ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Teresa Campos
Teresa Campos
28 Fev, 2022 - 12:57

Maus hábitos do teletrabalho afetam a saúde: conheça-os!

Teresa Campos

Há maus hábitos de teletrabalho que afetam a saúde. Má postura e insónias são alguns exemplos. Perceba melhor!

mulher ao computador com mãos na cara de cansaço

Desde que a pandemia de covid-19 começou que o teletrabalho tornou-se mais comum, trazendo com ele aspetos positivos, mas também negativos. Há maus hábitos do teletrabalho que afetam a saúde e que devem ser evitados de modo a prevenir doenças e outras complicações.

Tome nota de alguns desses hábitos que prejudicam o corpo e a saúde mental.

Maus hábitos do teletrabalho afetam a saúde: evite-os

Se está em teletrabalho, saiba que há maus hábitos que deve evitar para bem do seu corpo e da sua saúde. Crie um plano de trabalho rigoroso, com horas de trabalho e horas de descanso, bem como momentos de pausa, em que pode aproveitar para caminhar, tomar um café ou sair um pouco até à rua.

Tome nota de algumas consequências dos maus hábitos do teletrabalho que afetam a saúde e saiba aquilo que deve evitar.

Comer mal

O teletrabalho pode aumentar os níveis de stress e de ansiedade vividos pelos trabalhadores, os quais podem ter como consequência uma acentuada queda de cabelo, por exemplo.

O stress faz com que o corpo liberte substâncias inflamatórias e hormonais que fazem com que os fios de cabelo caiam em maior quantidade.

Para evitar este problema, evite o stress e a ansiedade, cuide do couro cabeludo e tenha uma dieta equilibrada.

trabalhadora em casa a alongar e seguir princípios de ergonomia

Má postura corporal

A má postura corporal é outro mau hábito recorrente em quem está em teletrabalho e que tem como principal consequência dores nas costas.

Portanto, é essencial que tenha em casa mobiliário de escritório ergonómico, de modo a garantir que mantém uma boa postura corporal, sobretudo se permanecer muitas horas sentado.

Assim, conseguirá prevenir dores, desconforto e lesões corporais. É também recomendável que se levante por uns minutos, para caminhar.

Falta de espaço e horários bem definidos

Estando em casa, é mais difícil manter o foco e a concentração pois, afinal, aquele não é só o seu local de trabalho, mas também o espaço onde dorme, faz as suas refeições e vive momentos de lazer e de convívio. O resultado é que a saúde mental faz as suas queixas.

Porém, é importante reunir todas as condições para evitar distrações, caso contrário não conseguirá ser tão produtivo e não conseguirá cumprir com todas as suas tarefas.

trabalhadora a exibir sinais de dificuldades do teletrabalho
Veja também Dificuldades do teletrabalho: saiba como as contornar

Rotinas desreguladas

Fruto do stress e da ansiedade de que já falámos e também da maior dificuldade em gerir o tempo de trabalho vs o tempo de lazer, os problemas de sono são cada vez mais recorrentes nos indivíduos que estão em teletrabalho.

Exemplo destes mesmos problemas são as insónias. Por isso, recomenda-se que quem esteja  em teletrabalho seja capaz de estipular e cumprir um horário, reservando horas para descansar e para dormir.

Tensão fruto do “isolamento”

Mais uma vez, o stress e a ansiedade que o teletrabalho pode gerar favorece problemas de saúde como o bruxismo. O ranger incontrolável dos dentes pode ter várias consequências para a saúde, como é o caso do desgaste acelerado dos dentes e os problemas de saúde óssea.

Portanto, se se encontra em teletrabalho, tenha em atenção estes maus hábitos do teletrabalho que afetam saúde e procure evitá-los, de modo a sentir-se bem, a ser produtivo, sem pôr em causa a sua qualidade de vida.

Veja também