Ekonomista
Ekonomista
16 Abr, 2020 - 18:24

Governo fixa preços máximos para botijas de gás

Ekonomista

Durante o mês de abril, os preços das botijas de gás não podem ultrapassar os valores fixados pelo Governo.

Botijas de gás: Governo fixa preços máximos

Um despacho conjunto do ministro do Ambiente e da Ação Climática e do ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, define que, durante o mês de abril, enquanto vigorar o Estado de Emergência, haverá tetos máximos para o preço do gás engarrafado (em taras standard, em aço).

Assim, os preços máximos resultantes da aplicação deste despacho são os seguintes:

  • 22€ para a garrafa de 13kg de GPL Butano (tipologia T3) -1,692 €/kg;
  • 22,24€ para a garrafa de 11kg de GPL Propano (tipologia T3) – 2,022 €/kg;
  • 81,05€ para a garrafa de 45kg de GPL Propano (tipologia T5) – 1,801 €/kg.

O Governo justifica esta medida com “o aumento da margem de comercialização praticada pelos operadores retalhistas, em contraciclo com a evolução dos preços dos derivados nos mercados internacionais”.

O mesmo diploma determina ainda que, “no caso de alterações relevantes das cotações internacionais, identificadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), poderão ser estabelecidos novos preços regulados a aplicar aos dias remanescentes do mês em curso, através de novo despacho”.

Para descomplicar a informação

As informações sobre os temas que envolvem o impacto social do novo Coronavírus são dinâmicas e constantemente atualizadas. Por isso, os conteúdos publicados nesta secção não devem substituir a consulta com profissionais e especialistas, tanto da saúde como do direito e temas afins. Neste projeto, contamos com a parceria da Fidelidade e da Multicare. Saiba mais sobre a parceria.

Veja também