Marta Maia
Marta Maia
12 Abr, 2019 - 17:19
Como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças

Como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças

Marta Maia

Saiba quando é que o Fisco vai fazer contas consigo: explicamos-lhe como consultar o reembolso do IRS e acompanhar o processo.

O artigo continua após o anúncio

Não será exatamente o melhor momento do ano, mas o dia em que nos chega o reembolso do IRS é, certamente, um dos mais agradáveis do ponto de vista financeiro. Como saber exatamente quando chega esse dia?

Estar a par do que se passa com a sua conta fiscal é fácil quando, ao seu serviço, tem o já indispensável website do Fisco. Pode, entre outras coisas, descobrir como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças e saber em que ponto está o seu acerto de contas com a Autoridade Tributária – e, igualmente importante, saber se está prestes a receber o dinheiro que lhe é devido.

Saber consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças é uma vantagem

reembolso irs

Saber como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças é uma enorme vantagem porque, em primeiro lugar, consegue fazer uma previsão das próximas semanas do seu orçamento familiar e fazer as contas de acordo com ela.

Basta pensarmos que, regra geral, os portugueses recebem umas centenas de euros de reembolso do Fisco. Esses euros fazem muito jeito para as compras do mês, mas também são muito importantes na hora de suportar uma despesa extraordinária, inesperada ou não. Ora, se souber em que semana o dinheiro vai ficar disponível na sua conta, pode preparar-se para enfrentar essas despesas com uma facilidade muito maior.

Saber como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças também é bom para saber, ao certo, quanto dinheiro vai receber da Autoridade Tributária. É certo que consegue, através da simulação do IRS, ter uma ideia de quanto vai ter de receber (ou pagar), mas também não é má ideia manter algum pessimismo e acreditar apenas naquilo que vê, que é como quem diz, acreditar no valor que recebe só e apenas quando vir que ele lhe foi pago.

E, se souber como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças, sabe como descobrir o valor definitivo do seu reembolso.

Além de ajudá-lo a fazer planos para o futuro próximo, saber como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças também é útil para garantir que o seu processo fica fechado. O sistema diz-lhe sempre, em tempo real, o que está a acontecer na sua conta tributária, por isso vai notar se, por algum motivo, não houver registo da ordem de pagamento do seu reembolso ou do recebimento do que pagou às Finanças. Mantenha-se atento, porque ainda pode detetar problemas a tempo de resolvê-los com celeridade.

Aproveite a informação para analisar

Poder consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças é ótimo para o momento em que está expectante e prestes a acertar as contas com a Autoridade Tributária, mas também é ótimo porque consegue saber, através do sistema, qual é o seu historial. Além de dizer-lhe quanto e quando vai receber o reembolso deste ano, o Portal das Finanças guarda o registo de pagamentos e recebimentos anteriores deste imposto, ou seja, regista todos os reembolsos do IRS e pagamentos ao IRS que fez nos últimos anos.

O artigo continua após o anúncio

Já que tem acesso a esta informação, porque não usá-la em seu favor? Aproveite a disponibilidade do arquivo e analise a evolução da sua situação fiscal dos últimos anos, pois pode perceber tendências e padrões. Pode, por exemplo, ficar a saber quando uma mudança importante na sua vida se refletiu nas suas contas, e assim defender-se noutros contextos semelhantes. Já que as Finanças lhe dão acesso a essa informação, aproveite-a!

Como consultar?

como consultar o reembolso do irs no portal das financas

O primeiro passo que deve efetuar para aprender a consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças é ir ao site do Portal das Finanças, onde pode consultar o processo de reembolso e, assim, saber se a sua declaração se encontra pendente ou se já foi validada pela Autoridade Tributária e Aduaneira (AT). Para tal, deve seguir os seguintes passos:

  1. Selecionar as áreas Cidadãos > Consultar > Informação Financeira > Movimentos Financeiros, e então inserir os seus dados pessoais de acesso;
  2. Selecionar o ano e o tipo de imposto (IRS) e depois clicar em pesquisar;
  3. Verificar a situação global do pagamento do IRS, desde o valor emitido pelas Finanças ao valor regularizado;
  4. Escolher a opção ver detalhes para confirmar os documentos de cobrança emitidos e saber se o pagamento foi recebido pelas Finanças (ou realizado pela mesma entidade).

Como receber o reembolso mais cedo

Quem entrega o IRS mais cedo recebe primeiro o reembolso, quando comparado com quem o faz mais tarde. Esta é uma das vantagens de realizar o IRS pela Internet, além da comodidade que isso traz ao contribuinte, que não tem de se deslocar até às Finanças e esperar na fila para ser atendido.

A Autoridade Tributária costuma realizar o reembolso num prazo que varia entre os 20 e os 25 dias após a entrega da declaração. No entanto, não há garantias de que estes prazos sejam cumpridos à risca pois o Fisco tem, por lei, até dia 31 de agosto para o fazer, como já foi referido anteriormente.

Os contribuintes com acesso ao IRS automático recebem o reembolso antes de todos os outros, algo que demora entre 15 a 20 dias. Agora que já sabe como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças pode sempre verificar se estes prazos estão a ser cumpridos ou se existem atrasos no processo.

Pagamento do reembolso

como consultar o reembolso do irs no portal das financas

A devolução do IRS pode ser efetuada por conta bancária através da identificação do IBAN. Após a emissão do reembolso, o contribuinte terá de aguardar no mínimo 3 dias úteis para que o dinheiro entre na conta.

O reembolso pode ainda ser emitido por cheque ou vale postal.

mais do IRS que pode resolver no Portal das Finanças

Agora que sabe como consultar o reembolso do IRS no Portal das Finanças, saiba também que não se fica por aqui a lista de possibilidades do website da Autoridade Tributária. Na realidade, quase tudo o que está relacionado com o IRS já pode ser tratado e consultado online, evitando filas, deslocações e esperas prolongadas.

O artigo continua após o anúncio

Pode, por exemplo, consultar e validar as suas faturas ao longo do ano (através do portal e-Fatura). Consegue saber quanto já totalizou em faturas, saber a proporção e o valor das despesas com dedução específica e até ficar a par do total que teria a deduzir à coleta se a declaração do IRS fosse submetida naquele dia.

Também está disponível no Portal das Finanças um sistema de alerta que o avisa quando algo não está bem, como por exemplo nas situações em que algum pagamento devido ao Estado está em atraso. Da mesma forma que o avisa, o sistema permite-lhe regularizar a situação: basta procurar no portal a informação sobre o que tem de pagar, gerar uma referência multibanco e resolver a questão em três tempos.

Ainda no mesmo espaço digital tem disponíveis, na sua área pessoal, todas as informações sobre a sua situação fiscal: as declarações que entregou, as alterações à sua carreira contributiva, as falhas e os pagamentos que fez ou recebeu do Ministério das Finanças. No fundo, toda a sua vida financeira está lá, por isso só tem vantagens em saber utilizar as ferramentas digitais da Autoridade Tributária.

Veja também