Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
22 Set, 2020 - 11:53

Enoturismo no Alentejo: 5 sugestões absolutamente imperdíveis

Mónica Carvalho

O mote do “vá para fora cá dentro” tem este ano uma nova importância. Com a chegada do outono, descobrir locais de enoturismo no Alentejo tem outro encanto…

Panorâmica de herdade de enoturismo no Alentejo

Se está a planear umas férias de enoturismo no Alentejo, nós ajudamos e mostramos alguns dos locais mais bonitos para poder desfrutar de uma região onde o tempo e o modo de vida nos obrigam a parar e a simplesmente viver.

Não é preciso ser um verdadeiro conhecedor para perceber que o enoturismo no Alentejo está em franco desenvolvimento, explorando o seu incrível potencial e apresentando alternativas de alojamento e experiências vínicas verdadeiramente únicas, seja na planície dourada ou nos declives das serras. É por lá que se encontram as vinhas alentejanas que dão origem a vinhos de sabor distinto.

Mas nem sempre foi assim. Na verdade, a produção de vinho no Alentejo foi, historicamente, relegada para segundo plano. A prioridade era sempre a produção de cereais. O cenário foi alteado em definitivo em 1988, com a demarcação da região. Desde então que o bonito Alentejo tem uma palavra a dizer no que ao enoturismo diz respeito.

Por isso, se o seu sonho é fugir ao bulício da vida citadina, relaxando num ambiente de luxo descontraído, sempre com um delicioso copo de vinho à mão, nós temos a resposta para si.

5 alojamentos para enoturismo no Alentejo

Mal se poderia adivinhar que a influência romana no Alentejo em muito marcaria a implantação e criação das vinhas. Mas o que é certo é que essa presença é ainda hoje visível nas antas, nos templos, castelos, igrejas e até nos palácios renascentistas que existem na zona. Mais razões para estes locais de enoturismo no Alentejo entrarem diretamente para a sua lista de locais a visitar.

Convento do Espinheiro, Évora

Este espaço de elegância ímpar é inquestionavelmente um dos melhores hotéis da região. Considerado um monumento nacional, o Convento foi construído no séc. XV, fascinando os seus visitantes com a história, cultura, charme e luxuosa beleza que exala.

Como parte da renovação que sofreu, disponibiliza agora uma série de comodidades de lazer absolutamente imperdíveis, juntamente com uma impressionante adega gótica, recheada dos melhores vinhos alentejanos.

Se o seu objetivo for descontrair, faça uma visita ao incomparável SPA e desfrute de uma relaxante massagem. Para os mais desportistas, o espaço coloca à disposição um centro de fitness totalmente equipado, um campo de ténis e piscinas interiores e exteriores.

Nas ofertas disponibilizadas pelo Convento, inclui-se uma prova de vinhos e visita guiada que, além de apresentar em detalhe a história do Convento do Espinheiro, lhe permite ainda degustar alguns dos melhores vinhos do Alentejo.

Herdade do Esporão, Reguengos de Monsaraz

Situada no coração do Alentejo, a Herdade do Esporão está de portas abertas aos visitantes que pretendam conhecer as vinhas, as hortas e o Campo Ampelográfico.

Esta é mais do que uma simples viagem. É a sua oportunidade para degustar produtos regionais, para conhecer alguns dos segredos de produção dos vinhos numa visita às Adegas e até para testar os seus sentidos com uma prova.

Também poderá visitar o Lagar de Azeites e, assim, ficar a conhecer a riqueza e variedade da cultura alentejana dos azeites e que nos traz sabores tão deliciosos.

Herdade do Freixo, Redondo

A Herdade do Freixo centra a sua atividade vitivinícola com castas de elevado potencial adaptativo ao solo e clima da propriedade, o que resulta em vinhos com muito carácter.

O espaço é gigante: são mais de 300 hectares de puro Alentejo, entre a Serra D’Ossa e Évora, de modo a usufruir da genuína paisagem rural, onde se encontra uma adega inovadora única na Europa, totalmente subterrânea, que não é avistada na paisagem e que não interfere no equilíbrio do ecossistema natural.

O objetivo deste projeto é, precisamente, contruir um projeto de referência ao nível do enoturismo e da produção vinícola, mantendo a autenticidade centenária da propriedade.

Torre de Palma Wine Hotel, Monforte

Com os seus primórdios a remontarem ao ano de 1338, o Torre de Palma Wine Hotel foi criado em 2014 inspirado no modo de vida das tradições do Alentejo, para que qualquer visitante se sentisse como um verdadeiro alentejano, nem que seja por uns dias.

Esta unidade de alojamento de cinco apresenta uma arquitetura típica do Alentejo, caiada de branco e com espaços muito acolhedores, de decoração elegante que funde o contemporâneo com o tradicional, em perfeita harmonia com a natureza.

O hotel possui uma piscina interior e outra no exterior, um SPA, um restaurante e um bar. Mas muito mais: uma sala de cinema, uma capela, um picadeiro, uma horta biológica, um pomar, uma vinha, um pequeno olival, um pequeno bosque e até uma loja de produtos regionais.

Quinta das Argamassas, Campo Maior

Rodeada de vinhas, a Quinta das Argamassas, pertencente ao Grupo Nabeiro, assume-se como um espaço ideal para a celebração de todo tipo de eventos: congressos, reuniões de empresa, festas, casamentos… Tal é a capacidade do local em bem receber e de ser adaptar às necessidades dos clientes.

Por lá se encontra também a Adega Mayor, fruto da visão do Comendador Rui Nabeiro e da sua grande paixão pelos vinhos e pela sua terra – Campo Maior. O que a distingue? O projeto arquitetónico da autoria de Siza Vieira que lhe conferiu o traço inconfundível.

Como conseguirá certamente perceber por esta amostra, obedecendo à crescente procura de enoturismo no Alentejo, a oferta tem-se tornado cada vez mais especializada e irresistível, fazendo as delícias dos enófilos e apreciadores esporádicos do precioso néctar dos deuses. A rebentar de inveja (positiva), só nos resta desejar-lhe boa viagem e bom descanso!

Veja também