Helena Peixoto
Helena Peixoto
07 Fev, 2020 - 11:15

Conheça pequenos gestos diários que podem ajudar a salvar o planeta

Helena Peixoto

Ajudar a salvar o planeta é muito mais simples do que possa imaginar. Estás disposto a fazer pequenas mudanças? Então, vamos a isso!

mãos a segurar planeta verde
O artigo continua após o anúncio

É nas pequenas coisas que vemos a diferença acontecer. E no que toca salvar o planeta isso não é exceção! Existem pequenos gestos diários que pode incluir nas suas rotinas para ajudar a salvar o planeta

E não torça já o nariz, pois estas mudanças de comportamentos são bem simples de implementar. Na verdade, são tão simples que podem parecer insignificantes e que não vão fazer a diferença, mas os efeitos são imediatos, tanto para o planeta como para o seu bolso. 

10 MEDIDAS SIMPLES E EFICAZES PARA SALVAR O PLANETA

1

Modere o consumo de água

Esta é uma dica tão antiga quanto simples de colocar em prática. Aliás, se refletir um pouco no quanto está a gastar, vai levar as mãos à cabeça de desespero. Para simplificar, vamos colocar as coisas em números: 

  • Se fechar a torneira enquanto lava os dentes ou se barbeira, pode poupar entre 10 a 30 litros de água;
  • Uma torneira a pingar, pode gastar, num dia, até 30 litros de água;
  • Durante o duche, pode gastar 60 litros de água.

Para mudar estes números, bastam seis medidas são simples:

  • Tome duches rápidos ou feche a água enquanto se ensaboa;
  • Use um copo com água para lavar os dentes;
  • Coloque no depósito do autoclismo uma garrafa cheia para reduzir as descargas;
  • Use as máquinas apenas com a carga completa;
  • Encha a banca para lavar a loiça;
  • Use baldes com água para lavar o carro.
2

Troque as lâmpadas de casa

pessoa a trocar lâmpada por led

É certo que esta medida implica algum investimento, no entanto, ao trocar as lâmpadas incandescentes por LED, vai ter retorno sobre o investimento de duas formas: na sua fatura da eletricidade e na conta do supermercado.

Ou seja, o consumo elétrico e as compras de novas lâmpadas reduzem significativamente os seus gastos. 

Com estas duas poupanças está, também, a economizar recursos, logo, é mais um passo para salvar o planeta. É simples, faça as contas: as lâmpadas de LED duram cerca de 25 vezes mais do que as incandescentes e três vezes mais do que as lâmpadas fluorescentes compactas. 

3

Deixe o carro em casa

Opte pelos transportes públicos, pela bicicleta, por uma caminhada ou pelo carpooling. Ao deixar o carro em casa, nem que seja apenas por dois dias, está a reduzir as suas emissões de CO2 em quase 800 quilos.

O artigo continua após o anúncio

Pode aplicar a mesma regra a outras rotinas diárias ou semanais como, por exemplo, fazer as compras todas na mesma viagem. Com esta mudança simples, não só reduz as emissões de CO2 como poupa recursos fósseis (gasóleo ou gasolina).

4

Recicle tudo

Vá lá, é tão simples! Não vale a pena culpar os outros, seja a administração pública ou a do seu prédio porque não colocaram contentores perto de si. Nos dias que correm, não reciclar é tão grave que não há nada que justifique esta sua falta. A Terra é de todos, por isso, salvar o planeta cabe-lhe a si.

Siga os três “R” da sustentabilidade e poupe recursos apenas cumprindo três palavras: reduza, reutilize, recicle. Não falamos só de papel, vidro e plástico. Reaproveite a carne do almoço para um empadão ao jantar, em vez de deitar um livro ao lixo, doe ou venda-o, bem como a sua televisão antiga. O caixote do lixo deve ser sempre o seu último recurso.

5

Precisa mesmo desse papel?

Tem por hábito imprimir receitas, a fatura da luz, do gás e da televisão, assim como, todo os e-mails do cliente, recibos verdes ou os bilhetes de avião? Nos dias em que vivemos há só uma pergunta que se impõe: porquê?

A maioria dos fornecedores envia as faturas por e-mail ou disponibiliza-as num portal online, tudo o que está online pode ser sempre descarregado para o seu computador ou para uma cloud de modo a que fique acessível em qualquer parte do mundo, as companhias de avião já têm aplicações para que não precise imprimir os bilhetes… enfim, vale a pena continuar?

6

Aposte no autoconsumo

Quer salvar o planeta? Use o melhor que a Terra tem para oferecer: os recursos renováveis. O sol é de todos, use e abuse das suas potencialidades para dias mais eficientes e poupados.

Com isto, torna-se independente da rede pública, reduz a fatura de eletricidade e está um passo mais perto de salvar o planeta.

7

Faça compras amigas do ambiente

mulher no mercado a comprar a granel

Já pensou bem na quantidade de embalagens e de plástico que se “desperdiça” para se comprar coisas tão simples como bolachas, mercearias e outros itens no supermercado?

O artigo continua após o anúncio

Pois bem, este consumo desenfreado certamente não ajuda a salvar o planeta. Mas também sabemos que é uma necessidade incontornável a de comprar coisas para confecionar e consumir. Então, porque não experimentar as compras a granel?

Hoje em dia cada vez mais lojas e superfícies comerciais estão a aderir a esta possibilidade e, além de ser uma solução mais em conta, é tão mais amiga do ambiente. 

No que toca os produtos de beleza e higiene, equacione também utilizar as versões amigas do ambiente e, preferencialmente, sem embalagem associada (ex: champô e sabão sólido). 

8

Prefira sempre eletrodomésticos mais amigos do ambiente

Sabe aquela escadinha de letras que vê em todos os eletrodomésticos e que vai do A ao E? Essa escala tem um significado e no que toca salvar o planeta (e o seu bolso também).

Deve sempre optar por equipamentos que sejam, no mínimo A. Atualmente já existem modelos AA++, o que significam que são o topo de referência de eficiência energética. Mas então, o que quer isto dizer?

Significa que os equipamentos melhor classificados vão consumir muito menos energia e, por conseguinte, fazer com que gaste bem menos ao final do mês e com que o seu funcionamento seja mais eficiente e sem gastar tanto o recurso energético que é a eletricidade. 

9

Tenha atenção ao consumo de roupa

É verdade que todos esperamos e ansiamos por uma boa época de saldos. Mas também é verdade que muitas das empresas de têxteis, para conseguir produzir em massa tantas peças de roupa, nem sempre recorrem a mão de obra legal ou utilizam sequer os tecidos mais ecológicos.

Claro que não dizemos com isto que não pode comprar aquela blusa que o apaixonou; mas não o faça de ânimo leve ou só porque o preço está mais baixo; compre de forma consciente e regrada. 

O artigo continua após o anúncio
10

Produtos de limpeza caseiros

Já alguma vez pensou em fazer os seus próprios produtos de limpeza? Acredite que é bem mais fácil do que imagina. Além de que é uma excelente forma de contribuir para salvar o planeta.

Ao criar os seus próprios produtos vai estar a evitar a utilização de mais embalagens de plástico, a utilização de químicos que podem ser nocivos ao ambiente e está a combater o consumo desenfreado.

E acredite, vai ficar surpreendido quando perceber que a tarefa é bem mais fácil do que imagina e que os ingredientes necessários estão bem à mão de semear.  

Veja também