Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
27 Ago, 2019 - 11:04
varias propostas de emprego em simultaneo

Como lidar com várias propostas de emprego em simultâneo

Catarina Milheiro

Não sabe como lidar com várias propostas de emprego em simultâneo? Não se preocupe e saiba alguns aspetos que deve ter em conta antes de tomar uma decisão.

O artigo continua após o anúncio

Saber como lidar com várias propostas de emprego em simultâneo nem sempre é fácil e, por isso, é natural que a ansiedade e a angústia se apoderem de nós. Na verdade, apesar de ser um cenário emocionante e cativante, pode ser complicado lidar com essa situação, e, como tal, existem alguns aspetos que deve ter em conta antes de tomar qualquer decisão.

Questões como “o que devo fazer?”, “qual das propostas devo aceitar?” ou “como posso ter a certeza de que estou a tomar a decisão certa?” são comuns quando o assunto é o aparecimento de várias propostas de emprego ao mesmo tempo.

Primeiramente, e mais importante do que tudo, é essencial que fique calmo e que compreenda isso como um aspeto bom na sua vida profissional. Ou seja, terá a oportunidade de comparar as respetivas propostas para que possa determinar qual a melhor.

Como lidar com várias propostas de emprego: dicas para tomar a decisão

mulher emprego escritorio

1. Conheça bem cada proposta de trabalho

Conhecer de perto cada uma das propostas de trabalho com que se depara no momento é extremamente importante para que possa mais tarde tomar uma decisão acertada e um dos passos mais importantes no processo de como lidar com várias propostas de emprego. Ou seja, deve querer saber cada detalhe das propostas que teve para que consiga fazer uma análise comparativa com informações completas.

Quer esteja à procura de um horário flexível, de mais dinheiro ou de um conjunto diferente de responsabilidades, poder comparar ofertas vai ajudar na tomada de decisões.

Se receber várias ofertas de emprego ao mesmo tempo e com o mesmo prazo de aceitação, pense que a sua tarefa é bastante simples: decidir qual é a sua opção preferida tendo em consideração todos os seus objetivos profissionais a longo prazo.

Por isso mesmo, certifique-se que tem todas as informações necessárias sobre as opções que estão “em cima da mesa”, para que possa, então, fazer uma escolha racional.

Se, por acaso, não tiver acesso a alguma informação específica, deve entrar em contacto com a entidade para que consiga obter alguns esclarecimentos em relação a qualquer incerteza que possa surgir, como benefícios, condições de trabalho, conteúdo do trabalho, entre outros.

O artigo continua após o anúncio

2. Expresse entusiasmo sem dizer “sim”

Esta é uma dica valiosa. Sempre que receber uma oferta bastante atraente, deve expressar o seu entusiasmo pela oportunidade. Mas tenha atenção, nunca diga logo que sim.

Esclareça com o empregador o prazo em que ele precisará de conhecer a sua decisão e resista ao impulso de aceitar de imediato a proposta.

Precisa de um exemplo? Tome nota: “Agradeço, desde já, a oportunidade. Estou bastante animado por ter recebido a sua oferta. Acredito que esta posição é uma excelente opção para mim neste momento da minha carreira. Até quando precisa de saber a minha decisão oficial? Vou dar especial atenção à proposta e entrarei em contacto consigo até quarta-feira.”

3. Crie uma lista com alguns fatores decisivos e prós e contras

Pode optar por fazer a sua lista em papel ou em formato digital, o importante é que consiga listar alguns fatores decisivos para que consiga, então, pesar cada uma das propostas de emprego.

Siga estas etapas:

  1. Opte por listar entre 7 a 10 fatores que mais valoriza no trabalho, isto é, salário, nível de stress, benefícios, formações, oportunidade de crescimento, flexibilidade, equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, entre outros;
  2. Depois de concluída esta lista deve atribuir um peso, numa escala de 1 a 10, considerando a importância que cada fator tem para si;
  3. Por fim, atribua um valor de 1 a 10 considerando quanto deste peso acima referido, cada proposta que recebeu fornece.

Esta lista pode ser muito útil para que consiga tomar a sua decisão final. Utilize esta informação em conjunto com o seu instinto para fazer uma decisão acertada. Lembre-se que, por vezes, o seu instinto é o melhor indicador para aceitar ou não uma proposta de emprego.

E como deve recusar uma proposta de emprego?

Como vimos, como lidar com várias propostas de emprego em simultâneo não é um processo fácil e é necessário ponderar bem todas as oportunidades para que se consiga tomar uma decisão. No entanto, o conflito interior que pode existir quando estas propostas surgem em simultâneo, pode também aparecer quando se tem de recusar as outras ofertas.

Quando temos a certeza da nossa decisão final, é necessário recusar então as outras propostas de uma forma delicada, sem que nunca seja rude e claro, sem que feche totalmente “a porta” para um dia mais tarde.

O artigo continua após o anúncio

Por isso, se vai recusar uma proposta não deve nunca adiar essa informação, informe os recrutadores no momento em que já tomou a sua decisão de recusar determinada proposta, sem procrastinar a conversa.

Evite rodeios e seja claro. Tenha muito cuidado para não ofender a empresa ou o recrutador e deixe bem explícito que aquela função pode não ser a que procura no momento em que se encontra da sua carreira, mas que até pode ser algo a pensar no seu futuro. Desta forma, não estará a fechar por completo a porta, e mantém uma relação saudável com a entidade.

Nunca se esqueça de agradecer pela oportunidade oferecida e demonstre a sua boa educação. Tratam-se de aspetos positivos que podem vir a ser preciosos no seu futuro.

Agora que já sabe como lidar com várias propostas de emprego, está na altura de tomar as suas decisões, ponderadas e sempre de forma calma, para garantir que a escolha é a melhor e as outras opções possam continuar como oportunidades para o futuro.

Veja também
Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp