ebook
           
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Patrocinado por Escola Virtual - Grupo Porto Editora
Constança Moreira
Constança Moreira
11 Jul, 2022 - 11:46

Pateira de Fermentelos: paraíso escondido para os lados de Águeda

Constança Moreira

A Pateira de Fermentelos é o maior lago natural da Península Ibérica. Venha conhecer um mundo de sonho, em comunhão com a natureza.

Pôr do sol na Pateira de Fermentelos

A Pateira de Fermentelos, em Águeda, é a maior lagoa natural da Península Ibérica, com uma fauna e flora imensa. Um local a não perder e que pode ser visitado em qualquer altura do ano.

Começou por formar-se no fim do século XV, em consequência do alagamento dos campos ribeirinhos e das constantes inundações dos rios Águeda e Cértima.

Atualmente, a Pateira de Fermentelos, é a maior lagoa natural da Península Ibérica, com mais de 5 quilómetros quadrados, tocando os concelhos de Águeda, Aveiro e Oliveira do Bairro.

A ESSÊNCIA DA PATEIRA DE FERMENTELOS

Deste encontro perfeito com natureza, nasceram áreas onde habitam espécies raras de animais selvagens e aquáticos, bem como uma flora riquíssima, com nenúfares a cobrirem cada cantinho da lagoa.

A palavra “Pateira” surgiu por ser um local para criação e abrigo de patos, mas que acabou por evoluir ao tornar-se parte integrante da Rede Natura 2000 – uma rede de áreas destinadas à observação e conservação de animais selvagens raros na União Europeia, em estado débil, e respetivos habitats.

Sendo uma zona rica em fauna, com a passagem de aproximadamente 58 espécies, poderá encontrar por lá, desde aves como o milhafre preto, águias, maçaricos, pato real, pica-peixes, galinha-d’água, cegonhas, garças e rabilas, até espécies aquáticas, como toupeiras de água, rãs ibéricas, lontras, sável, lagostins, entre muitos outros.

Como tal, deixe-se apaixonar pelos parques e recantos mais bonitos desta pequena maravilha da Região Centro.

Passadiço na Pateira de Fermentelos

O que ver na Pateira e na envolvente

Pateira de Fermentelos é sinónimo de natureza no seu estado mais puro. Proporciona um verdadeiro encontro entre diversas espécies, num meio único e envolvente. São vários os recantos na Lagoa que criam todas as condições para fugir à rotina e passar um dia em sintonia com a natureza.

O Parque de Merendas de Espinhel e o Parque Óis da Ribeira têm à disposição, entre os seus belíssimos espaços verdes, mesas, bancos e assadores para poder desfrutar de um completo dia em família. No Parque de Requeixo, não só poderá fazer uma pausa para reconfortar o estômago, como também observar, através de um miradouro em madeira, a encantadora paisagem da Lagoa, coberta de nenúfares. No Parque Bico, a vista é bastante semelhante.

Muito próximo a este parque, fica o Cepo Mouro, uma área destinada à observação de aves, com uma das vistas mais bonitas sobre a Pateira.

E se procura sempre pelo melhor spot para tirar uma fotografia, poderá fazê-lo na Pateira do Carregal. Irá encontrar um baloiço de madeira, com vista sobre um quase infinito campo de nenúfares. Existe também outro baloiço, igualmente bonito: o Baloiço I Love Pateira, situado na Pateira de Óis da Ribeira.

Aventura com vistas sobre a Lagoa

Não só de beleza paisagística e diversidade animal se faz Pateira de Fermentelos. Existem variadas atividades ao dispor de quem passa pela Lagoa e quer apreciar, de uma forma diferente, o melhor que a mesma pode proporcionar.

Com caraterísticas de relevo suave e plano, a Pateira dispõe de dois percursos pedestres, ambos com dificuldade baixa/média e com distâncias bastante idênticas. Encontram-se abertos durante todo o ano.

O Trilho da Pateira ao Águeda (PR1) inicia-se no Parque de Lazer da Pateira, em Óis da Ribeira ou Espinhel. São 14 quilómetros (4 deles opcionais), entre paisagens únicas e grande diversidade cultural e ambiental, com uma duração aproximada de 4 horas. Pelo caminho encontrará caminhos florestais, assim como belíssimos salgueiros e caniços, ao chegar às margens da Lagoa.

Com partida no Largo da Pateira (junto ao Hotel Estalagem da Pateira), o Trilho dos Poços (PR7) é um percurso pedestre voltado para a importância cultural, sem nunca esquecer a sua envolvência com o ambiente paisagístico e hidrogeológico. No seu total são 11 quilómetros e poderá ter uma duração entre 3 a 4 horas.

A pesca desportiva é algo muito comum na Pateira de Fermentelos e que atrai cada vez mais turistas. Como resultado das excelentes condições biofísicas da Lagoa, é possível encontrar uma vasta diversidade de peixes, como a carpa, tainha, enguia e lagostim de água doce.

Poderá ainda usufruir de outro tipo de atividades, tais como canoagem, vela e stand up paddle.

Fermentelos

OPÇÕES PARA PERNOITAR

A beleza da Pateira de Fermentelos é realmente única e imperdível de ser apreciada, desde o nascer até ao pôr do sol. Existem algumas opções para poder descansar numa passagem por Fermentelos e a preços convidativos. Confira as nossas sugestões.

O Hotel Estalagem da Pateira é, de todas as opções, o que possui as vistas mais privilegiadas sobre a natureza da Pateira. Fica situado na margem da Lagoa e, para além dos serviços de alojamento, restaurante e cafetaria, dispõe de piscina interior e exterior, sauna, jardins privados e variadas atividades, como passeio de caiaque pela Lagoa Adormecida (com um custo adicional).

Ainda na freguesia de Fermentelos, a 3 minutos da Lagoa, encontra-se o HMB Fermentelos Hotels. Todas as áreas foram recentemente renovadas, o restaurante dispõe de serviço de buffet e o terraço tem uma vista panorâmica lindíssima sobre a Pateira de Fermentelos. Dependendo da época, os preços vão desde os 67 aos 172 euros por noite, para duas pessoas.

Embora um pouco mais distante, a cerca de 10 minutos da Pateira, a Quinta do Louredo (4*) é também uma excelente opção. Fica localizada no topo de uma colina em Espinhel e possui 20 hectares, entre eles de lagos e jardins, com paisagens fascinantes. Poderá ainda usufruir da piscina exterior, do campo de futebol e dos terraços com vistas panorâmicas sobre o vale do Rio Cértima. Uma reserva nesta Quinta para duas pessoas ronda os 82 euros e para uma pessoa os 65, ambos com regime de pequeno-almoço.

COMO CHEGAR?

Ao rumar de carro, partindo do Norte ou Sul do país, terá de percorrer a A1 até Aveiro. Posteriormente, seguir pela saída 15, em direção à N235 (Aveiro). Continue na N235 e, 6 quilómetros depois, chegará ao destino.

Veja também