzir a necessidade do ar condicionado.

Veja também