ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
Alexandra Nunes
Alexandra Nunes
27 Mai, 2021 - 17:10

Como ensinar um cão: dicas simples e palavras essenciais

Alexandra Nunes

Gostava que o seu cão fizesse truques ou, simplesmente, fizesse as necessidades no sítio certo? Explicamos como ensinar um cão a obedecer.

como ensinar um cão

Tal como as crianças precisam de ser ensinadas a obedecer aos seus pais, os cães também precisam de passar por esse processo de aprendizagem. Se a sua expetativa é ter um cão educado, deve, primeiro, saber como ensinar um cão a obedecer a comandos básicos. Só assim poderá exigir-lhe um comportamento exemplar.

Quer tenha um cão ainda bebé ou já adulto, é possível adestrá-lo. As regras e comandos básicos são os mesmos para educá-lo a fazer as necessidades no sítio certo, para não ladrar continuamente quando tocam à campainha, ou para ensinar-lhe a fazer truques giros – como dar a patinha ou fingir de morto.

Os cães só têm dois tipos de relação com os humanos: a de dominante ou a de dominado. Por isso, é importante que comece por mostrar que quem manda é o dono, que o alfa é o humano e que as regras da sua casa são para cumprir.

Quando o seu cão entende as regras da casa, sente-se mais tranquilo e adaptado – logo, sente-se mais feliz.

Como ensinar um cão: regras básicas

Há princípios básicos no adestramento dos cães que deve assimilar antes de partir para a ação.

1

Tom de voz e gesto

dona a ensinar o seu cão a sentar

Embora os cães não entendam a nossa linguagem, eles conseguem interpretar os nossos gestos e tom de voz.

Sempre que estiver a ensinar um comando, a palavra deve ser dita de uma forma assertiva, com um tom de voz firme, mas meigo e calmo.

A palavra deve ser acompanhada sempre de um gesto correspondente.

2

Reforço positivo

dono a dar biscoito a animal

Para ensinar um cão não precisa, nem deve, ser agressivo ou violento. O adestramento não deve ser feito usando castigos ou repreensão quando o cão faz algo errado ou não cumpre o comando. Pelo contrário, dê-lhe um prémio (algo que ele goste, como uma guloseima ou um mimo) sempre que ele fizer algo certo.

Assim vai incentivar a obediência e a boa conduta. O cão vai entender o comando como algo bom, que lhe traz uma recompensa.

3

Treino, muito treino

treinar filhote bebé a dar a pata

A persistência e a repetição são elementos chave para conseguir resultados. Faça do treino uma coisa diária e consistente. A tarefa vai exigir-lhe paciência.

Lembre-se que o adestramento não pode incluir: bater no cão, prendê-lo por longos períodos, deixá-lo sozinho e longe das pessoas da casa, provocar o cão ou gritar com ele.

Se não conseguir hoje, tente novamente amanhã e depois – e depois ainda. Inclua todos os membros da família no processo.

13 boas dicas para quem quer um animal de estimação
Veja também 13 boas dicas para quem quer um animal de estimação

6 palavras essenciais e como usar

Os comandos, ou ordens, são a base de como ensinar um cão. Para além da forma assertiva e entoação que usa, as palavras devem, também, ser as certas e curtas.

Listamos seis palavras essenciais para o adestramento que podem ser usadas para educá-lo a ter boas maneiras ou fazer truques. Tome nota.

1

Não

É importante que o seu cão, sobretudo se ainda filhote, perceba desde logo o que é certo e errado. Diga “não”, erguendo o dedo indicador por exemplo, para o repreender quando faz algo errado.

Dica: Não use o nome do cão a seguir para evitar que ele faça essa associação sempre que o chama.

dona a ensinar cão a não fazer asneiras
2

Muito bem

Assim como é importante que o seu animal de estimação entenda que errou, é igualmente importante que saiba quando fez algo certo. Use a palavra “muito bem” quando o recompensar.

3

Senta

Para manter o seu cão calmo quando tem visitas ou aguarda que o sinal da passadeira fique verde, este comando é importante. Coloque um biscoito numa mão e eleve-a dizendo “senta”.

O seu cão vai olhar para cima e fazer, naturalmente, o movimento para se sentar. Caso contrário, com a outra mão empurre gentilmente o dorso para baixo. Dê-lhe o biscoito como recompensa se ele se aguentar uns segundos na posição.

cão a andar a par do dono no parque
4

Fica

Este comando evita que o seu cão saia de onde quer sem autorização e pode, inclusive, garantir que ele se mantém seguro se, por exemplo, estiver a atravessar a rua.

Comece o exercício com o animal sentado. Diga o comando e afaste-se lentamente com as mãos abertas à frente dele. Se ele ficar dê-lhe uma recompensa.

5

Sai

Usar esta palavra é útil quando o seu cão tiver comportamentos indesejados – como, por exemplo, quando ele tenta roubar a sua comida ou se atira a uma pessoa ou outro cão.

Coloque um brinquedo ou uma recompensa à frente dele e mantenha as mãos próximas ao objeto. Se o animal quiser pegar nele, cubra-o com a mão e repita de forma assertiva “sai”. Tire a mão e espere novamente que ele obedeça.

6

Anda

Se quer que o seu cão o siga nas suas caminhadas este comando é essencial. Faça o seu cão sentar-se à sua frente. Com a trela folgada e recompensa nas mãos diga “olha”, para chamar a atenção do animal, depois baixe-se e, tocando na coxa dele, emita o comando “anda”.

Puxe levemente a coleira na sua direção, trazendo gentilmente seu cão até si. Recompense-o se ele obedecer e tente sem a trela à medida que ele for progredindo.

Dicas úteis sobre como ensinar o cão

cães numa escola de treino

Clicker

Para além do uso das palavras certas e da recompensa, uma ferramenta útil para dominar a arte de como ensinar um cão é usar um clicker. Este acessório pode ser um excelente complemento ao seus mimos, recompensa e paciência.

Muitos treinadores de cães profissionais usam o clicker para ensinar comandos, truques e regras de obediência.

Quando apertado, este instrumento emite um som de click que funciona para o cão como um sinal de que está a fazer a coisa certa. Para ser eficiente, o click tem de ser acionado no exato momento em que o animal cumpre o comando. Assim, o animal vai associar o som a algo certo, tal como acontece com as recompensas e petiscos.

Ajuda profissional

Se prefere deixar a tarefa para os profissionais, há treinadores credenciados e escolas de adestramento que o podem ajudar.

Tem opções de norte a sul do país – como, por exemplo, a Dogs Training Concept, a Dogga, a It’s All About Dogs, a Master Dog ou o Centro de Instrução Canino de Benfica.

Estas escolas têm diversos tipos de treino, tais como: ensinar a fazer as necessidades no sítio certo; eliminar problemas comportamentais, como agressividade ou ansiedade de separação; treino de socialização; e treino de obediência avançada (em que aprendem truques).

Ajuda online

Se não tem orçamento para pagar a um profissional e que fazê-lo por si mesmo, há sites e blogues onde pode procurar ajuda para saber como ensinar um cão.

Reparou que há formas simples de educar o seu melhor amigo de quatro patas? Agora que já sabe como ensinar um cão e conhece os sítios onde pode procurar por ajuda especializada, já não há espaço para desculpas: é altura de começar a treinar.

Veja também