Luana Freire
Luana Freire
09 Nov, 2021 - 15:21

Alergia a produtos de limpeza: como evitar e quais cuidados ter

Luana Freire

Há truques simples para evitar a alergia a produtos de limpeza. Saiba quais são e afaste este problema recorrente depois das limpezas domésticas.

Máscaras para evitar alergia a produtos de limpeza

Irritação na pele, comichão e, em alguns casos, dificuldade respiratória após as limpezas. Reconhece estes sintomas? Eles são sinal de que existe alguma alergia a produtos de limpeza.

A maior parte dos produtos, como detergentes, amaciadores, sabão em pó e desinfetantes pode provocar reações alérgicas a pessoas com sensibilidade aos seus componentes – e o cenário é mais comum do que pensamos. É preciso estar atento aos sintomas para se saber como evitá-los.

Fique connosco neste artigo e esclareça as suas dúvidas sobre quais cuidados adotar.

Guia sobre as alergias a produtos de limpeza

Alergia a produtos de limpeza: porque acontece?

Antes de mais, vamos compreender o que é uma alergia. precisamos entender o que são as alergias. 

De forma resumida, podemos dizer que as alergias definem-se como reações que o corpo mostra após o contacto com algum alérgeno ou substância química. Estes sintomas são provocados pela hipersensibilidade que o sistema imunológico apresenta diante de determinados fatores externos.

Isto, basicamente, quer dizer que o nosso corpo encara algumas substâncias como potenciais “ameaças” e, assim, reage com os sintomas das crises alérgicas.

O que devemos ter em mente é que os produtos de limpeza de compra, os convencionais, estão repletos de compostos capazes de desencadear alergias. Ou seja, por outras palavras, contêm elementos que podem “agredir” a nossa saúde – daí surge a importância dos cuidados a adotar durante as limpezas.

limpezas de outono

Quais são os produtos de limpeza que mais comummente provocam alergias?

No topo do ranking dos produtos de limpeza convencionais que provocam mais reações alérgicas a pessoas sensíveis estão a lixívia e os desinfetantes.

Mas também o sabão em pó, os detergentes para os mais diversos usos e os amaciadores são produtos são causadores das reações alérgicas.

Sintomas de alergia a durante as limpezas domésticas: quais são?

O maior órgão do corpo, a pele, é também aquele que está mais exposto.  Esta é a razão pela qual a maior parte dos sintomas de alergias a produtos de limpeza manifesta-se através de doenças dermatológicas, como a dermatite de contacto.

Esteja atento a comichão, lesões, descamações ou vermelhidões nas áreas que tiveram contacto com produtos de limpeza – é comum que os sintomas apareçam nas mãos e unhas, e ao longo dos braços.

Tem outros sintomas no corpo após as limpezas? Pode, também, ser uma alergia – afinal, a pele não é a única que sofre com esse tipo de reação.

Sintomas nas vias respiratórias, como dificuldade para respirar normalmente, inchaço e chiado durante a respiração podem ter como origem uma reação alérgica. Frequentemente, as rinites, sinusites, bronquites, crises de asma e dores de cabeça podem indicar, da mesma forma, uma alergia a determinada substância.

Fique alerta a sinais de desconforto na garganta, laringe, faringe, brônquios e traqueia.

check list de limpeza da casa
Veja também Check list de limpeza da casa diária e semanal, divisão a divisão

Como evitar as reações alérgicas depois de utilizar produtos de limpeza?

Há alguns cuidados a ter durante as limpezas, a fim de evitar as reações alérgicas que o organismo manifesta. São, resumidamente, 4 formas de evitar as alergias.

  1. Use luvas de limpeza: há diferentes tipos no mercado – descartáveis, multiuso e de borracha antiderrapante. Esta última, usada frequentemente para lavar a louça, pode ser uma boa aliada das pessoas com a pele mais sensível aos produtos de limpeza.
  2. Evite usar produtos com cheiro forte: sabemos que o cheiro é sempre um ponto importante na compra de produtos dedicados à limpeza, mas se sofre com alergias vai ter de repensar os aromas – e a intensidade – que escolhe levar para casa. Quem tem alergias respiratórias deve, preferencialmente, usar produtos com o mínimo de cheiro.
  3. Utilize máscara de proteção para fazer as limpezas: as máscaras de proteção individual já são parte do nosso dia a dia e é sempre fácil de tê-las em casa, por isso, aproveite e use uma durante as suas limpezas. Ela vai ajudar a filtrar o odor forte enquanto, ao mesmo tempo, evita o contacto com o pó.
  4. Opte pro produtos naturais: há imensa soluções caseiras que são eficazes nas limpezas domésticas e que pode usar sem receio. O vinagre branco, o bicarbonato e o limão são bons exemplo de produtos que não causam alergias e têm ação adstringente. Também pode encontrar à venda produtos de compra que são feitos à base de elementos naturais e que, por isso, são ideias para quem tem alergias aos detergentes tradicionais.
Veja também