Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
07 Set, 2022 - 21:06

Vai destralhar a casa depois das férias? Temos 5 dicas

Catarina Milheiro

De regresso à rotina?Torne o seu lar menos pesado. Conheça as nossas dicas para destralhar a casa depois das férias.

Destralhar a casa depois das férias é uma ótima opção para quem pretende tornar tudo menos pesado e deixar o lar sempre organizado.

Como sabemos, regressar das férias pode significar um momento de difícil adaptação, principalmente no que diz respeito à rotina de trabalho e ao regresso às aulas.

Por isso mesmo, trata-se do momento ideal para iniciar a missão de destralhar a casa e começar a organizar e simplificar – antes de retomarmos todas as nossas tarefas e atividades.

A verdade é que nos sentimos muito mais felizes, focados e despreocupados quando o nosso lar está limpo, sem tralhas desnecessárias e devidamente colocadas nos sítios delas.

No fundo, o objetivo de destralhar é ganhar qualidade de vida e perder menos tempo com coisas que não são importantes. Ficou curioso? Fique connosco.

Organizar e destralhar a casa depois das férias

5 dicas essenciais

Voltou agora das férias e sente que o seu lar precisa de uma reviravolta? Nada melhor do que tirar uma tarde para organizar e destralhar a casa depois das férias.

Antes de retomar a sua rotina habitual em que o tempo é, habitualmente, escasso, opte por eliminar dos espaços tudo aquilo que não é necessário.

Deite fora o que está estragado, coloque à venda alguns objetos e faça doações das coisas que já não são úteis em sua casa, mas que até estão em bom estado.

1.

Saiba identificar a “tralha”

A primeira dica para começar a destralhar a casa depois das férias passa por saber identificar aquilo que é considerado tralha. Falamos de:

  • Objetos desarrumados e desorganizados;
  • Demasiadas coisas num espaço reduzido;
  • Objetos que não usamos ou que já não gostamos;
  • Coisas estragadas e sem qualquer utilidade;
  • Tudo o que não despertar em nós nenhum valor sentimental e estiver em mau estado.

Por exemplo: se guardou a televisão que avariou há 5 anos e sabe que não há arranjo possível, talvez esteja na hora de a deitar fora. Ou então aquelas revistas que foi acumulando ao longo do ano: chegou o momento de as reciclar.

2.

Defina a divisão que pretende destralhar e crie tarefas

Todos nós, a certa altura, começamos a refletir sobre determinados ambientes ou objetos que pretendemos rever para não acumularmos cada vez mais tralha em nossa casa.

Assim, o ideal é definir a divisão que pretende destralhar e organizar primeiro. Ou seja, se a sala, o quarto ou o escritório, por exemplo. Depois, crie tarefas específicas dentro de cada divisão, como:

  • Limpar e organizar a papelada que está nas gavetas do escritório;
  • Rever os aparelhos eletrónicos guardados na arrecadação;
  • Dar uma reviravolta aos lençóis e toalhas de banho;
  • Tirar os sapatos do sítio e identificar os que já não utiliza ou os que estão demasiado estragados;
  • Tirar a tralha da cozinha que não é necessária e organizar os armários.
3.

Traçar alguns objetivos também pode ajudar

Se, por norma, tem dificuldade em deitar coisas fora ou colocá-las de parte, esta pode ser uma boa dica: deixar claro aquilo que pretende em cada uma das tarefas pré-definidas.

Isto é, se o objetivo for tratar da papelada que tem no escritório, pode definir “deitar fora todas as faturas com mais de 5 anos”, por exemplo. No caso de se tratar de uma reviravolta aos aparelhos eletrónicos que tem guardados, defina quais são os cabos que realmente precisa e deite fora tudo o que já não usa.

Se estiver a arrumar as suas roupas, poderá sempre optar por definir deitar fora tudo o que estiver muito danificado e doar o que já não utiliza.

Já na cozinha, a nossa dica passa por deitar fora as caixas que já não tenham tampa e estejam com o plástico danificado (algo que pode ser prejudicial para a sua saúde). Verifique também o estado dos seus utensílios e deite fora o que não estiver em boas condições.

4.

Crie 3 montes principais

Depois de identificar os objetos todos para destralhar a sua casa, crie 3 montes principais:

  • Objetos para doar;
  • Peças para manter;
  • Lixo;
  • Peças para arranjar.

Uma vez recolhidos todos os objetos que por algum motivo já não fazem sentido naquele local ou até mesmo no seu lar, deve colocá-los nestes montes.

Outro monte que pode ainda criar é o do “talvez”, ou seja, objetos acerca dos quais não tem a certeza se pode doar e que têm um prazo de validade muito próximo (como por exemplo, medicamentos). Para ter a certeza, o melhor é ligar para as associações e questionar.

5.

Crie regras para não voltar a empilhar objetos

Sabemos que destralhar a casa não é um processo fácil. Afinal, há todo um lado emocional que está intrinsecamente ligado às memórias de alguns objetos.

Por isso mesmo, evite ser demasiado rígido consigo próprio e aceite que não conseguirá livrar-se de tudo logo à primeira vez. O importante é que defina algumas regras para que não volte a guardar tralha em sua casa. Tome nota:

  • Se não utilizou nos últimos 2 anos é porque não faz falta. Logo, descarte;
  • Só compre algo novo para substituir, quando o velho for deitado ao lixo ou doado.

No final, livre-se de tudo aquilo que já não faz sentido para si, que já não tem utilidade e que está só a ocupar espaço em sua casa. Verá que os ambientes ficarão bem mais leves e a sua mente também.

Veja também