João Abreu
João Abreu
14 Mar, 2019 - 23:37
O Google Maps vai passar a alertar sobre os limites de velocidade

O Google Maps vai passar a alertar sobre os limites de velocidade

João Abreu

O Google Maps terá uma nova ferramenta que promete revolucionar a sua utilização. Conheça os novos alertas desta app mundialmente aclamada pelos condutores.

O artigo continua após o anúncio

Muitos condutores recorrem à aplicação móvel Google Maps para se orientarem no trânsito e em tempo real. Porém, a introdução de novas funcionalidades, como o alerta para radares e limites de velocidade, promete mudar a sua utilização.

O Google Maps com alerta para radares irá emitir sinais sonoros quando o utilizador circular em zonas onde os limites de velocidade são controlados. Esta e outras funcionalidades podem já ter chegado a alguns utilizadores e farão brevemente parte da aplicação universalmente.

Google Maps radares : conheça as novidades da app

app

O Google Maps promete novas funcionalidades que irão surpreender os utilizadores. A conhecida e famosa app irá introduzir alertas sobre radares e limites de velocidade.

Quer para quem se desloca a pé ou de transportes públicos, ou para quem circula de automóvel, a app Google Maps tem crescido como uma aplicação de relevância na apresentação de mapas e direções alternativas.

De entre as apps com GPS que ajudam a economizar gastos com o carro que destacamos – Google Maps e Waze – podemos dizer que a Waze já disponibilizava a opção de alertar sobre radares e limites de velocidade nas estradas percorridas pelos utilizadores.

É sabido que estas funcionalidades estavam a ser testadas pela Google desde Novembro de 2018. Atualmente, estas mesmas opções começam a ser implementadas num grupo restrito de utilizadores nos Estados Unidos da América.

É de salientar que a Waze foi comprada pela Google em 2015. Contudo, a empresa de Mountain View não tencionou destroná-la, mesmo sendo concorrente direta do Google Maps.

Assim sendo, os utilizadores destas apps obtiveram sempre o melhor delas: serviços de qualidade, disponíveis para qualquer utilizador e de forma totalmente gratuita.

Por sua vez, como as duas aplicações pertencem à mesma empresa, seria de esperar que, mais cedo ou mais tarde, partilhassem algumas funcionalidades.

O artigo continua após o anúncio

Diferenças entre o Google Maps e a app Waze

gps

De forma a obter um termo de comparação, é importante que primeiramente entenda algumas diferenças entre as novas funcionalidades do Google Maps e o atual Waze.

Se por um lado o Waze tem como objetivo mostrar ao utilizador como se pode deslocar de um ponto do mapa até outro local, o Google Maps pretende apresentar sempre informações posteriores com um maior alcance e uma ampla ramificação de conteúdos sobre o local em que cada utilizador se encontra ou que pretenda ir.

O Maps disponibiliza ainda formatos de circulação alternativos até ao local pretendido, quer esteja a pé, de transportes públicos ou com o seu automóvel. Antes ou durante o trajeto, a aplicação apresenta também um conjunto de locais temáticos, consoante as suas necessidades, como restauração, hotéis, lojas, e outros locais mais particulares presentes nas imediações.

Se acha que o Google Maps já se encontra num estado de desenvolvimento ideal, pedindo recomendações aos utilizadores nos locais onde estes utilizam a app, então espere até que a interface ganhe ainda mais melhorias, com a integração e, consequentemente, prestando novas funcionalidades futuras.

A nova característica da Google Maps será bem semelhante ao que a Waze já faz. Tal como nesta app, os utilizadores do Maps terão a oportunidade de avisar outros condutores sobre os radares de controlo de velocidade, em diversas localidades.

Desta forma, um utilizador poderá sinalizar os radares existentes numa determinada zona, assim como indicar a ocorrência de acidentes nas estradas.

Sendo uma app utilizada por milhões de utilizadores, as sinalizações irão chegar a todos os que a ela recorrerem. Assim, será possível avisar previamente e em tempo real, todos os condutores que considerem utilizar determinada rota.

Integrar algumas funcionalidades do Waze no Maps, será uma boa aposta e reforçará o objetivo do Google Maps: ajudar os utilizadores no terreno. Importa ainda referir, que este tipo de utilização é perfeitamente legal e incentiva até que se torne mais realista e precisa.

O artigo continua após o anúncio

Parte desse desenvolvimento, como já fora referido anteriormente, advém da uma ajuda contributiva por parte de dicas e sugestões entre todos os utilizadores. E quando a questão é centrada em descobrir novos radares ou zonas limitadas por radares de velocidade, acaba por ser uma ajuda de grande escala do ponto de vista comunitário e de interesse geral por todos os que transitam nas estradas.

O alerta do Google Maps radares acaba por ser uma situação win-win. Ganha a Google pelo reforço da confiança dos seus utilizadores e ganham também eles, pela utilização de um serviço de qualidade e com atualizações constantes.

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp