Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Helena Peixoto
Helena Peixoto
11 Set, 2020 - 09:58

10 produtos de plástico que deve deixar de usar imediatamente

Helena Peixoto

Pelo nosso bem e pelo bem do ambiente, estes são os produtos de plástico que deve deixar de usar sem hesitar. Conheça-os.

vários produtos de plástico que deve deixar de usar

Vamos todos aumentar a nossa consciência ecológica? Então aponte bem estes 10 produtos de plástico que deve deixar de usar.

Podem parecer inofensivos à primeira vista, mas a verdade é que são verdadeiras e iminentes ameaças ao nosso planeta e, consequentemente, à nossa existência!

É urgente uma mudança de comportamentos e atitudes no que diz respeito aos materiais que utilizamos no dia a dia, mas também em relação à forma como lidamos com eles, principalmente no momento de dispensá-los.

Produtos de plástico que deve deixar de usar: a lista mais importante que verá hoje

produtos de plástico que deve deixar de usar

Não deixe para amanhã esta decisão… Até porque dela estão dependentes as gerações futuras do nosso planeta! O plástico é um dos grandes problemas atuais, que coloca em causa a subsistência do planeta.

Apesar de já estarem em curso várias medidas governamentais para travar este problema, cada um de nós deve também fazer a sua parte. Anote bem a lista que vamos partilhar consigo.

1

Palhinhas de plástico

Quem nunca leu ou viu uma notícia sobre espécies marítimas que morrem por terem toneladas de plástico no estômago ou palhinhas de plástico espetadas no seu corpo? Esses objetos, aparentemente engraçados e que os miúdos adoram, são verdadeiras armas mortíferas.

Alternativa ecológica

Utilize palhinhas de papel ou de inox reutilizáveis. Palhinhas de plástico é dos primeiros produtos de plástico que deve deixar de usar.

2

Garrafas de plástico

Outra das grandes dores de cabeça da atualidade é a utilização de garrafas de plástico, principalmente as versões mini, que deviam ser absolutamente proibidas! Já pensou nas toneladas de plástico que diariamente se desperdiça com este objeto?

Alternativa ecológica

Sempre que possível utilize água da torneira e coloque-a no seu copo reutilizável. Tem dúvidas quanto à qualidade da mesma? Opte então por comprar a água sempre nos maiores formatos possíveis, preferencialmente de vidro.

3

Sacos de plástico

Já viu aquelas imagens de oceanos que se tornaram verdadeiras pilhas de sacos de plástico? Pois é, esses objetos que lhe podem parecer inofensivos não se degradam e estão a ameaçar a nossa existência e é um dos produtos de plástico que deve deixar de usar, pelo bem de todos!

Alternativa ecológica

Sacos de pano reutilizáveis; cabem em qualquer lado, dobram-se facilmente e são super ecológicos! Além disso, já há imensas versões cheias de pinta e estilo!

4

Loiça para festas de plástico

Todos adoramos aquelas mesinhas lindas que se montam nos aniversários, sobretudo dos mais pequeninos, com pratos, copos e talheres coloridos, para condizer com o tema da festa… Pois saiba que esse é dos comportamentos menos ecológicos que pode ter!

Alternativa ecológica

Atualmente já existem versões de papelão que pode utilizar. Se não gosta mesmo desta opção, porque não usar a loiça de casa? Teme o trabalho que se segue? Peça ajuda aos seus convidados, eles até vão gostar de contribuir!

5

Tupperwares

Além de ser um dos produtos de plástico que deve deixar de usar pela ameaça que são para o ambiente, os tupperwares de plástico podem até, efetivamente, estar a fazer mal à sua saúde.

Isto porque quando em contacto com fontes de calor (ex: microondas), alguns libertam partículas de plástico para a comida. Resultado? Está a ingerir plástico.

Alternativa ecológica

Invista num bom kit de recipientes de vidro. Além de mais ecológicos, mantêm o sabor e as propriedades dos alimentos. E pode usá-los também como taças para servir na mesa!

6

Atenção às embalagens

Parece uma missão quase impossível sair do supermercado sem estar carregado de embalagens e mais embalagens de plástico. Ainda há um longo caminho a percorrer neste sentido e as marcas têm de ficar cada vez mais sensíveis ao tema, pelo bem de todos.

Alternativa ecológica

Sempre que possível, compre os produto a granel. Se não houver essa possibilidade, verifique sempre se a embalagem contém o símbolo da reciclagem, pois existem algumas com plástico misto impossíveis de se degradarem.

7

Cápsulas de café de plástico

Todos adoramos um bom café tirado das máquinas de cápsulas. Mas elas também podem ser uma ameaça ao nosso planeta, sobretudo as cápsulas que são feitas de plástico, que entram no grupo dos produtos de plástico que deve deixar de usar.

Alternativa ecológica

Escolha cápsulas de café reutilizáveis ou, no limite, pelas cápsulas de alumínio.

8

Selecione os brinquedos

Atualmente não é difícil entrar numa loja e encontrar vários brinquedos a 1€, 2€ ou 3€ e a tentação de comprar é grande. O problema é que eles são feitos inteiramente de plástico, além de que são muito pouco resistentes. Isso vai fazer com que compre mais, podendo até acabar por gastar mais dinheiro!

Alternativa ecológica

Opte por ter menos brinquedos mas de melhor qualidade e de materiais mais resistentes e amigos do ambiente.

9

Cotonetes

Cotonetes, leu bem! Além do uso ser desaconselhado pelos médicos, uma vez que empurram a cera para dentro do canal auditivo, eles possuem uma grande quantidade de plástico totalmente evitável.

Alternativa ecológica

Prefira lavar apenas os ouvidos com água e limpar com uma toalha nas zonas onde chega facilmente. O resto o próprio canal auditivo faz por si!

10

Isqueiros

Um isqueiro demora centenas de anos a ser absorvido pela natureza. E se fizermos as contas aos que existem e que estão a ser produzidos a cada minuto é assustador. Inclua-os na lista dos produtos de plástico que deve deixar de usar.

Alternativa ecológica

O velho e amigo fósforo! O ambiente vai agradecer. E muito!

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].