ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
28 Jun, 2021 - 09:00

Decoração rústica: um estilo decorativo sempre atual

Mónica Carvalho

Muito associada às casas de campo, a decoração rústica vai muito além disso. Conheça melhor este estilo que transmite tranquilidade e bem-estar.

decoração rústica

Regra geral, a decoração rústica está mais associada a casas de campo, a casas de férias e a ambientes mais descontraídos. Mas a verdade é que cada vez mais pessoas estão a transferir este estilo decorativo para as suas casas, seja num panorama mais geral ou, então, em apenas alguns pormenores.

Isto acontece muito devido ao facto de a decoração rústica transmitir boas energias, de descanso, relaxamento e de boa disposição. Por tudo, isto vamos apresentar-lhe um pequeno guia sobre este tipo de ambiente, que lhe dará as principais luzes de como aplicar na sua própria casa o tipo de decoração ou, então, apenas alguns elementos de decoração rústica.

Decoração rústica: principais características

Tudo o que lhe faça lembrar a natureza, os locais de refúgio, o contacto espiritual com as nossas raízes e origens é o que compõem a lógica da decoração rústica.

Para muitos, poderá significar uma decoração inacabada, com materiais fracos e sem qualidade. Mas é exatamente o contrário: cada espaço com este estilo decorativo é dotado de pormenores, materiais e objetos bem planeados e característicos que compõem um ambiente final muito agradável.

quarto decoração rústica

Um refúgio da vida agitada, dos problemas, das quezílias: é a isto que a decoração rústica se propõe. No entanto, existem algumas características mais vincadas neste estilo que pode aplicar. Tome nota:

  • Vigas expostas, especialmente em madeira, o que exige um cuidado especial ao longo do tempo;
  • Abundância de madeira, seja em móveis, objetos decorativos, paredes expostas ou até acessórios;
  • Paredes irregulares e com marcas do tempo evidentes – na decoração rústica não se tentam disfarçar as imperfeições de uma casa, mas sim celebrá-las;
  • Pedra, cal, barro, couro, cimento e metal não polido são alguns dos materiais mais utilizados neste estilo decorativo;
  • Valorize, use e abuse de materiais de artesanato, especialmente feitos à mão, como o patchwork ou o macramé;
  • Convivência harmoniosa de várias texturas, tanto nas paredes, como no chão, nos móveis e nos objetos decorativos;
  • Cestos de verga, objetos de palha e demais acessórios que remetem para a atividade agrícola e para o tratamento dos animais de quinta são também alguns dos objetos permitidos neste cenário.

Decoração rústica: tendências, inspirações e ideias

Conhecidos os pilares básicos da decoração rústica, vamos dar-lhe umas ideias e inspirações para ir colocando em prático nos espaços que desejar.

Afinal, a arquitetura rústica pede que seja recheada de materiais puros, como se não fossem sequer tocados pelo homem. Pretendem-se, assim, estruturas cruas, imperfeitas, sem simetrias e com muita madeira.

Além disso, deve considerar também a iluminação do espaço: a luz é bem-vinda, sim, mas em quantidade moderada. Só assim se consegue aquele ambiente aconchegante de cenário à volta da lareira tal como nos filmes de Hollywood.

Decoração com divisórias

Nunca se esqueça: a palavra de ordem quando se fala em decoração rústica é aconchego. E as peças em madeira têm esta característica, pelo as divisórias entre diferentes espaços podem ser peças statement e facilmente utilizadas para um ambiente que o fará mesmo sentir-se em casa.

Mobiliário e objetos decorativos

Há várias formas de adotar o estilo de decoração rústica nos móveis e objetos sem que a sua casa se torne numa confusão de peças.

Começamos pelas mesas e aparadores – preferencialmente de madeira, e sem grandes tratamentos. Veios de madeira, imperfeições e rugosidades – quantas mais, melhor! Prefira uma mesa bem grande, com uma grande base – uma espécie de tronco de árvore melhor ainda!

No que toca a objetos decorativos, não têm de ser de madeira também – até porque convém ter diferentes materiais! Tecidos naturais como linho, o xadrez e materiais como a ráfia e a palhinha são mais do que bem-vindos. Colchas de padrões ou patchwork, rendas artesanais e acessórios em cobre e latão funcionam lindamente neste cenário.

Aproveite e recicle também garrafas e frascos de vidro para servirem de vasos, floreiras e suportes para velas.

Revestimentos rústicos

Revestimentos práticos e puros é o que se pretende na decoração rústica. Porcelanatos sem grandes espelhados e vidrados, cimentos queimados, madeiras fielmente reproduzidas, pedras de todos os tipos, tijolos de revestimento e pinturas de cores mais ocres são os mais valorizados.

Cimento queimado? Já ouviu falar nisto? Pois bem, este material é uma das opções de acabamento mais utilizadas para soalhos de decoração rústica e consiste basicamente numa mistura de cimento e de areia em sua composição, o que o transforma numa opção duplamente apelativa uma vez que se torna bastante acessível.

Plantas

Nem será preciso referir que neste tipo de decoração se querem plantas – e não são poucas. Decoração vegetal vertical, de parede, suspensa… Vá até onde a imaginação lhe permitir e decore os espaços com uma mistura de plantas e materiais reciclados.

Veja também