Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luísa Santos
Luísa Santos
14 Jan, 2019 - 18:12

5 motivos para não instalar software pirata

Luísa Santos

Software pirata é, por definição, algo que encontra na Internet e que não é legal. É, na sua grande parte, gratuito e por isso muito procurado.

5 motivos para não instalar software pirata

Seja em que área for, sabemos que é comum o download de software pirata de modo a evitar o gasto de quantias avultadas em softwares oficiais. No entanto, aquilo que pode parecer uma vantagem inicialmente, pode tornar-se num grande problema que terá de solucionar mais cedo do que imagina.

5 boas razões para não instalar software pirata

mulher a usar computador

1. Fica (ainda mais) exposto a vírus

Vírus ou outro tipo de malwares, digamos. A verdade é que, ao instalar um software pirata, seja ele referente a que área for, nunca sabe, com certeza, o que está a descarregar – nem de onde. Este tipo de ficheiros está disponível nas mais variadas plataformas e não é propriamente seguro de instalar.

Por outras palavras, e para que lhe possamos explicar melhor este motivo, digamos que muitos desses softwares que instala (ou quer instalar) vêm, na maior parte das vezes, infetados com vírus ou outro tipo de malwares. Ao descarregá-los e, posteriormente, instalá-los, não sabe qual a origem dos mesmos.

A verdade é que isso está mais do que confirmado. A maior parte dos software pirata são propositadamente infetados através de código, por exemplo, para que o seu computador passe a ser controlado por terceiros – neste caso, o produtor daquele ficheiro.

Na maioria das vezes, podem apropriar-se totalmente do seu computador (podendo, em alguns casos, pedir um resgate para o “voltar a ter”), controlar a sua webcam ou alguns ficheiros e programas. Toda a sua informação pode ficar exposta, incluindo palavras-passe, informações financeiras, dados pessoais, entre outras. Por isso, é de evitar ao máximo este tipo de downloads.

2. O software pirata pode deixar de funcionar

São muitas as vezes em que isto acontece e pode, inclusive, passar por diversas fases. Num primeiro momento, depois de instalar o software, pode aperceber-se de que esse não se adequa ao seu computador e não funciona no mesmo.

Pode também acontecer que esse programa seja só uma espécie de trial e que, a certa altura, lhe peça uma autenticação oficial, sem a qual não consegue trabalhar mais. Normalmente, este tipo de situações acontece quando realmente precisa do programa.

De forma a manter o seu computador em segurança, os seus dados e até mesmo o seu próprio trabalho, o melhor é sempre optar por programas oficiais para que nada fique comprometido.

3. É ilegal

Pode ser a terceira razão desta lista, mas é, simultaneamente, um dos principais motivos pelos quais não deve instalar programas pirata. Na verdade, está a cometer uma ilegalidade cujas repercussões podem variar de país para país e de região para região.

É ilegal fazer o download desse tipo de softwares, que são encontrados e instalados sem precisar de os comprar (numa loja física ou online). Na verdade, hoje em dia é muito fácil detetar onde esses downloads são feitos, e tudo o que é preciso é uma ligação à Internet.

O que queremos explicar é que tudo o que é preciso é aceder ao seu endereço IP para saber o que tem feito na Internet – sim, tão simples quanto isso. Aliás, é precisamente através desse método que muitos sites pirata foram já fechados. Dependendo das localidades, pode ter de pagar elevadas multas ou até mesmo ser preso.

4. Não pode fazer updates

Hoje em dia, um programa pode ser lançado de forma finalizada, mas nunca está, totalmente, completo na ótica do programador. Pelo caminho, também é normal surgirem alguns problemas e bugs com alguns utilizadores, que têm de ser resolvidos o mais rapidamente possível.

Por isso, é frequente serem lançados updates que vêm corrigir esses erros e melhorar outras situações. Claro que qualquer utilizador que tenha comprado o programa em questão terá acesso rápido e fácil a essas atualizações, mas o mesmo acontece a quem obteve esses softwares através de downloads pirata.

Na grande maioria dos casos, é impossível atualizar um programa pirata com este tipo de updates.

5. Está a impedir que as empresas lucrem e os trabalhadores também

Em muitos casos, alguns trabalhadores acabam despedidos porque as empresas deixam de lucrar dia após dia. Podemos falar de entidades que produzem software de programação ou até mesmo de cantores, produtores ou atores que vão perdendo dinheiro à medida que músicas ou filmes são descarregados ilegalmente da Internet.

Se as empresas deixam de lucrar, por consequência os seus trabalhadores deixam de ganhar o mesmo e alguns acabam dispensados, muitas vezes com dificuldades em encontrar um emprego semelhante num outro local – visto que todos sofrem com o mesmo “mal”.

Esta é uma prática que não é de todo aconselhável, por isso opte por outros caminhos. Ou compra o software de que precisa ou utiliza as versões gratuitas (limitadas em termos de tempo, mas oficiais) – ou, em último caso, opta por programas semelhantes e que são mais baratos ou até mesmo gratuitos.

Veja também