Publicidade:

Novo Renault Clio: a revolução está a chegar

O novo Renault Clio tem nova plataforma, motorização híbrida, condução autónoma e um habitáculo mais evoluído, nesta que já é a 5ª geração deste best-seller.

 
Novo Renault Clio: a revolução está a chegar
Fonte: Renault/divulgação

O novo Renault Clio é um best-seller da marca francesa. É, também, o modelo mais vendido em Portugal, com os números de 2018 a reforçarem a posição pelo 6º ano consecutivo. Vendeu 13.592 unidades, o que significou um aumento de 6,7%. Líder do segmento B na Europa, a marca do losango contabiliza 15 milhões de unidades vendidas. Segundo a Renault, o Clio vendeu sempre mais de ano para ano, entre 2012 e 2018.

O novo Renault Clio é um modelo inteiramente original, incluindo a plataforma pensada para diversas soluções futuras, dentro da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi. O novo Clio estreia a plataforma CMF-B, com arquitetura elétrica e sistemas eletrónicos que lhe permitirá integrar novas soluções tecnológicas.

O Renault Clio, agora apresentado, é também o modelo de lançamento para a nova tecnologia híbrida E-Tech, o que significa que poderemos ver futuramente o representante da Renault com motorização convencional e elétrica. O Clio será ainda o primeiro modelo da aliança franco-nipónica a integrar sistema de condução autónoma. Estas soluções fazem parte do plano intitulado “Drive the Future 2017-2022”.

Novo Renault Clio: evolução & revolução


renault clioFonte: Renault/divulgação

Estes são os princípios sobre os quais a Renault desenvolveu o novo Clio. O exterior é uma evolução do Clio IV, enquanto que a revolução foi guardada para o habitáculo. A marca afirma que 100% das peças do carro são novas, mas a identidade exterior permanece a mesma, embora agora mais madura. A bordo, é a tecnologia e a qualidade percecionada – graças a materiais de melhor qualidade -, que marcam a grande diferença relativamente ao modelo em fim de carreira.

Nas palavras de Laurens van den Acker, “no interior fizemos uma verdadeira revolução, com um notável progresso na qualidade percebida, maior sofisticação e uma forte presença tecnológica”. O Diretor do Design Industrial do Grupo Renault afirma que “esta nova geração do Clio recupera o que de melhor existia nas gerações precedentes. O design exterior do Clio 4 seduziu os clientes e continua, ainda hoje, a seduzir. Por isso decidimos conservar os genes, mas tornando-o, ao mesmo tempo, mais moderno e mais elegante”.

A Renault começa por mostrar o interior do novo Renault Clio, aquela que é uma das principais áreas onde as mudanças desta quinta geração são mais visíveis. Além de materiais de melhor qualidade, o novo modelo deverá apresentar mais espaço interior, quer por meio da nova plataforma, quer pelos desenhos dos novos elementos no habitáculo, como painéis das portas e bancos.

Exterior

exterior clioFonteRenault/divulgação

No exterior, neste novo Renault Clio sente-se mais uma evolução natural do que propriamente uma revolução, sendo um carro, em traços gerais, bastante semelhante à geração anterior, mas com linhas mais ao encontro daquilo que têm sido as novas gerações da Renault. As dimensões mantêm-se praticamente as mesmas em relação ao modelo lançado em 2012, mas viu a sua estabilidade ser melhorada sendo encurtado apenas 12mm rebaixado cerca de 30mm, mantendo exatamente os mesmos 1777mm de largura.

A já famosa assinatura luminosa em C facilmente reconhecida do Mégane está presente no novo Clio, com faróis 100% LED, logo a partir do primeiro nível de equipamento. Os farolins estilizados também integram a nova assinatura luminosa.

A nova linha de equipamento RS Line substituirá a GT Line e é constituída por grelha ninho de abelha, lâmina dianteira e jantes específicas de 17″. Este nível de equipamento mais desportivo personaliza o habitáculo vários elementos como, por exemplo, pedais desportivos, bancos com reforço lateral e volante em pele perfurada.

Consola central

consola centralFonteRenault/divulgação

É aqui que começamos a sentir a verdadeira revolução. Uma das diferenças significativas dentro do novo Clio é a consola central, integrada naquilo que a marca chama Smart Cockpit. A consola subiu, os materiais sofreram um incremento de qualidade e a parte de arrumação em baixo foi redesenhada. Pode receber sistema de carregamento de smartphone por indução.

Ecrã multimédia

ecra multimediaFonteRenault/divulgação

Um dos elementos mais visíveis no habitáculo do Clio é o novo ecrã multimédia de 9,3 polegadas. O estilo tablet vem em linha com as exigências dos clientes e é o maior da gama Renault. Integra sistema Easy Link com navegação, diversas aplicações multimédia e tecnologia Multi-Sense.

Painel de instrumentos digital

Uma das inovações no novo Renault Clio é o painel de instrumentos digital, em vez de analógico. O ecrã TFT disponível com dois tamanhos, 7 e 10 polegadas, facilita a leitura de informação e integra, no caso do ecrã maior, o sistema de navegação. Esta é uma das maiores e mais visíveis revoluções a bordo do novo Clio.

Volante

volanteFonteRenault/divulgação

Graças à instalação de um airbag mais compacto que o do (ainda) atual Clio, o volante tem menores dimensões, com a Renault a afirmar que esta alteração resulta em melhor visibilidade do painel de instrumentos. O volante oferece novos comandos com retroiluminação e novos acabamentos.

Bancos

bancosFonteRenault/divulgação

Inspirados em modelos de segmentos acima, os bancos do novo Renault Clio prometem mais conforto, com posição mais envolvente. Os passageiros de trás ganharão espaço para as pernas, graças à construção das costas dos bancos, com “armação oca”.

Personalização

A Renault oferece, no seu novo representante, diversas alternativas de personalização. Consola central, painéis das portas, volante e painel de bordo são algumas das áreas que podem ser personalizadas ao gosto do cliente. O painel, por exemplo, pode receber uma tira de cor a toda a largura, incluindo as saídas de ventilação do habitáculo.

Um acabamento estilo carbono para o tablier permite personalizar o habitáculo com um visual mais desportivo. Existe ainda iluminação ambiente com 8 cores. O novo Renault Clio trará consigo um nível de equipamento R.S. Line, inspirada na gama de desportivos RS da Renault.

Painel de bordo

O painel de bordo do Clio foi inteiramente revisto, inclusive a nível da qualidade. Com revestimentos mais macios, tem áreas personalizáveis e a parte inferior foi redesenhada para ter mais espaço e receber mais objetos. No respeitante à ergonomia, existem teclas com funções base colocadas abaixo do novo ecrã multimédia, dispostas em forma de “piano” para facilitar a utilização.

O novo Renault Clio deverá chegar ao mercado português durante o primeiro trimestre de 2019.

Veja também: