Clara Henriques
Clara Henriques
04 Abr, 2015 - 07:30
Ryanair volta a recrutar, desta vez para Ponta Delgada

Ryanair volta a recrutar, desta vez para Ponta Delgada

Clara Henriques

A Ryanair continua a recrutar em Portugal e desta vez as vagas são para… os Açores! Saiba quais são os requisitos.

O artigo continua após o anúncio
Há muitos anos que as rotas dos Açores estavam dominadas pelas companhias aéreas, não incluindo companhias low-cost. Com a recente liberalização de algumas das rotas que fazem a ligação entre Portugal continental e o arquipélago, a Ryanair é a segunda low-cost a conseguir voar a baixo custo para este destino.
Perante este novo desafio, a companhia aérea volta ao mercado para novas contratações, desta vez para a base de Ponta Delgada. Em declarações, José Espartero, o diretor comercial da transportadora revela que “vamos contratar diretamente 70 pessoas, mas juntando os postos de trabalho indiretos, estimamos atingir os 350 empregos locais”.
Acabada de estrear a sua ligação para a ilha de S. Miguel, a Ryanair avançou a certeza de que vai montar uma base em Ponta Delgada e, por isso mesmo, ser necessário avançar com as contratações.

Como será feito o processo de recrutamento?

O processo de recrutamento será feito pela GroundLink, a empresa associada da Ryanair e responsável pelos processos de recrutamento da companhia aérea. Serão recrutados comissários e assistentes “algo que se repete a 10 de abril em Lisboa e a 13 de abril no Porto”.
Pode ler-se em notícia que “os candidatos serão submetidos a provas de inglês e a uma entrevista, sendo que em 2015 a companhia aérea irlandesa irá reforçar a sua presença em Portugal contratando mais 250 colaboradores, com ordenados médios mensais entre 1.000 e 1.400 euros”.

Veja também: