Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Helena Peixoto
Helena Peixoto
22 Nov, 2019 - 16:12

Lavar peças de caxemira: o guia que tanto procurava

Helena Peixoto

A partir de agora já não vai fugir destas camisolas no inverno. Aprenda a lavar peças de caxemira e fique bem quentinho sem roupas arruinadas!

Lavar peças de caxemira

Com a chegada do frio, poucas roupas são tão quentinhas e confortáveis quanto as de caxemira, para além de serem peças bastante requintadas e que transformam qualquer look. Mas então, como lavar peças de caxemira sem as danificar? Nós vamos contar-lhe tudo!

Antes de mais: o que é exatamente isto da caxemira? Na verdade trata-se de um tipo de lã, mas ainda mais delicado do que a lã mais standard! Considerado um material luxuoso e muito agradável de usar (a caxemira não pica como muitas camisolas quentinhas), a caxemira possui qualidades muito boas de estética e utilidade.

No entanto, tal como com qualquer outro tipo de têxtil natural, são necessários cuidados apropriados e adicionais, sob pena de danificar a peça para sempre!

Com que regularidade deve lavar peças de caxemira?

Ao contrário do que pode pensar, dado o tipo de tecido, a frequência com que deve lavar peças de caxemira é bastante regular. Em média, por cada duas a três vezes que use, deve lavar.

Na verdade, existem até algumas peças de caxemira que ficam melhores depois de algumas lavagens (desde que cumpridas as indicações de lavagem desse tipo de peça, claro está).

Assim, ao contrário das calças de ganga, que são peças que aguentam bastante tempo sem serem lavadas, as peças de caxemira podem (e devem) ser lavadas com frequência.

As melhores dicas para lavar a sua roupa de caxemira sem falhas

roupa lavada

Como lavar peças de caxemira, à mão ou à máquina? A temperaturas quentes ou frias? Com um ciclo de lavagem mais ou menos intenso? Vamos dar-lhe todas as respostas a estas perguntas para que não sobrem mais dúvidas.

Na máquina

Sim, estas peças também podem ser lavadas à máquina! Logo que cumpra as recomendações de lavagem que estão na etiqueta da própria peça e que cumpra as indicações gerais de como lidar com estes tecidos.

Vamos então ao passo a passo:

A questão mais importante na hora de lavar peças de caxemira na máquina de lavar está relacionada com a temperatura que programa. De facto, este tipo de lã natural não suporta lavagens a temperaturas superiores a 20°.

Assim, ao colocar estas peças na máquina, prefira sempre um ciclo de lavagem a frio ou, no caso da sua máquina possuir, escolha um programa frio específico para lãs. O que vai acontecer é que os movimentos mais suaves da máquina vão respeitar as fibras quando lavar as suas peças.

Além disso, prefira lavar estas peças com outras do mesmo tipo, ou pelo menos semelhantes. Evite ao máximo misturá-la com outros sintéticos pois as necessidades de lavagem são totalmente diferentes.

Em termos de detergentes, opte por um de referência no mercado e especificamente destinado a roupas delicadas e lãs.

À mão

No caso de ter receio de colocar as peças na máquina ou mesmo se preferir fazer a lavagem à mão, também é possível e bem mais simples do que possa imaginar.

Em primeiro lugar, certifique-se que os produtos de lavagem que escolhe são indicados não só para lavagens à mão mas também para este tipo de peças e têxteis.

Comece agora então o processo: esfregue suavemente a peça de roupa durante a lavagem para não danificar as fibras e utilize água tépida para o fazer. Depois de aplicar o detergente e de a esfregar, garanta que todos os vestígios de detergente são realmente eliminados das peças.

Se precisar de uma ajudinha extra no enxaguamento, pode colocar algumas gotas de vinagre branco na água; isto vai ajudá-lo a remover qualquer resíduo de detergente.

Colocar peças de caxemira a secar

Muito bem, agora já sabe o passo a passo para lavar peças de caxemira à máquina e também à mão. Mas então e depois, o que fazer?

A fase da secagem não deve também ser desvalorizada, dado que nesta etapa a sua peça pode também sair fragilizada ou danificada.

Evite ao máximo que a máquina de lavar faça a centrifugação e, no caso de estar a lavar à mão, nunca torça roupa de caxemira.

Deixe-a secar ao ar livre, preferencialmente numa zona com iluminação natural mas sem exposição solar direta. Se conseguir colocar as peças sem serem penduradas mas antes deitadas num suporte que permita que as peças fiquem colocadas sem vincos e rugas, tanto melhor.

Engomar peças de caxemira: sim ou não?

Neste tópico a resposta é claríssima: evite ao máximo este processo. No caso de verificar que a peça precisa mesmo de ser engomada, faça-o com o ferro no mínimo, sem vapor, com um pano entre o ferro e a peça e com todas as peças do avesso.

Para não ter nenhum susto, teste sempre este último passo numa zona pequena e escondida e só depois então se deve aventurar para a restante área.

Veja também