Ekonomista
Ekonomista
20 Nov, 2020 - 10:05

Saiba o que fica aberto depois das 13h durante o fim de semana

Ekonomista

Tal como no último fim de semana, este sábado e domingo o comércio volta a encerrar a partir das 13 horas, mas há algumas exceções. Saiba quais são.

Funcionária a fechar restaurante

Farmácias, padarias, bombas de gasolina, clínicas e consultórios são alguns dos estabelecimentos que vão poder manter portas abertas mesmo durante o recolher obrigatório decretado para os dias 14 e 15, 21 e 22 de novembro.

Já os estabelecimentos de retalho alimentar, como os supermercados e hipermercados, com mais de 200 metros quadrados vão ser obrigados a fechar à uma da tarde (e só podem abrir depois das 8 da manhã).

A decisão foi tomada após a reunião do Conselho de Ministros de quinta-feira, 12 de novembro, que atualizou ainda para 191 o número de concelhos considerados de alto risco, isto é, aqueles com mais de 240 novos casos por cada 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Assim, nos dias 14, 15, 21 e 22 de novembro a generalidade do comércio vai permanecer encerrada entre as 13h00 e as 8h00, com as seguintes exceções:

  • Farmácias;
  • Funerárias;
  • Consultórios médicos;
  • Centros de atendimento veterinário com urgências;
  • Padarias;
  • Bombas de gasolina (excluindo serviços de cafetaria e restauração);
  • Aluguer de veículos (rent-a-cargo e rent-a-car);
  • Hotéis e alojamentos;
  • Estabelecimentos em aeroportos (situados após o controlo de segurança dos passageiros).

Além destes, também os estabelecimentos de retalho alimentar, de produtos naturais ou dietéticos e de saúde ou higiene, podem ficar abertos após as 13 horas, desde que tenham porta direta para a rua e uma área inferior a 200 metros quadrados.

A restauração, por sua vez, pode funcionar a partir das 13 horas mas apenas para entregas ao domicílio.

Veja também