ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Luana Freire
Luana Freire
03 Nov, 2021 - 21:00

10 sintomas de infeção urinária que não pode ignorar

Luana Freire

Listamos os 10 principais sintomas da infeção urinária. Seja nos rins, bexiga ou uretra, é preciso tratar de imediato e evitar as complicações associadas.

10 sintomas de infeção urinária

Saiba mais sobre os 10 sintomas de infeção urinária possíveis de ocorrer, descubra quais são os diferentes tipo deste quadro clínico e aprenda a identificar os principais sinais de alerta.

Diferentes tipos de infeção urinária

As infeções do trato urinário, mais conhecidas como infeções urinárias, fazem parte de um quadro infecioso comum na bexiga e uretra, podendo ainda surgir nos rins e ureteres. Geralmente, a sua causa está associada à presença de uma bactéria invasora.

Em linhas gerais, existem três tipos de infeção do trato urinário.

  1. Uretrite: quando a infeção surge na uretra.
  2. Pielonefrite: quando a infeção compromete os rins.
  3. Cistite: quando o quadro infecioso tem origem na bexiga.


10 sintomas da infeção urinária

mulher com sintomas de infecao urinaria
1.

Dor ao urinar (disúria)

Quando há dor ao urinar, a origem provável da infeção é a uretra ou a bexiga, sendo este um sintoma bastante comum nos casos de uretrite e cistite.

Este é o principal e mais relatado sintoma presente nos quadros de infeção urinária. Chamado de disúria, este sintoma pode provocar ardor, dor e incómodo durante a micção, ou ainda a sensação de peso na bexiga.

Nas mulheres, para diferencias uma infeção urinária de uma infeção ginecológica é preciso analisar se existe corrimento vaginal. A confusão acontece porque nos casos de infeção ginecológica há, também, queixas de dor ao urinar – que é provocada pelo contacto da urina ácida com a área inflamada da vulva.

2.

Sangue na urina

Quando há presença de sangue na urina, a origem da infeção poderá ser a uretra, a bexiga ou os rins.

Apesar de não indicar gravidade, a hematúria é o sinal um dos sintomas de infeção urinária que mais assusta. É um sinal comum da presença de inflamação com causa bacteriológica, especialmente em caso de cistite – embora também possa ocorrer noutros tipos de infeção do trato urinário.

3.

Mau odor na urina

Quando o cheiro da urina é mais desagradável, é provável que a infeção urinária tenha origem na bexiga ou na uretra.

Este é, também, um dos mais típicos sinais da presença de bactéria na urina, que podem ser a origem de uma uretrite ou de uma cistite.

Em grande parte das situações, o mau odor é explicado pela maior concentração de urina que, ao apresentar uma grande quantidade de ureia, provoca um cheiro característico.

4.

Febre

Quando existe aumento exagerado na temperatura corporal, a origem mais provável da infeção está nos rins.

Este é um sintoma a tem em atenção, pois nos casos de uretrite pode indicar que a bactéria já chegou à corrente sanguínea do doente.

Nos quadros de cistite não é comum haver febre – caso ela apareça, será sempre uma temperatura abaixo dos 38 graus.

Quando a infeção tem origem nos rins e existe uma pielonefrite, febres mais altas podem fazer parte do quadro de sintomas, geralmente acompanhada de calafrios.

5.

Dor lombar

A dor lombar surge quando a infeção urinária tem origem provável nos rins.

Poucas doenças provocam dor renal, sendo a pielonefrite uma delas. Nestes casos, é normal que a dor seja mais intensa num dos lados.

A cistite também pode ser acompanhada de uma leve dor lombar.

6.

Vontade constante de urinar

Quando a origem da infeção está na uretra ou na bexiga, existe uma necessidade exagerada de urinar – mesmo que não haja quantidade suficiente de urina que explique a sensação.

Este é, provavelmente, um dos sintomas de infeção urinária mais incómodos – e bastante habitual nos casos de cistite.

É comum haver uma necessidade constante de ir à casa de banho e o volume de cada micção é mínimo. Isto acontece porque a bexiga irritada provoca sensação de não esvaziamento.

7.

Corrimento uretral

Se há presença de corrimento uretral, ou pus, a origem da infeção é a uretra.

O corrimento uretral, normalmente, vem acompanhado de dor ou ardor ao urinar, e esta saída de pus quase sempre é provocada por uma doença sexualmente transmissível.

8.

Perda involuntária de urina

Quando o doente apresenta dificuldade para conter a necessidade de urinar, a origem mais provável da infeção é a bexiga.

O doente que não consegue adiar as idas à casa de banho e sofre com a perda involuntária de urina está a passar pela situação clínica conhecida como “urgência urinária”, bastante comum em crianças e idosos.

9.

Vómitos e náuseas

Se a infeção urinária provoca sensação de enjoo e vómitos, é sinal de que a sua origem está nos rins.

Estes são sintomas comuns de pielonefrite e, normalmente, estão acompanhados de febre e ausência de apetite.

Caso estes sintomas estejam relacionados com uma uretrite, indicam que a doença está avançada.

10.

Desorientação

Se os sintomas da infeção urinária incluírem a desorientação ou qualquer alteração no estado de consciência do doente, é provável que a sua origem seja renal.

Quando a infeção urinária tem origem nos rins é um caso potencialmente delicado, que pode evoluir para estados de gravidade, pois pode levar a uma situação de infeção generalizada.

Caso a pielonefrite não seja detetada precocemente, de forma a ser tratada e curada atempadamente, o doente pode desenvolver sintomas neurológicos, mostrando-se desorientado, prostrado e com um nível de consciência reduzido.

Este é um dos sintomas mais comuns em idosos, sendo muitas vezes relatada a total ausência de outros sinais de alerta. Nestes casos, as alterações neurológicas são uma importante indicação de que existe uma infeção em curso.

Se sentir  dor ou ardência ao urinar, ou apresentar um ou mais sintomas aqui listados, procure o seu médico e evite que uma infeção urinária diagnosticada tardiamente comprometa o bom funcionamento dos outros órgãos do trato urinário. 

Qualquer sensação de desconforto ao urinar não é normal e, por isso, é sinal de alerta.

Veja também