Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Bárbara do Carmo
Bárbara do Carmo
13 Mai, 2020 - 16:47

Lagos: sol, praia e história para umas férias descansadas no Algarve

Bárbara do Carmo

É uma das mais belas cidades do Algarve. Em Lagos, Portugal encontrou inspiração para descobrir meio mundo. venha também descobrir esta pérola.

escarpas junto ao mar em Lagos

Lagos é uma porta de entrada em Portugal e de saída para o mundo, o local ideal para aproveitar uns dias de descanso em família, enquanto se deleita com o mundialmente conhecido sol algarvio e as delícias gastronómicas da região. Razões para uma visita e uma estadia não vão faltar.

Lagos: Do passado aventureiro ao futuro turístico

Ponta da piedade em Lagos

Lagos é uma cidade algarvia que foi, até 1755 a capital do Algarve, pela importância histórica que tinha na época. Foi o ponto de ligação de Portugal ao mundo durante os séculos XV e XVI, o porto de partida das caravelas do Infante D. Henrique, que aqui iniciou a epopeia dos Descobrimentos portugueses.

Também foi do porto de Lagos que partiu Gil Eanes, o navegador que provou que o mundo não acabava no Cabo Bojador. E ainda, foi deste pedaço de terra que partiu, para não mais voltar, o Rei D. Sebastião, cuja devida homenagem se ergue em estátua na Praça Gil Eanes. 

Esta íntima ligação ao passado glorioso português é o ponto de partida para uma visita à cidade. Monumentos como o Castelo dos Governadores, mandado construir por D. Afonso IV, alberga a famosa Janela Manuelina, onde, reza a lenda, D. Sebastião terá assistido à sua última missa antes de partir para Alcácer Quibir.

Ainda a remeter-nos para o passado, as Muralhas da Cidade e o Forte da Ponta da Bandeira, que em tempos protegiam a cidade de invasores e hoje oferecem uma panorâmica incrível sob o oceano.

Réplica de caravela

Pela sua importância como entreposto para as viagens longas no mar, Lagos foi palco para o primeiro mercado de escravos na Europa, transformado hoje num espaço cultural com exposições e venda de artesanato. 

Ao longo da Avenida dos Descobrimentos e indo de encontro ao mar, lá havemos de encontrar na Marina de Lagos, uma réplica da Caravela boa Esperança (desde 2001), numa ode ao passado marítimo português. As visitas devem ser marcadas previamente

as incríveis praias de lagos

Praias de Lagos

Não é só de passado que vive esta cidade. Na verdade, Lagos pulsa vida e projeta modernidade nas suas ruas ladeadas de casinhas brancas. A arte urbana mistura-se entre os marcos do passado, dando frescura e leveza à cidade. O projeto ARTURb é responsável desde 2011 por várias intervenções artísticas na cidade que lhe trouxeram cor e movimento. 

Lagos é também sinónimo de praias, 15 quilómetros de praias incríveis, que lhe dão a alcunha de costa d’oiro, pelas suas longas arribas de tons dourados. 

A Meia Praia ou a Praia Porto de Mós São conhecidas pelo seu extenso areal, de perder de vista, enquanto que as praias D. Ana e Camilo, são mais ‘acolhedoras’ com águas cristalinas e grutas secretas fazem as delícias de muitos visitantes. 

Lagos é um destino para a família, para além das praias majestosas, as belezas naturais da cidade estendem-se a luxuriosas e verdejantes paisagens naturais. Para os amantes de natureza, a não perder umas longas caminhadas longe da confusão da urbe, pela Mata Nacional de Barão de São João.

A Via Algarvia (grande rota pedestre que liga Alcoutim ao Cabo de São Vicente – cerca de 300 quilómetros) tem alguns percursos interessantes na zona de Lagos, como o Setor 12  que liga Monchique/Marmelete a Bensafrim e Setor 13 de Bensafrim a Vila do Bispo, ou o percurso ‘Pedra do Galo’. 

Peixe e mariscos únicos

Praia, natureza, história tudo numa só cidade aliado a uma gastronomia única capaz de deixar qualquer um de água na boca. O peixe e o marisco são a imagem de marca da região, e refeições de pescado fresco a um preço justo não vão falar. A não perder em Lagos, as típicas amêijoas à «bulhão pato», perceves, ou lascas de ovas secas.

Ainda arroz de polvo ou de lingueirão são iguarias imperdíveis a par do xerém, também conhecido por papas de milho. Na doçaria, o Dom Rodrigo num embrulho colorido de fios de ovos e amêndoas ou os bolinhos de massa de amêndoa recheados com ovos moles nas mais diversas formas de frutas são a cereja no topo do bolo de um verdadeiro manjar algarvio. 

À beira-mar plantado Lagos é paragem obrigatória para quem quer descansar ao sol e ao sabor do Algarve. Atividades ao ar livre para pequenos e graúdos não vão faltar, nesta cidade com sotaque algarvio. 

Grutas de Benagil no Algarve
Não perca Três grutas portuguesas entre as mais bonitas do mundo

Como chegar a Lagos?

A A2 – Autoestrada do Sul – é a porta de entrada para quem vem do norte, ou a IC1 se quiser evitar portagens. Para quem já está por estas bandas, deve apanhar a A22 ou a EN125

Onde ficar?

Opções de alojamento não faltam, para todos os bolsos. Para os amantes de golfe o Boavista Golf & Spa é uma excelente opção. O Vila Galé Lagos, aos pés da Meia Praia é também uma excelente opção. 

Onde comer?

Locais para comer bem não vão faltar, desde restaurantes de rua a restaurantes mais sofisticados.

Veja também