Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
28 Fev, 2020 - 10:20

Quantos quilómetros dura um motor diesel?

Afonso Aguiar

Um dos mitos mais pregados no mundo automóvel é que os motores a gasóleo são mais duradouros. Mas afinal quantos quilómetros duram? Conheça os relatos de casos reais.

motor volkswagen

Na hora de comprar um carro novo, a grande questão ainda se prende entre comprar um automóvel a gasolina ou a gasóleo. Do lado do primeiro, os grandes argumentos estão no preço de custo e no facto de os veículos diesel estarem a sofrer uma “diabolização” na Europa face às restrições de emissões impostas pela UE.

Já quem defende os carros a gasóleo, costuma usar a retórica do preço e os consumos de combustível serem mais baratos e menores, respetivamente, e claro do motor durar centenas e centenas de milhares de quilómetros. Porém, a dúvida permanece. Quantos quilómetros dura um motor a diesel?

A resistência de um motor mede-se essencialmente pelos quilómetros que este faz, uma vez que é essa a medida que mais peso tem.

Afinal, quanto duram os motores a gasóleo?

pessoa a abastecer diesel em carro

A duração efetiva de qualquer motor, seja ele a gasóleo, gasolina, GPL ou elétrico, dependerá sempre do tipo de uso que se faz. No entanto, a partir do momento em que começaram a haver mais restrições de emissões de CO2 e consequentemente adaptações dos automóveis, já não é um dado adquirido que um motor a gasóleo dure mais do que um a gasolina, ou pelo menos que as diferenças de durabilidade entre ambos sejam tão evidentes.

A forma como conduzimos e também a manutenção do veículo é fundamental para se aumentar a durabilidade. Naturalmente, uma condução agressiva acelerará o processo de “envelhecimento” do motor.

Por outro lado, uma condução maioritariamente feita em auto-estrada deverá preservar a vida do motor durante mais quilómetros.

Ainda assim, um motor a Diesel tem, segundo especialistas, uma durabilidade mínima de 150 a 200 mil quilómetros, sem necessitar qualquer intervenção de maior, sendo que estes, se bem cuidados e estimados, podem durar até um milhão de quilómetros sem que sejam necessárias grandes intervenções ou troca de componentes “vitais”.

Motores “Duracell”: motores diesel que duram e duram

A título de exemplo, destacam-se alguns casos que comprovam essa mesma durabilidade:

Volkswagen GOLF

No Reino Unido, foi encontrado um Golf IV TDI com mais de 700 mil quilómetros. Foi comprado em 2001 por um casal que procurava um carro confortável e económico. A primeira e única falha de que há conhecimento foi aos 400 mil quilómetros.

Nos Estados Unidos, há vários automóveis com duração incrível, principalmente se o tema forem as famosas carrinhas “pickups”. Um Chevrolet 3500 HD de 2003 circulou cerca de 1.7 milhões de quilómetros. O motor diesel Duramax foi uma das principais razões para que o carro percorresse tantos quilómetros. Porém, o facto de o seu dono recorrer várias vezes a manutenções de rotina foi também determinante.

Mercedes 200 W124

Em Portugal também há casos de durabilidade de motores a Diesel. Em Lisboa, um táxi Mercedes Benz 200 D W124 de 1988 percorreu a capital portuguesa num total de 1.9 milhões de quilómetros, durante 14 anos. Atualmente, no museu da Mercedes, em Stuttgart, este automóvel não teve uma única falha no seu motor Diesel.

Também em Vila do Conde, um outro táxi português, um Mercedes Classe E220 CDI de Abril de 2003 já ultrapassou a barreira dos 2 milhões de quilómetros, apesar de ter trocado o motor logo após ter cumprido 1.5 milhões de quilómetros, mas mantendo o diferencial e a transmissão.

O proprietário, Manuel Costa e Silva afirma que colocar o motor a trabalhar 5 minutos antes de arrancar, não exceder os 80 km/h nos primeiros 10 quilómetros de viagem, cumprir o plano de manutenção e rever o motor de arranque e alternador de 500 mil em 500 mil quilómetros foram alguns dos “truques” para aumentar a longevidade do seu automóvel.

Veja também