Alexandra Nunes
Alexandra Nunes
23 Fev, 2019 - 09:30
Como poupar na alimentação: 15 ideias saudáveis

Como poupar na alimentação: 15 ideias saudáveis

Alexandra Nunes

Questiona-se sobre como poupar na alimentação comendo saudável e mantendo uma nutrição adequada? Temos dicas para o ajudar.

O artigo continua após o anúncio

A alimentação é das maiores despesas mensais em qualquer orçamento familiar. É algo essencial à nossa saúde e bem-estar e não deve ser descurada. No entanto, se quer tentar baixar esse gasto, saiba como poupar na alimentação mantendo uma dieta saudável e nutritiva.

Muitas pessoas optam por refeições prontas, com excesso de gordura e açúcar acreditando que, assim, estão a poupar. Mas fazendo as contas, não só essas escolhas se revelam, na maior parte dos casos, mais caras, como prejudicam a saúde. Um estudo de 2017 da Direção-Geral de Saúde sobre alimentação saudável e obesidade indica que a obesidade é mais elevada em pessoas com um nível socioeconómico e de literacia mais baixos.

Mas como poupar na alimentação e, ao mesmo tempo, comer saudável? Nós temos dicas que o vão ajudar a economizar na carteira e não na nutrição.

Como poupar na alimentação, mas não na saúde

1. Pequeno-almoço bom e barato

como poupar na alimentação

Depois de horas a dormir sem ingerir qualquer alimento, o seu corpo precisa de “combustível”, portanto, não saia de casa sem comer. Tomar pequeno-almoço em casa vai, seguramente, sair mais barato do que ir a um café ou pastelaria e consegue controlar melhor as suas opções.

Pão com manteiga ou queijo, leite, café ou um sumo natural de fruta da época são opções muito nutritivas, com alto teor energético e económicas.

2. Leve comida de casa

Como poupar na alimentação se tenho de almoçar todos os dias fora? Muitas pessoas têm este dilema mas se preparar refeições em casa para levar para o trabalho ou universidade consegue poupar e fazer uma alimentação mais saudável. Para além disso, as marmitas estão muito na moda!

3. Evite comida menos saudável

Às vezes, é difícil controlar a vontade de comer fast food, comidas açucaradas ou com muita gordura. Uma vez, de vez em quando, não tem mal, mas procure evitar consumir lixo alimentar. Deixe os refrigerantes, hambúrgueres, batatas fritas e bolos para os dias de festa.

4. Ande sempre com snacks saudáveis

como poupar na alimentação

Comer várias vezes ao dia é uma regra basilar das dietas saudáveis. Para evitar a ida à pastelaria ou à máquina de venda automática, ande sempre com snacks.

O artigo continua após o anúncio

Opte por coisas saudáveis, como uma peça de fruta, cenoura ou pepino em palitos, frutos secos ou barritas de cereais. Sai mais em conta e nutricionalmente é melhor do que bolachas, bolos ou chocolates.

5. Coma mais sopa e fruta

A sopa é um dos alimentos mais ricos em nutrientes e mais pobres em calorias, sendo também um dos mais económicos de preparar. A fruta é um ótimo complemento, como sobremesa, lanche ou snack. Escolha os produtos da época porque são mais frescos e mais baratos.

6. Evite refeições pré-cozinhadas

As refeições pré-cozinhadas só devem constar do seu cardápio em último recurso. Se quer saber como poupar na alimentação, comece por deixar de encher o congelador com estas refeições. Para além de serem mais caras do que comprar os ingredientes e preparar em casa, têm imensos aditivos que não são nada saudáveis.

7. Tem sede? Beba água

como poupar na alimentação

A Organização Mundial de Saúde recomenda que bebamos uma média de 2 litros de água por dia. Para além de ser essencial ao nosso bem-estar e saúde, a água é a bebida mais barata. Os refrigerantes, sumos ou bebidas alcoólicas são muito mais caras e nutricionalmente pobres.

8. Tome café em casa ou no trabalho

Se tem o hábito de beber café logo de manhã ou a seguir às refeições, opte por fazê-lo em casa ou no trabalho. Hoje em dia, toda a gente tem uma máquina de espresso, por isso, é fácil evitar gastar esse dinheiro. Comprar um pacote de cápsulas sai muito mais em conta do que tomar uma bica no café todos os dias.

9. Compre produtos de marca branca

Se precisa de saber como poupar na alimentação quando vai ao supermercado, é simples. Opte por comprar produtos de marca branca (da marca da superfície comercial onde vai). Os produtos são, normalmente, de qualidade idêntica aos produtos de marca famosa (muitos são feitos na mesma fábrica) e bem mais baratos.

10. Jantar fora menos vezes

Fazer refeições fora de casa causa sempre estrago na carteira e, muitas vezes, na dieta. Sobretudo, se for jantar fora com amigos ao fim-de-semana. Este pede mais uma entrada, o outro mais uma garrafa de vinho e, no fim, a conta é a dividir por todos. Reduza o número de vezes que vai jantar fora. Apareça para o café ou para o after dinner.

11. Peça fatura nos restaurantes

como poupar na alimentação

Não se esqueça de pedir fatura sempre que vai comer a um restaurante. Isso pode ajudá-lo a poupar muito dinheiro. Lembre-se que pedir fatura nos restaurantes permite deduzir 15% do IVA suportado à coleta de IRS, com o limite global de 250 euros.

O artigo continua após o anúncio

12. Não desperdice comida

Se sobrou carne ou arroz do jantar, não deite fora. Aproveite todos os restinhos para fazer novas refeições. O arroz com todos, as almôndegas com a carne assada que sobrou ou o pudim de peixe com os restos do que grelhou são apenas algumas ideias para reaproveitar alimentos.

13. Congele

Se não tem paciência para estar a fazer comida de restinhos hoje, congele e guarde para um dia em que não tenha mais nada. Se apanhar promoções boas no supermercado de determinados alimentos, compre e congele. Faça comida em maior quantidade para congelar. Poupa tempo e dinheiro.

14. Faça um plano de refeições

Organização é uma das melhores estratégias para poupar na alimentação. Faça um plano de refeições semanal. Isto vai permitir-lhe comprar apenas o necessário e aproveitar melhor os alimentos que tem ao dispor, poupando dinheiro. Para além disso, poupa tempo.

15. Vá ao supermercado com lista, sem fome e sem crianças

como poupar na alimentação

Os supermercados têm tudo exposto de forma a tentá-lo a comprar. O que precisa e o que não precisa. Para evitar isso, faça antecipadamente uma lista e vá direto ao corredor do produto que procura. Para evitar comprar por impulso, não vá às compras com fome. E, se puder, não leve as crianças. Elas vão enchê-lo de pedidos a que será difícil dizer não.

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp