ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
David Afonso
David Afonso
22 Dez, 2020 - 13:01

A importância de alinhar a direção do carro

David Afonso

Alinhar a direção é muito importante, não só por ajudar na condução defensiva, mas também porque nos ajuda a poupar. Saiba tudo.

mulher a alinhar a direção com volante

Alinhar a direção do carro, quando necessário, é essencial para o funcionamento adequado do mesmo. Caso contrário, podem surgir diversos problemas, quer ao nível mecânico, quer ao nível da condução.

Por outras palavras, só com a direção alinhada é que a experiência de condução e saúde do carro se mantém intactas. Isto porque ajuda a manter todos os processos fluidos de condução confortáveis e garante a tão desejada segurança do condutor e do próprio veículo.

Com efeito, ao longo deste artigo vão estar listados os pontos mais importantes relativos a esta temática. O que é, a sua importância para a vida útil do carro, vantagens, etc.

Alinhado para esta leitura?

Tudo sobre o alinhamento da direção

Quando falamos no alinhamento da direção, falamos no ajuste de todas as rodas do carro, de modo que fiquem paralelas umas às outras e perpendiculares ao chão. Assim conseguem distribuir a pressão pelas quatro rodas de modo uniforme.

Quando a direção é alinhada, são verificadas as quatro rodas para que estejam em concordância e centra-se o volante, tudo de acordo com as especificações do fabricante. Tudo isto traz vantagens ao condutor.

A importância de alinhar a direção do carro

Um dos principais motivos pelo qual é necessário efetuar um alinhamento de direção é o facto de, com o tempo, os ângulos das rodas poderem alterar-se. Neste caso, podem não garantir total conforto ao conduzir.

Isto pode acontecer porque algumas componentes da suspensão se vão deformando com a utilização do veículo. Algo que, qualquer condutor não deseja.

Por outro lado, alinhar a direção do carro garante o perfeito estado da própria direção, o desgaste uniforme da aderência dos pneus à superfície, estende a vida útil dos pneus e, como já referido, oferece total segurança e conforto ao conduzir.

Vantagens de alinhar a direção

Reduz o consumo de combustível

Alinhar a direção reduz o consumo de combustível, ao reduzir a resistência que os pneus têm ao rolar. Assim, é preciso um esforço menor por parte do motor, o que acaba por fazer com que não precise de estar sempre a gastar no combustível.

Reduz o desgaste dos pneus

Se os pneus não estiverem devidamente alinhados, estes vão acabar por desgastar mais rapidamente devido à irregularidade ao circular. Se os pneus de um lado estão sob maior pressão, desgastam mais rápido.

Torna-se mais fácil conduzir

Sem alinhar a direção, o carro começa a “puxar” para um lado, as vibrações aumentam e torna-se difícil manter o carro direito. A vantagem não se baseia só na facilidade, mas também na redução dos riscos na estrada.

Permite uma melhor condução defensiva

Ao facilitar a condução, a direção alinhada dá mais espaço ao condutor para este tomar as devidas precauções na estrada e para ter cuidado com os outros condutores, em vez de se preocupar com o seu carro ir em direção à valeta.

Maior durabilidade dos componentes da suspensão

Outro ponto positivo do alinhamento é que evita forçar demais a suspensão do carro. O desgaste na suspensão vai aumentar o prejuízo e com o tempo, pode fazer com que outros componentes também venham apresentar problemas.

Processo de alinhar a direção: em que consiste

O alinhamento da direção envolve o ajuste dos ângulos das rodas, de modo que elas tenham a convergência/divergência e o Sopé/Camber especificados.

São três os componentes corrigidos durante este processo:

  • Sopé/Camber: Trata-se do ângulo de inclinação das rodas em relação ao plano vertical. A queda é positiva se a parte superior do pneu pender para fora, sendo negativa se pender para dentro.
  • Avanço: Consiste no ângulo formado pela inclinação do eixo de direção em relação ao plano vertical. Este elemento tem uma enorme influência na estabilidade do carro, podendo fazer com que uma das rodas o ‘puxe’ para um dos lados. Logo, o alinhamento atua sobre o lado que está “mais” forte.
  • Convergência e divergência: Teoricamente, as rodas de um carro deveriam estar paralelas quando são observadas de frente. Porém, esse paralelismo vai-se perdendo, devido a folgas nos componentes que interagem com a direção. Daí resultando um desvio convergente (fecho para o interior) ou divergente (abertura para o exterior) dos pneus.

Quando deve feito o alinhamento da direção?

Alinhar a direção deve ser considerado rotina no que toca a manutenção, devendo ser feito pelo menos uma vez todos os anos, ou a cada 20.000 quilómetros para corrigir desalinhamentos causados ​​por pequenos impactos ou maiores impactos (por exemplo, buracos na estrada).

Por outro lado, sempre que colocar pneus novos ou trocar os pneus, trocando os da frente pelos de trás, é essencial alinhar a direção. Da mesma forma, deve alinhar a direção quando substituir qualquer elemento da suspensão ou da direção.

E, claro, sempre que notar que o carro não responde rapidamente, que a direção está rígida ou a oscilar, ou notar um desgaste significativo num dos pneus.

pessoa a mudar pneu do carro

Contudo, existem outros sintomas que podem indicar de que o carro pode estar com a direção desalinhada.

Sintomas que podem indicar a necessidade de alinhar da direção

Com efeito, além do período de tempo aconselhado, troca e desgastes dos pneus, e substituição de qualquer componente da suspensão ou direção, existem outros indícios que podem indicar uma direção desalinhada. São eles:

1

Oscilações durante a travagem

O mau funcionamento do sistema de travagem pode ocasionar irregularidades direcionais permanentes. Contudo, não deixe de garantir que os travões funcionam corretamente antes de tomar qualquer medida.

2

Carga do veículo

Se o carro é “obrigado” a trabalhos forçados, com carga superior ao recomendado, provavelmente os valores recomendados para os vários ângulos da geometria da direção e do eixo traseiro, também diferirão dos especificados.

3

Altura do veículo em relação ao solo

Os veículos devem ser posicionados em alturas específicas para uma aderência e regulação da direção.

4

Volante mais “pesado”

Se o volante do seu carro se apresentar muito duro, isso poderá ser sinónimo que a direção não está corretamente alinhada. Consequências, maior desgaste das peças da suspensão e eixos, e menor desempenho na estrada.

5

Condução em estrada

Um bom teste que pode ser efetuado para verificar se a direção do seu veículo está alinhada é quando o condutor larga as mãos do volante numa reta da estrada; se o automóvel tende para um dos lados, isso quer dizer que a direção está desalinhada e é necessário acertar a mesma para ter um maior conforto nas suas viagens.

6

Consumo de combustível

Quando o seu carro estiver a consumir mais combustível, isso pode dever-se ao facto de a direção estar desalinhada. Nestas situações o carro estará a ser forçado para que mantenha a sua performance.

Logo, quando exige mais do seu veículo, ele necessita de ser “alimentado” com mais frequência, daí o motivo dos consumos dispararem.

Referir ainda que, mesmo que não sinta sintomas, o alinhamento da direção é a melhor maneira de evitar acidentes e de usufruir tranquilamente de todos os prazeres que a condução oferece.

Por outro lado, ao ter estes cuidados conseguirá poupar muito dinheiro na sua manutenção.

Quanto tempo demora para alinhar a direção?

O procedimento de alinhamento de cada eixo (frontal e traseiro) demora cerca de 30 minutos a ser executado. Claro que, dependendo da magnitude do problema.

A título de curiosidade, equilibrar as rodas, leva cerca de 15 minutos.

Quanto custa alinhar a direção?

Os preços podem variar entre 10 € e 40 € para veículos ligeiros, dependendo do problema. Marcas como Norauto, Roady ou Euromaster, disponibilizam este tipo de serviço.

Alinhar da direção é o mesmo que equilibrar as rodas?

Esta é uma dúvida bastante frequente entre os condutores. Contudo, são dois processos diferentes. Um alinhamento de direção, geralmente deverá ser precedido por uma calibragem das rodas.

Como vimos em cima, alinhar a direção consiste em colocar as rodas de cada eixo e os eixos em paralelo entre si, ajustando os ângulos das rodas, para evitar que a direção do carro vá para um os lados. E, claro, além de garantir conforto na condução e a correta aderência dos pneus, garantindo assim a segurança ao volante.

Já equilibrar as rodas, é um processo de ajuste mecânico nas rodas que, evita vibrações do veículo em qualquer velocidade, independente da forma de condução.

É um processo que permite otimizar a estabilidade, reduzindo o desgaste assimétrico do pneu e a possibilidade de perda de aderência.

Assim, não fique desalinhado com a sua condução, prolongue a vida útil do seu veículo e poupe na carteira. Nunca se esqueça, a prevenção é a chave para tudo isso!

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].