Helena Peixoto
Helena Peixoto
05 Abr, 2019 - 04:01
Móveis de casa de banho: saiba como escolher

Móveis de casa de banho: saiba como escolher

Helena Peixoto

Disponíveis em vários estilos e materiais, há coisas que deve ter em conta no momento de escolher os móveis de casa de banho. Descubra quais.

O artigo continua após o anúncio

Hoje em dia não é difícil encontrar opções de móveis de casa de banho de design bonito, seja contemporâneo ou mais clássico, a um preço acessível. E há várias formas de tornar a sua casa de banho num reino de classe e charme.

Saiba como transformar este local num verdadeiro santuário de relaxamento, com tudo organizado, no seu lugar, e com materiais que vão durar mesmo em contacto com a humidade.

7 coisas a ter em conta na escolha dos móveis de casa de banho

1. Escolher bem os materiais

Uma das questões essenciais para evitar a frustração e decepção com os seus móveis de casa de banho passa por uma escolha informada e acertada dos materiais. Estes móveis estão em constante contacto com água, pelo que convém que tenham alguma resistência. As opções mais comuns são:

  • Madeira maciça – com alta resistência ao choque, mas mais vulnerável à humidade. Em termos estéticos, este material um proporciona um ambiente mais aconchegante;
  • Aglomerado – este material é menos resistente do que a madeira maciça e exige sempre um revestimento como forma de proteção. Por norma são mais baratos mas também menos duradouros;
  • MDF – semelhante ao aglomerado, consiste num painel de fibras de madeira de média densidade, depois aglutinadas com resinas sintéticas por prensagem. Necessita igualmente de um revestimento impermeável e é menos duradouro do que materiais maciços.

Quanto aos acabamentos mais comuns para os móveis de casa de banho, geralmente opta-se por lacados, que aumentam visualmente o espaço graças aos seus atributos de alto brilho, mas são muito exigentes a nível de limpeza. Outra opção é lâmina e folheado, que consistem em painéis de melamina ou aglomerado recobertos por uma lâmina de madeira de cerca de 0,6mm de espessura.

2. Garantir a mínima qualidade

Não se esqueça que estamos a falar de artigos que devem durar bastantes anos.

Escolher artigos de preços mais baixos, sem antes tentar averiguar a sua qualidade, é algo que pode trazer grandes dores de cabeça no futuro. Por isso invista um pouco mais nos móveis de casa de banho de modo a garantir uma qualidade e resistência superiores.

3. Apostar na organização interior

 

A organização interior é meio caminho para ter móveis de casa de banho imaculados e sempre organizados.

Hoje há já alguns modelos que vêm com sistemas de arrumação integrados, como gavetas com extração total para um melhor acesso, onde tudo fica à vista e à mão.

O artigo continua após o anúncio

No caso de não vir incluído, existem também mil e uma opções de organizadores, cestos, potes e outros itens para que tudo fique no seu lugar.

4. Verificar as indicações de limpeza

Se quer que os seus móveis de casa de banho se mantenham em boas condições durante muito tempo, informe-se sempre sobre as corretas indicações de limpeza e higienização.

Se nas instruções for desaconselhada a utilização de produtos químicos, não o faça mesmo, pois pode danificar o artigo.

5. Conhecer os diferentes tipos de móveis de casa de banho

São várias as opções de móveis de casa de banho que pode escolher. Tudo depende dos seus gostos e mesmo do tipo de casa de banho, nomeadamente das dimensões e estilo.

Conheça os mais comuns:

  • Com pés – o que permite uma limpeza mais fácil por baixo do móveis, além de ficar com um espacinho para arrumar a balança ou o tapete de banho, por exemplo;
  • Com rodapé – semelhantes aos anteriores, com a diferença de ter um rodapé a “tapar” a zona inferior, evitando a acumulação de sujidade. Oferecem um melhor acabamento.
  • Suspensos – estes móveis de casa de banho são fixados à parede, o que liberta visualmente o espaço e facilita a limpeza por baixo dos móveis. Exigem muito cuidado na aplicação e uma parede sólida e resistente onde possam ser fixados de forma segura. Têm um estilo mais contemporâneo.

6. Não prescindir de garantia

Se há coisa de que não deve prescindir nos móveis de casa de banho é a garantia.

Dois anos, pelo menos, deve ser um dos critérios para escolher o móvel. Note-se que, mesmo assim, a garantia normalmente não cobre uma utilização inadequada dos artigos.

7. Escolher o estilo que mais gostar

 

Essencialmente, tudo se resume ao seu gosto próprio e ao que espera em termos decorativos, seja um estilo mais clássico, mais contemporâneo, mais colorido ou mais discreto.

O artigo continua após o anúncio

O nosso conselho para que escolha os móveis de casa de banho certos é que pesquise muito antes de efetuar a compra propriamente dita. Durante o processo, procure ver o móvel exposto numa área com dimensões semelhantes às da sua casa de banho. Só assim conseguirá perceber se esse móvel em específico funciona bem em sua casa.

Não se esqueça: qualidade nos móveis da casa de banho é essencial! Sempre que possível, visite as lojas, veja e experimente os móveis no local. Abra e feche gavetas e portas, analise as dobradiças e a forma como os acabamentos são colados.

Veja também
Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp