Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luísa Santos
Luísa Santos
13 Nov, 2019 - 13:13

Já é possível fazer compras pelo WhatsApp

Luísa Santos

A empresa já lançou o serviço em alguns países e conta disponibilizar o mesmo de forma global. A tempo do Natal: já pode fazer compras pelo WhatsApp.

Já é possível fazer compras pelo WhatsApp

As compras poderão ser feitas diretamente a partir da aplicação, sem precisar de usar outros serviços. Fazer compras pelo WhatsApp já é uma realidade em países como os Estados Unidos da América, Brasil, Reino Unido e Alemanha.

como Fazer compras pelo whatsapp

pagar imi com cartão de crédito

A funcionalidade é muito recente, mas já ultrapassou há muito a fase de testes, estando já implementada em alguns países. Os planos da empresa passam por estender esta possibilidade a todo o mundo num futuro muito próximo.

Fazer compras pelo WhatsApp já é uma realidade e, de facto, a grande novidade da empresa para o final do ano. Tudo indica que o lançamento foi calculado com base na época festiva que se aproxima – sobretudo a Black Friday e a Cyber Monday.

De facto, os E.U.A. foram um dos primeiros países a receber a novidade, a par do Brasil, México, Índia, Indonésia, Alemanha e ainda o Reino Unido. Essas compras poderão ser feitas diretamente a partir da aplicação.

Marcas já aderiram ao serviço

Já há muitas lojas que aderiram à novidade, permitindo aos utilizadores fazer compras pelo WhatsApp, sem nunca acederem ao site oficial. As marcas constroem a sua “loja” através do WhatsApp Business, disponibilizando-a, assim, para todo o mundo.

Para isso, cada marca deve adicionar as fotografias dos produtos que quer vender, assim com as respetivas descrições e preços para que os utilizadores possam comprar mais tarde.

Estas lojas, por sua vez, ficam alojadas no Catalog, o novo separador criado para o efeito. Os utilizadores interessados podem, também, contactar a loja diretamente e fazer o pedido que querem.

Tal como já acontece no Facebook, as lojas poderão adicionar respostas automáticas no caso de não poderem responder assim que recebam uma nova mensagem.

Para já, só alguns países podem utilizar esta funcionalidade que, de acordo com a empresa, chegará rapidamente aos restantes países.

Veja também