Teresa Campos
Teresa Campos
14 Out, 2018 - 15:20
10 dicas para um estômago saudável e sem irritações

10 dicas para um estômago saudável e sem irritações

Teresa Campos

O estômago provoca, muitas vezes, certos desconfortos porque não o tratamos devidamente. Saiba o que fazer para ter um estômago saudável.

O artigo continua após o anúncio

Invista no seu bem-estar pondo em prática as seguintes 10 dicas para um estômago saudável. Garantimos que vai sentir melhorias quase imediatas, não só no que respeita ao funcionamento gástrico, como ao de todo o seu organismo. Afinal, ter uma dieta equilibrada e hábitos de vida mais positivos é algo benéfico para todo o seu corpo e isso irá notar-se por fora. O bem-estar interior irá refletir-se no seu exterior e irá descobrir como, nem sempre, são precisos medicamentos para conseguir solucionar alguns incómodos e dar uma volta de 180º à sua vida.

Tome nota de 10 dicas para um estômago saudável e sem problemas

na dúvida, o melhor é conversar com o seu médico

Vá ao médico

Se tem crises de estômago recorrentes, já tentou fazer de tudo e parece não haver forma de solucionar o problema, então deve mesmo visitar um profissional de saúde, capaz de estudar o seu caso e prescrever-lhe alguns exames como a endoscopia, de modo a avaliar a origem das complicações e quais os tratamentos mais indicados.

Faça exercício

A atividade física é, sempre, benéfica e deve ser praticada com regularidade. Entre outros aspetos positivos, ajuda a combater a ansiedade e a libertar endorfina, o que dá uma sensação de bem-estar e alivia o stress, muitas vezes causadores dos problemas estomacais. Apenas deve evitar a prática desportiva a seguir às refeições, porque pode causar algum mal-estar ou indisposição.

estomago

Melhore os seus hábitos

Opte por alimentos de fácil digestão, sobretudo se os ingerir antes de dormir. Prefira ingredientes leves, que não provoquem uma produção excessiva do suco gástrico e consequentes refluxos, durante o seu período de sono.

Alimente-se bem

Faça refeições saudáveis e frequentes, evitando passar várias horas sem comer. Coma produtos frescos e equilibrados de três em três horas e melhore o seu sistema digestivo, acelere o metabolismo, queime calorias e sinta-se melhor consigo mesmo.

Evite alguns produtos

Rejeite produtos como bebidas alcoólicas, café e frutas cítricas, como limão, abacaxi e laranja, assim como alimentos gordurosos e picantes ou, pelo menos, reduza a sua ingestão, já que são mais agressivos para o estômago e não são facilitadores da digestão.

Coma devagar

Por vezes, o ritmo do dia-a-dia não permite ter o tempo que se deseja. Porém, tirar alguns minutos por dia para fazer as refeições principais de forma tranquila e de maneira a mastigar devidamente os alimentos é essencial para um processo digestivo mais fácil e rápido, evitando assim problemas gástricos.

0s 8 piores alimentos para o estômago
Veja também Os 8 piores alimentos para o estômago
estomago

Ingira alimentos ricos em fibras

As fibras são grandes aliadas da saúde gástrica, pois atuam como reguladoras da digestão. Por essa razão, o consumo de produtos ricos nestes nutrientes deve ser feito diariamente. E, na verdade, há muito por onde escolher: folhas verdes (couve, agrião, rúcula e bróculos), cereais (linhaça, gergelim, aveia e lentilha) e frutas (maçã, banana, laranja e morango).

O artigo continua após o anúncio

Beba água, muita água

Basta pensar que o corpo humano é composto por quase 70% de água, para perceber como uma boa hidratação é fundamental não só para a saúde gástrica, como para o bom funcionamento do organismo como um todo. A ingestão deste líquido regula a temperatura corporal e garante o transporte das moléculas entre as células, controlando, ainda, a acidez estomacal. Os chás naturais são, igualmente, uma boa maneira de se hidratar, enquanto trata os desconfortos estomacais, especialmente se privilegiar infusões de hortelã, camomila e cidreira.

Chá para o estômago: os 4 melhores
Veja também Chá para o estômago: os 4 melhores

Cuide do seu bem-estar emocional

Sabe que o seu bem-estar interior se reflete no bem-estar do seu estômago e o contrário também acontece? É mesmo! O estômago é, muitas vezes, reflexo do nosso estado de espírito, pelo que o stress e a ansiedade são fatores extremamente prejudiciais para a saúde gástrica, sendo muito responsáveis para disfunções como a gastrite e a úlcera. Por essa razão é importante que reconheça os limites do seu corpo, atente na qualidade do seu sono e reserve um tempo para atividades físicas, mas também para momentos de lazer, com a família e com os amigos.

Dor de estômago: causas, prevenção e tratamento
Veja também Dor de estômago: causas, prevenção e tratamento

Tenha uma alimentação saudável

Para além do que já falámos no que respeita a uma dieta rica em fibras, de forma a regular o sistema digestivo e a evitar dores de estômago, há alimentos que merecem especial destaque e devem ter lugar cativo à sua mesa. Frutas, como a banana ou a maçã, iogurtes, gengibre e aveia são alguns dos produtos que ajudam realmente à digestão e previnem a obstipação. O leite não precisa de ser banido, mas deve ser ingerido com contenção, pois estimula a produção de ácido gástrico. Do mesmo modo, devem ser evitados alguns alimentos – já mencionados anteriormente – por irritarem, particularmente, a mucosa gástrica.

Comece a cuidar do seu estômago e não permita que esses incómodos gástricos permaneçam e evoluam para algo mais grave e de mais difícil resolução. Tome a decisão e mude tudo aquilo que está a fazer erradamente, passando a adotar atitudes e comportamentos mais conscientes e equilibrados, em nome de um organismo mais saudável e de um bem-estar que irá espelhar-se um pouco em tudo aquilo que faz no seu dia-a-dia. Visite o seu médico, aconselhe-se e siga estas dicas que garantem um corpo mais são e feliz!

Veja também