Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Marta Maia
Marta Maia
02 Jan, 2019 - 12:03

10 dicas para poupar no aquecimento durante o inverno

Marta Maia

Para viver um inverno com conforto e sem passar frio, há estratégias que pode pôr em prática e que lhe permitem poupar no aquecimento. Conheça algumas.

como poupar no aquecimento

Com o inverno já plenamente instalado, grande parte dos portugueses sofre de um mal crónico: casas com qualidade de construção menos boa que não estão preparadas para temperaturas rigorosas e acabam por se tornar desconfortáveis.

A questão parece fácil de resolver (basta comprar uns aquecedores), mas o problema é que os portugueses têm mais frio do que dinheiro para pagar pela climatização. Foi exatamente a pensar nisso que reunimos um conjunto de dicas para poupar no aquecimento, que lhe vão permitir manter a casa quente durante o inverno sem pôr em causa o orçamento familiar.

Poupar no aquecimento durante o inverno: 10 dicas

mulher bebe chá no inverno

1. Tire partido da luz natural

Aproveitar a luz do sol mesmo nos dias nublados, é uma excelente forma de economizar na climatização da casa. Os ambientes iluminados podem ficar mais quentes e ainda ajudam a poupar no uso da iluminação elétrica.

2. Areje a casa

Se possível areje as divisões por dez minutos, deixando o ar circular e o sol entrar em casa. Mas não mantenha as janelas abertas por muito mais tempo, especialmente no inverno, caso contrário haverá perda de calor e o ambiente pode arrefecer demasiado.

3. Janelas abertas, aquecedores desligados

Parece óbvio, mas há muitas pessoas que se esquecem de desligar os aquecedores quando abrem as janelas em casa. Na verdade, ter o aquecimento ligado enquanto as janelas estão abertas não só é desperdício de energia (está a aquecer por um lado, e a arrefecer por outro), como pode fazer disparar o consumo.

Nos sistemas de aquecimento regulados por temperatura (que mantêm as divisões a temperaturas constantes), verifica-se um esforço maior dos radiadores para manterem quente um quarto que tem a janela aberta do que para manterem à mesma temperatura um quarto que está fechado.

15 dicas infalíveis para poupar eletricidade
Veja também 15 dicas infalíveis para poupar eletricidade

4. Temperaturas constantes gastam menos

Os sistemas de aquecimento têm muito menos dificuldade em manter uma casa quente do que em aquecer uma casa que está fria. Por isso, uma das melhores formas de poupar no aquecimento é tentar que a casa mantenha uma temperatura constante, em torno dos 22º.

Mas não adianta muito ter a sala aquecida e o quarto frio, nestes casos o melhor seria se os dois estivessem levemente aquecidos. Isso evita a que o aquecedor ou radiador da sala, quando ligado, tenha que fazer um esforço adicional para igualar a temperatura dos ambientes, quando as portas forem abertas.

Além disso as variações abruptas de temperatura levam a um maior gasto, uma vez que por cada grau a mais o consumo de energia aumenta em 7%.

Assim, procure manter todas as divisões aquecidas a uma temperatura constante. Não só estará a poupar no aquecimento, como a contribuir inclusive para evitar as temidas constipações.

5. Diminua a temperatura ou desligue o aquecimento à noite

Quando se for deitar opte por desligar ou baixar o aquecimento para uma temperatura entre os 15 e 17º, o suficiente para que tenha uma sensação de conforto enquanto dorme. Só volte a ligá-lo de manhã, depois de ventilar a casa e quando as janelas já estiverem todas fechadas.

Já se for para fora por mais do que um dia, então mais vale deixar o aquecimento desligado.

6. Instale um controlador para a climatização da casa

O sistema de aquecimento central já é comum nas casas mais recentes, mas nem sempre vem acompanhado de um dispositivo de controlo automático de temperatura. Estes dispositivos permitem-lhe escolher temperaturas para diferentes horas do dia (e até para diferentes dias da semana), ligando e desligando os radiadores de forma automática.

Se garantir que, ao entrar em casa, não a sente gelada, não vai precisar de ligar os radiadores no máximo para compensar e assim vai poupar no aquecimento.

7. Controle a temperatura da água do banho

Se o esquentador da habitação for elétrico, uma opção é baixar em alguns graus a temperatura da água. Pode não fazer um milagre na conta de energia, mas ajuda a poupar no aquecimento.

Já se prefere não correr o risco de a água ficar demasiado fria, a melhor solução será mesmo instalar um termostato no duche. Estes dispositivos permitem regular automaticamente a temperatura da água (que deve estar entre os 30 e os 35º para que se sinta confortável) e permitem uma poupança de 4% a 6% na fatura de energia.

8. Isole bem janelas e portas

Não há volta a dar: até o melhor sistema de aquecimento se torna pouco eficiente quando a construção da casa não é das melhores. Qualquer especialista na matéria lhe dirá que o maior desafio das casas não é aquecer, mas conservar o calor que está lá dentro.

Para ajudar a sua casa a não deixar escapar a energia que a aquece, comece por investir em janelas duplas ou de vidro duplo. Não podendo, para já, dar um passo tão grande, tente pelo menos isolá-las da melhor forma, para evitar as fugas de calor e a entrada do vento.

Experimente, por exemplo, calafetar as janelas com fitas de espuma. Estas fitas, quando posicionadas nos encaixes, impedem a entrada do ar frio e proporcionam um ambiente mais acolhedor. Nas portas coloque um chouriço tapa-portas. São alternativas mais em conta e que contribuem, igualmente, para poupar no aquecimento no fim do mês.

9. Agasalhe o corpo e a casa

Uma casa aconchegante pode reduzir a necessidade de aquecedores elétricos. Aproveite para fazer uso de tapetes, almofadas, mantas e cortinados para decorar as divisões. Nas paredes opte por tons mais quentes, uma vez que tendem a acumular o calor.

Além de “vestir” a casa para o inverno, convém também que se agasalhe. Escolha sempre roupas quentes, como camisolas ou casacos, e calce umas meias e chinelos bem confortáveis.

10. Inverno, época de assados

Acredite se quiser, mas no tempo frio a cozinha é a sua melhor amiga. Do vapor libertado pela panela da sopa ao calor que sai do forno, tudo ajuda a manter a casa mais quente.

Se quer mesmo poupar no aquecimento, aposte em assados (para usar o forno) e comidas que fervam durante bastante tempo (como as sopas). Além de pratos saborosos, são também o pretexto ideal para passar uns bons momentos à volta da mesa em família.

No final de contas, são pequenas dicas como estas que podem ajudar a que o ambiente da sua casa se torne mais agradável e acolhedor, sem que para isso precise de gastar demasiado no aquecimento.

Veja também