ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Assunção Duarte
Assunção Duarte
23 Jun, 2021 - 10:54

Xiaomi MI 11 Ultra: o novo membro da realeza Android

Assunção Duarte

O Xiaomi MI 11 Ultra assinala a entrada da marca chinesa no segmento dos telemóveis topo de gama. O preço competitivo promete agitar o mercado premium.

smartphone Xiaomi Mi ultra 11

Xiaomi MI 11 Ultra chegou ao mercado europeu em Maio deste ano com o preço competitivo de 1200 euros. Esta é também a primeira incursão da marca chinesa neste segmento de mercado.

Agora só falta convencer os consumidores a encarar a Xiaomi como uma marca tão capaz de produzir topos de gama como a OnePlus, a Samsung ou a Apple. Os especialistas garantem que o Xiaomi MI 11 Ultra está à altura desta aposta. 

Xiaomi MI 11 Ultra: um must have para os criadores de conteúdo

A melhor câmara fotográfica da Xiaomi

O destaque deste telemóvel vai sem dúvida para o módulo da câmara tripla que ocupa um largo espaço na traseira do dispositivo. Se para alguns utilizadores ele revelou-se grande demais e incomodativo porque sai fora do corpo arredondado do dispositivo, para outros trata-se apenas de uma questão de habituação.

O módulo inclui um sensor principal Samsung GN2‎ de 50MP, uma lente Sony IMX586 Ultra Angular e TeleMacro de 48MP e uma câmara frontal com 20MP que permite tirar fotografias com visão noturna e é capaz de filmar vídeo 8K.

Mas a maior inovação deste módulo é incluir um ecrã AMOLED de 1,1 polegadas na parte de trás do telemóvel. Este ecrã pode projetar a imagem do ecrã principal e garante que o utilizador tenha um acesso rápido a notificações, horas ou controle de música sem ser apenas no ecrã principal. Mas se esta inovação não o entusiasma particularmente tem ainda a alta qualidade do ecrã principal.

Um AMOLED qual-curved de 6.81”, resolução Quad HD (2K/QHD) com taxa de atualização de 120 Hz, o que garante 1.07 biliões de cores e 1700 nits de brilho, o suficiente para entusiasmar os utilizadores amantes do vídeo, fotografia ou jogos. 

Uma bateria a condizer com o tamanho e a potência 

O Xiaomi MI 11 Ultra é um telemóvel grande não só em tamanho (164.3 x 74.6 x 8.4 mm), como também em peso (234 g) e tem uma bateria de 5000mAh a condizer que oferece um recarga rápida de 67w.

A marca disponibiliza também um carregador sem fios, ultrarrápido, capaz de colocar a bateria a 100% em pouco mais de 36 minutos. Este carregador de 80w possui ventoinhas para assegurar que o dispositivo se mantém a uma temperatura segura no processo de carregamento rápido.

Os 7 melhores smartphones Xiaomi
Veja também Os 7 melhores smartphones Xiaomi

Performance com refrigeração inovadora

Com  12 GB de RAM e um potente Octa-Core Qualcomm Snapdragon 888 (1x Cortex X1 2.84GHz + 3x Cortex A78 2.42GHz + 4x Cortex A55 1.8GHz), este telemóvel utiliza um sistema de dissipação de calor revolucionário. Recorre a um líquido de arrefecimento que circula pelos componentes do smartphone e absorve o seu calor transformando-se em gás. Posteriormente, esse gás é conduzido a uma câmara onde arrefece, regressando ao estado líquido para que volte a circular e a dissipar o calor dos componentes.

O objetivo é garantir que o telemóvel não aquece, mesmo com um uso “pesado”, para que a performance das suas funcionalidades mantenha a eficiência para a qual foi concebida.

Tem estilo e é resistente

Apesar do design de cerâmica, a preto ou branco, moderno e requintado, o Xiaomi MI 11 Ultra o Xiaomi MI 11 Ultra quer chegar a todos os utilizadores, mesmo aos mais todo o terreno.

Este é o primeiro smartphone da Xiaomi, com o certificado IP68 que lhe garante oficialmente uma resistência contra a água e o pó. Saiba mais aqui.

Veja também