Inês Pereira
Inês Pereira
05 Set, 2018 - 09:18
Cães de guarda: 5 raças indicadas para proteger a casa

Cães de guarda: 5 raças indicadas para proteger a casa

Inês Pereira

Fiéis companheiros do homem, alguns caninos são também ótimos protetores do lar. Tome nota desta lista de 5 raças que dão bons cães de guarda.

O artigo continua após o anúncio

Poucas são as pessoas que não adoram cães e não sonham um dia ter um amigo de 4 patas a correr pela casa. As brincadeiras e o carinho fazem qualquer um esquecer os pelos caídos pela casa e os sapatos destruídos – afinal, o cão é o melhor amigo do homem. No entanto, algumas pessoas precisam de mais do que um companheiro e procuram raças que sejam bons cães de guarda e mantenham os intrusos bem longe do seu lar.

A verdade é que nem todas as raças caninas têm características que se traduzam em bons cães de guarda, pelo que é preciso conhecer bem as opções. Ora, tome nota porque vai ficar a conhecer 5 raças mais do que capazes desta tarefa.

Cães de guarda: conheça as 5 melhores raças

cao de guarda

Em primeiro lugar, é importante que compreenda que um cão de guarda continua a ser um animal de estimação e não deve ser visto como um simples alarme de segurança ou protetor do lar. Deste modo, é um companheiro que continua a requerer a atenção do dono e alguns passeios pela rua, como qualquer cão.

Os cães de guarda são animais que, seja pelo seu porte ou pelo seu instinto de desconfiança em relação a estranhos, enfrentam facilmente quaisquer intrusos do seu território. Enquanto em alguns casos basta que o cão ladre para assustar possíveis invasores, noutras situações pode ser necessário um impedimento físico.

No entanto, importa salientar que, mesmo entre as raças indicadas para cães de guarda, nem todos os animais agem da mesma forma quando confrontados com intrusos. Geralmente, o primeiro instinto será ladrar para avisar o invasor de que não é bem-vindo e para alertar a família de que algo fora do comum está a acontecer.

Segue-se, depois, a neutralização do invasor: o cão salta para cima do indivíduo, de modo a imobilizá-lo até que o dono apareça e possa controlar a situação. Em situações menos pacíficas e que envolvam, por exemplo, a resistência do intruso, o cão pode partir para o ataque e morder a pessoa em causa.

1. Cane Corso

O Cane Corso é um cão que intimida pelo tamanho e pelo ladrar poderoso. Qualquer intruso pensará duas vezes antes de enfrentar um animal tão imponente e robusto, até porque força é o que não lhe falta.

Leal e companheira, é uma raça também muito utilizada para pastoreio e para a caça, especialmente de animais com algum tamanho.

O artigo continua após o anúncio

2. Pastor Alemão

caes de guarda

O Pastor Alemão é um cão extremamente versátil, uma vez que é muito obediente, inteligente, leal, ágil, forte e veloz. O seu faro apurado também faz dele um bom cão para as forças policiais, por exemplo.

O facto de ser uma raça territorial e dominante faz com que seja uma boa escolha para cão de guarda, capaz de defender a família sem hesitar. Porém, é importante que invista tempo e dedicação no treino do animal para garantir que não existe agressividade em excesso.

3. Doberman

O Doberman é o casamento perfeito entre o cão de guarda e o cão de família. Corajoso, inteligente e ágil, é um cão que se apega muito facilmente à família.

Neste sentido, é extremamente fiel aos donos e nunca lhe falta o carinho. Facilmente treinável, é um cão atento e inteligente. A sua velocidade é também uma mais-valia.

4. Bullmastiff

O Bullmastiff é outra das boas opções para cães de guarda. Trata-se de um animal de temperamento dócil e bastante equilibrado, mas intimidante pelo seu tamanho e pose imponente.

A sua principal característica no que se refere à capacidade de guarda é o talento para subjugar qualquer invasor. Também a audição apurada pode ser uma mais-valia. Por outro lado, esta é uma raça que aprecia a companhia da família e que se dá bem com crianças.

5. Rottweiler

caes de guarda

Não deve ser novidade para ninguém mas o Rottweiler é um dos melhores cães de guarda. É um animal robusto, de porte grande, ágil e muito forte. Para além das capacidades físicas, é um cão muito inteligente, confiante e protetor, o que faz dele um bom guardião e companheiro.

A sua confiança, contudo, obriga a que seja bem treinado desde muito jovem para evitar um temperamento indisciplinado.

O artigo continua após o anúncio
Veja também