Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Helena Peixoto
Helena Peixoto
26 Jun, 2020 - 11:23

Como tornar a sua casa menos tóxica em 7 passos

Helena Peixoto

Não imagina a quantidade de bactérias que andam no ar do seu lar. Fique a conhecer alguns passos para uma casa menos tóxica e mais saudável.

balde com itens de limpeza para tornar a casa menos tóxica

Sabia que dentro do seu lar, mesmo tendo os habituais cuidados de limpeza e higiene, há comportamentos que pode adotar para tornar a sua casa menos tóxica?

Sem saber, no lar podem habitar e circular milhões de bactérias e partículas nocivas à saúde. Por vezes nem imaginamos por que é que surge esta ou aquela doença, dado que os motivos se encontram escondidos e são invisíveis.

É claro que não é possível termos um espaço totalmente à prova de bala (ou de bactérias), mas existem alguns passos que podemos dar no sentido de tornar a nossa casa menos tóxica. Descubra quais são.

7 formas de tornar a casa menos tóxica

mulher preparada para limpar sala
1

Arejar a casa

Se há uma coisa simples e eficaz para tornar o ar interior mais saudável é mesmo a questão de ganhar o hábito de arejar diariamente a casa. E não, não o deve fazer apenas nos dias de calor e de sol.

São vários os motivos que contribuem para um ambiente poluído e sujo dentro de casa se não abrir as portas e janelas para deixar o ar correr. O uso de produtos de limpeza, produtos de cozinha, velas e materiais de construção são alguns deles.

Já para não falar na humidade que se acumula nos dias mais frios em que ligamos o aquecimento e se dá uma grande condensação de água.

Abra as janelas sempre que possível, mas sobretudo quando está a utilizar produtos de limpeza, quando cozinhar ou estiver a tomar banho. Além disso, deve também evitar o uso abusivo de velas ou incenso em salas pequenas e sem circulação de ar.

2

Escolher as tintas certas

Sabia que tal como a tinta liberta produtos químicos nocivos para a saúde durante a sua aplicação, também as paredes recém-pintadas podem continuar a poluir durante algum tempo mesmo depois de estarem secas?

Claro que não estamos a dizer que deve esquecer a tinta em sua casa, até porque todos gostamos de ter um espaço arranjado e com paredes bonitas.

Mas uma forma de tornar a sua casa menos tóxica é utilizando tinta etiquetada como “ecofriendly” ou com componentes “naturais”, pois estes produtos têm baixos níveis de compostos orgânicos voláteis (VOC). Tente verificar a composição das tintas e prefira as mais amigas do ambiente.

3

Utilizar produtos de limpeza ecológicos

A sustentabilidade e o ambiente são, atualmente, uma preocupação constante e com cada vez maior atenção por parte da sociedade. Podemos (e devemos) adotar comportamentos e hábitos sustentáveis em todas as áreas das nossas vidas e a casa não é exceção.

Existem muitos produtos de limpeza ecológicos que não apenas não libertam químicos e são mais amigos do ambiente, como também são mais benéficos para a nossa saúde, sendo alguns, por exemplo, anti-alérgicos.

Assim, estaremos a contribuir para uma casa menos tóxica e, consequentemente, um ambiente melhor para a nossa saúde.

4

Reduzir o plástico

Todos sabemos e conhecemos os terríveis efeitos do consumo excessivo do plástico. O bisfenol A (chamado BPA) encontra-se em muitos produtos de plástico e pode ser ingerido ou absorvido através do contacto com a pele, o que pode ser nocivo para a nossa saúde.

95% dos adultos têm vestígios de BPA no seu corpo pela exposição contínua a esta substância química. Prefira por isso recipientes de vidro ou pelo menos aqueles que garantem que são livres deste componente.

5

Fazer a verdadeira caça ao pó

Foi realizado recentemente um estudo nos Estados Unidos que identificou 45 diferentes produtos químicos tóxicos presentes no habitual “pó” que temos em casa. Sim, aquele pó em cima da mobília que tantas vezes acabamos por adiar de limpar. Pois bem, se quer que a sua casa seja menos tóxica, ataque o pó mal o veja.

O pó de ambientes interiores é composto por produtos químicos diversos e acumula vários componentes nada saudáveis para os habitantes de uma casa. Os passos mais simples e eficazes para conseguir reduzir a exposição incluem:

  • Lavar as mãos com água e sabão de forma recorrente, mantendo o pó doméstico ao mínimo;
  • Limpar o pó com um pano húmido e utilizar um aspirador com filtro de ar particulado de alta eficiência (Hepa).

Tenha em atenção que o pó acumulado pode ainda transformar-se em humidade e mofo e, consequentemente, afetar o seu sistema imunológico, bem como aumentar a probabilidade de problemas respiratórios.

6

Tirar os sapatos

Este hábito asiático pode ser algo a adotar em sua casa como forma de torná-la num espaço mais saudável. Até porque, mesmo quando os sapatos estão aparentemente limpos, eles continuam a possuir uma elevada quantidade de bactérias e impurezas.

Retirar os sapatos antes de entrar em casa, além de evitar que as bactérias cheguem às áreas úteis da habitação vai torná-la bem mais fácil de manter e limpar.

7

Incentivar hábitos de limpeza

Por fim, uma dica geral mas não menos importante: não adianta implementar todas estas dicas e sugestões para tornar a sua casa menos tóxica se estiver sozinho(a) nesta cruzada.

Vai ser essencial que incentive todos estes hábitos em todos os habitantes da casa, dos mais novos aos mais velhos. Pelo bem da saúde de todos.

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].