Publicidade:

Jardim zen: 10 razões para ter um e como criar o seu

Ter um jardim zen em casa ou no escritório pode ser sinónimo de ter mais paz e tranquilidade. Crie uma a sua medida e relaxe sem limites...

Jardim zen: 10 razões para ter um e como criar o seu
Como fazer o seu jardim zen e quais os benefícios

O jardim zen ou jardim japonês, nome que denuncia desde logo a sua origem, é um espaço para lá de especial. Geralmente feito de cascalho, pedra e fontes, é o local perfeito para quem está à procura de descanso mental ou de um momento de meditação.

A cada dia que passa os jardins zen tornam-se mais populares também no ocidente. Os seus desenhos em linhas curvas, tão característicos, são herança de monges zen que queriam ter espaços projetados em pedra e com a inclusão de elementos aquáticos.

De fácil manutenção, já que têm a base toda em pedra, são tão simples de criar que rapidamente vai perceber que a grande preocupação durante a sua execução vai ser apenas a escolha dos restantes materiais.

Quer saber mais sobre este tema? Ainda bem que sim, pois temos 10 excelentes razões para querer ter um jardim zen aí em casa.

Jardim zen: descubra os seus elementos essenciais


A principal característica de um jardim zen é a sua simplicidade. É, aliás, a simplicidade com que deve ser construído que deve ser transportada para a vida quotidiana, para que a consiga viver de forma mais tranquila e com mais conhecimento de si próprio.

Lembre-se: o jardim zen é o local onde pode ouvir o que o seu corpo e o seu íntimo têm para lhe dizer.

Vamos aos elementos básicos que devem estar no jardim zen?

jardim zen

1. Areia

A areia representa o mar e está relacionada com a paz e a tranquilidade do espírito e da mente.

Na areia, com a ajuda do ancinho, poderá criar ondas: as ondas num padrão mais comprido e curvado, simbolizam as águas agitadas, enquanto as linhas retas representam águas mais calmas.

2. Pedras

As pedras representam as rochas onde as ondas do mar batem, simbolizando movimento e continuidade. Também remetem às montanhas, elementos predominantes da natureza.

Curiosidade: no jardim zen, as pedras devem estar em número ímpar e devem ser colocadas de forma assimétrica.

3. Plantas e flores

As plantas e também as flores representam a natureza e, portanto, a vida. Dê preferência às espécies mais comuns na filosofia oriental, como as magnólias, as azaleias, as cerejeiras e os pequenos arbustos.

Como fazer um jardim zen


Quer escolha fazer um pequeno jardim zen para ter na sua secretária, quer queira mesmo construir um espaço em tamanho real aí em casa, uma coisa parece certa: vai obter benefícios durante a sua construção e durante a manutenção, além das vantagens associados ao seu uso diário.

Para criar um jardim zen de secretária vai precisar de…

jardim zen

Vai precisar de um recipiente de madeira, preferencialmente, de areia, pedras e, também, de um ancinho.

Vamos ao passo a passo simples para construir o seu jardim zen de secretária?

  1. Comece por isolar a caixa de madeira –  pode escolher envernizá-la.
  2. Coloque a areia dentro da caixa, garantindo pelo menos 8 cm de altura. Isso é importante para as alturas em que estiver a utilizar o ancinho para criar as ondas.
  3. Coloque as pedras de forma assimétrica e recorde-se que devem estar em número ímpar.
  4. Finalmente, com a ajuda do ancinho, crie ondas no seu jardim.

Há 6 boas ideias para conseguir um jardim único >>

Para criar um jardim zen exterior…

jardim zen

O objetivo é mesmo criar um jardim zen em tamanho real num espaço exterior? Então, vai precisar de material para isolar a base do seu jardim, areia e gravilha, pedras e plantas.

Siga o nosso passo a passo e não erre.

  1. Isole a área onde vai construir o seu jardim zen, de forma a evitar o aparecimento de ervas daninhas.
  2. Coloque as plantas, mas sempre tendo em conta que este espaço deverá ser o mais simples possível. Poderá colocá-las em pequenos vasos para evitar a propagação de ervas daninhas à volta.
  3. De seguida, coloque as pedras ou rochas, não esquecendo que deverão estar em número ímpar.
  4. Coloque a areia. Poderá também usar gravilha, que irá dar mais consistência ao seu jardim. A areia deverá tapar os recipientes das plantas e também fazer com que a base das pedras esteja submersa.
  5. O seu jardim zen nunca ficaria completo sem as suas ondas características, que poderá criar com a ajuda de um ancinho.
  6. Se o objetivo é usufruir do jardim também à noite, coloque alguma luz, mas lembre-se: simplicidade será sempre a palavra de ordem.

7 ideias de decoração zen >>

10 boas razões para ter um jardim zen


  1. Porque são ótimos para relaxar;
  2. Porque pode ter um em qualquer lado e em qualquer espaço;
  3. Porque são mesmo muito fáceis de fazer e de manter;
  4. Porque podem ser construídos em miniatura;
  5. Porque um jardim zen é uma excelente desculpa para meditar;
  6. Porque não precisam de muito;
  7. Porque são espaços perfeitos para estar a sonhar acordado;
  8. Porque estimulam a imaginação;
  9. Porque são perfeitos para cuidar de bonsais;
  10. Porque são excelentes para o fazer conectar com a natureza.

Veja também:

Luana Freire Luana Freire

Estudou Jornalismo e Assessoria de Imprensa no Brasil, transferindo a paixão, bagagens e coração para o Porto, onde estudou Ciências da Comunicação na UP. Mãe, simpatizante do feminismo, devoradora de novidades, louca por viagens, boa música, boa conversa e boa comida. Mulher das letras, é adepta da escrita criativa e acredita que a palavra, com todas as suas máscaras e possibilidades, é infinita e capaz de mudar o mundo de quem a lê, ouve, toca, espalha e constrói.

Limpeza e Arrumação