Margarida Ferreira
Margarida Ferreira
08 Ago, 2014 - 08:30
Pessoas mais velhas ainda têm emprego

Pessoas mais velhas ainda têm emprego

Margarida Ferreira

Já é de conhecimento geral que a taxa de desemprego tem vindo a diminuir e o ano de 2014 tem sido marcado por um aumento exponenecial do emprego. A boa surpresa é que grande parte dos empregos têm absorvido pessoas mais velhas.

O artigo continua após o anúncio
Numa altura em que a grande preocupação do Executivo de Passos Coelho tem sido apostar nos incentivos junto das empresas para a contratação de jovens, sabe-se em notícia que afinal os últimos postos de trabalhos criados têm empregado muitas pessoas acima dos 45 anos.

Criação de emprego a crescer

Só no segundo trimestre de 2014, registou-se a maior criação emprego dos últimos 14 anos. Segundo dados avançados, desde 1998 que não se verificava um aumento tão grande de postos de trabalho. No segundo trimestre, e tendo como fonte o Instituto Nacional de Estatística, foram criados mais 87,7 mil postos face ao primeiro trimestre de 2014. “Esta foi a maior variação em cadeia desde que começaram a ser publicados os números trimestrais do emprego, em 1998. O segmento de trabalhadores com mais de 45 anos foi o que mais cresceu”, pode ler-se em notícia avançada hoje pelo Jornal de Negócios.

Emprego para pessoas com mais de 45 anos também

Nos últimos anos é sabido que a dificuldade em encontrar um emprego é muita e transversal a todas as áreas, mas as pessoas mais velhas têm tido mais dificuldade em ficar no mercado de trabalho, depois de desempregadas. Em notícia, pode ler-se ainda que “ao explorar melhor a divisão por faixas etárias, observa-se que dos 87,7 mil novos postos de trabalho criados face ao trimestre anterior, 50,2 mil foram ocupados por pessoas com mais de 45 anos (57%). Pelo menos desde 2010 que não há tantos trabalhadores por conta de outrem nesse segmento etário. Os únicos a sofrerem variações negativas foram os jovens (-2,2%)”.

Veja também:
Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp