Renata Silva
Renata Silva
07 Nov, 2023 - 13:00

As nossas unhas mudam com a idade? Veja 5 exemplos

Renata Silva

Sabia que as nossas unhas mudam com o passar dos anos? Conheça quais as mudanças que surgem e o que pode ser motivo de alerta.

Sim, as nossas unhas mudam mesmo com o avançar dos anos. Não são só os nossos cabelos que ficam brancos com o tempo e as rugas que se formam na pele com o avançar da idade. Também as nossas unhas envelhecem. Alguns sinais são normais do processo de envelhecimento, mas há outros que é preciso ter em atenção, pois podem significar problemas de saúde.

As unhas são, tal como os nossos pés, indicadores de possíveis doenças e é, por isso, também importante estar atento. No caso das unhas, seja dos pés ou das mãos, devemos olhar para elas e por elas.

Neste artigo vamos mostrar com 5 exemplos de como as unhas se alteram com o passar dos anos e damos um especial alerta nos casos em que deve consultar um médico.

As unhas mudam com a idade

(e temos 5 exemplos de alterações que o comprovam)

1.

Ritmo de crescimento mais lento

O crescimento das unhas diminui ligeiramente com o tempo. Em média, as unhas das mãos crescem 3 mm por mês, sendo que as dos pés crescem apenas 1 mm no mesmo período de tempo.

A partir dos 25 anos, o ritmo de crescimento começa a diminuir e desce cerca de 0,5% por ano. Por exemplo, por volta dos 85 anos, as unhas das mãos podem estar a crescer apenas 2 mm por mês.

2.

Unhas quebradiças

De acordo com um artigo do Instituto Nacional de Saúde Pública dos Estados Unidos, com o passar dos anos as unhas tendem a ficar mais frágeis e quebradiças, especialmente se estiverem constantemente expostas a químicos e cosméticos, como os removedores de verniz. Por exemplo, podem surgir nas unhas das mãos riscos longitudinais paralelos, que podem ou não quebrar na ponta.

Em casos mais sérios, as alterações na textura da unha podem não ter a ver com a idade e estar associadas a problemas de origem hormonal, anemias ou arteriosclerose. Se notar diferenças significativas na textura das suas unhas (por exemplo, a existência de sulcos ao longo da unha), o melhor é consultar um médico.

3.

Unhas geralmente mais grossas

Com o processo de envelhecimento, as unhas podem ficar ou mais espessas ou mais finas. Na maioria dos casos as unhas tendem a engrossar com o tempo.

Para além da questão da idade, problemas de pele como a psoríase, por exemplo, podem dar origem a unhas mais grossas.

Também com a idade é mais provável o aparecimento de micoses, em particular nas unhas dos pés. Um dos motivos tem a ver com o facto de o ritmo de crescimento das unhas ser mais lento, o que ajuda ao desenvolvimento desta infeção fúngica. Com este problema a unha fica mais grossa e chega mesmo a perder a sua cor.

As unhas dos pés são mais vulneráveis ao aparecimento de infeções fúngicas, uma vez que os sapatos proporcionam um ambiente favorável ao crescimento dos fungos. Para saber se se trata ou não de uma micose, deve ir a um dermatologista.

4.

Unhas mais redondas e encravadas

Com o avanço da idade, as unhas podem ficar mais arredondadas. Atenção que, se estiverem demasiado arredondadas, bem como a ponta dos dedos, é sinal de baixos níveis de oxigénio no sangue. Esta deformação pode ter origem em doenças cardiovasculares, endócrinas ou gastrointestinais. Neste caso, o melhor é mesmo consultar um médico.

As unhas encravadas são também outro problema que pode surgir com a idade, muito embora sejam mais frequentes nos mais novos. Ocorrem geralmente devido a deformidades nos pés ou a sapatos muito apertados e é nos mais idosos que causam mais estragos como dor substancial e problemas ao andar.

5.

Unhas sem cor

Um último exemplo de como as unhas mudam com o envelhecimento é: as unhas tendem naturalmente a sofrer alterações de coloração. No entanto, estas podem ser também um indicador de problemas de saúde.

Como já referimos acima neste artigo, as infeções fúngicas são uma das razões que levam as unhas a perder a sua cor.

Por outro lado, podem também tornar-se acinzentadas ou amareladas.

Se surgirem nas unhas dos pés riscas pretas, saiba que podem ser um sinal de melanoma (cancro de pele). Estes casos acontecem tipicamente em apenas uma unha. Estas riscas podem também surgir na sequência de uma pisadura por baixo da unha. Nos idosos geralmente ocorre devido a um pequeno trauma na unha e desaparece com o tempo.

Veja também: 

Artigos Relacionados